Policiais e dono de startup acusados de extorquir sócio da BWA Investimentos são libertados 14

Policiais e dono de startup acusados de extorquir sócio da BWA Investimentos são libertados

Policiais e dono de startup acusados de extorquir dono da BWA Investimentos são libertados
Foto: Divulgação

A Justiça concedeu habeas corpus aos cinco policiais civis, um tenente da Rota, três soldados e três empresários acusados de participarem do sequestro e extorsão do dono da BWA Investimentos.

O juiz Marcello Ovidio Lopes Guimarães, da 18.ª Vara Criminal de São Paulo, deu o despacho na quinta-feira (21) e libertou os 12 suspeitos do caso que envolveu um conhecido empresário do ramo de bitcoin em Santos.

De acordo com o documento, foi solto Guilherme Aere dos Santos, acusado de ser o mandante do crime. Além dele, também estão em liberdade Marcelo Nogueira Chamma, Davi Carlos de Souza Queiroz, Matheus de Souza Paula, Amauri Moreira da Silva, Ramon Almeida da Silva, José Ricardo Nahrlich Júnior, Roger Hiroshi Toda, Wailton Sena Rios, Tiago Antonio dos Santos Viana, Thomas Luiz Zan e Geraldo Francisco Oliveira Subrinho.

Outro pedido de habeas corpus havia sido negado no início do mês pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Dono BWA e policiais civis e militares

Já havia uma pressão política para a libertação dos suspeitos, pelo menos no caso dos policiais militares. No final de outubro, em uma sessão na Assembleia Legislativa de São Paulo, o deputado estadual Coronel Nishikawa (PSL) defendeu o tenente da Rota e disse que as acusações eram falsas.

Caso envolveu o de sequestro de P.R.R.B, empresário do ramo de Bitcoin de Santos (SP), dono da BWA Investimentos. Em depoimento à Corregedoria da Polícia Civil, ele afirmou que o caso ocorreu em junho, data em que foi levado por policiais civis até a 73ª DP em São Paulo, onde foi mantido em cativeiro.

Lá, segundo o relato, o empresário foi cobrado por uma dívida que os policiais afirmavam que ele tinha com o empresário Guilherme Aere dos Santos, o suposto mandante do crime.

P.R.R.B chegou a pagar quase R$ 1 milhão aos policiais civis. O restante que havia combinado de pagar — mais uma parcela de R$ 1 milhão — nunca foi paga.

Aere do Santos, o criador da Home Refill, nega as acusações. Por outro lado, ele afirma que P.R.R.B é o nome por trás do Bitcoin Banco, uma empresa com sede em Curitiba que lesou milhares de pessoas — entre elas, Ares dos Santos.

  1. O coroné deputado defende o tenentizinho da rota. Único inocente e certamente por conta do atestado amplo e irrestrito de idoneidade de oficiaiszinhos da PM.

    Que nojo!

    Curtir

  2. P.R.R.B chegou a pagar quase R$ 1 milhão aos policiais civis. O restante que havia combinado de pagar — mais uma parcela de R$ 1 milhão — nunca foi paga.

    Pera aí, as vítimas são os policiais civis que não receberam os outros 1 milhão.
    171 é foda mesmo dá golpe a rodo até em policiais civis. Kkkkkkkkkk

    Curtir

    • Concordo,os Policiais Civis foram vítimas,tomaram uma chuveirada de 1 milha,q isso meu,e o natal das crianças??? Kkkkkk
      Tá estranho esse B.O à hein,tem q ver direitinho,a suposta vítima já tinha dado chapéu em vários no Paraná e agora vem com essa história,e a grana? KD?

      Curtir

  3. Passarinho ,me contou que tão solto ,mas já vão voltar pro xadrez

    Essa extorsão vai ser sem massagem

    Curtir

  4. Estão protegendo o seccional que è padrinho do chefe preso e o titular está cavando sangue, estava uma quadrilha aquele 73

    Curtir

  5. quer acabar com o tráfico acabe com o DENARC,
    quer diminuir a CORRUPÇÃO acabe com a CORREGEDORIA.

    seccionais blindados, recolhas blindados, policia 73 denunciados blindados, policias bandidos e assasinado soltos e absolvidos
    testemunhas e vítimas ameaçadas e expulsas de SP irmao de diretor HONESTO DA PIZZA, recolha de delegacia. Bilionários 2 ,classe mandando nos TIRAS e nos delegados

    chegamos ao fim

    Curtir

  6. “Fim dos tempos”, isso é o mais do mesmo. Desde sempre foi assim. Coloca os “tiras” pra “trampar” que nem loucos, dão um monte de “cana” e na hora do holofote só dá ele, com barba pra fazer, falando aquele belo português de analfabeto funcional, mas pagando bem né, e vamos que vamos.

    Para se ter uma ideia do quão podre é o esquema, mudaram até os critérios para promoção para presenteá-lo com a classe diamante e um Departamento, esperar o que da polícia? ou melhor, da firma?

    E vamos ladeira abaixo?

    Curtir

  7. Uma milha é uma tomada de respeito hein! Mesmo mandando a parte dos locadores da cadeira, sobra uma boa grana pra gastar a vontade. Ainda mais agora que tá todo mundo na rua.
    Aproveitem bem hein! A qualquer momento pode haver mudança na decisão do HC.

    Curtir

  8. Esse J(Jotinha) Dólar é um grande fdp. Além de nos “phoder” com 5% depois de 5 anos, manda para a AL projeto para desconto de 14% na previdência. Para um fdp desses não tem queda de sótão.

    Curtir

    • Mas relaxa…tem “antigão oreia seca” que votou nele pois o problema era a vice do França….
      Tem Deputado Delegado – aliás três, Bruno Lima, Graciela e Olim – que votam à favor do que o Dória mandar…mesmo contra os Policiais Civis. Não abrem mão de alguns milhões em emendas…

      Até de representantes a Polícia Civil está uma lástima.

      Por pior que achem ser os Deputados ligados à PM, eles fizeram bom trabalho em preservar os direitos – pouquíssimos – da tropa e, ao fim e ao cabo, são mais fiéis à Polícia Civil que os tais Deputados Delegados.

      Repito…É uma lástima!

      Curtir

      • Sabe sua guarda,

        A diferença entre Pm e P.Civil é que os da Civil, se viram e partem para ganhar dinheiro na iniciativa privada, temos tempo e não nos submetemos ao trabalho em condições análogas à de escravos como vocês, e na Civil, muitos fazem isso, e em sua maioria se saem extremamente bem, e graças a Deus me incluo nessa.
        Na PM, no máximo assim como vc, entram no Burro Branco pela porta lateral e enquanto na “ativa”, chegam no máximo a oficial “subalterno”. “Orelha Seca” que se acha kkkkkkk.
        Ahhh… E não vem com estorinha que tem ladrão na Civil, olhe primeiro pra sua PM que tem um quintal muito grande “talkey” rsrsrsr

        Curtir

  9. Jamiro…

    Porra, PM falando de oreia seca kkkkkk
    Cara, tenta fazer a cabeça do pessoal da sua tropa, pra Polícia Civil e antigão, nem pensar.
    Não votei e não voto em Cel. PM, tá bom assim pra vc?
    Por simpatia e apreço, voto apenas no Major Olímpio pra qq coisa e só, o conheço e gosto das atitudes dele.
    No mais, concordo com vc, todos esses deputados, tanto da Civil como da PM, pra mim, não conto e nunca contei com nenhum deles.

    Curtir

Os comentários estão desativados.