Operação noteiro ou QUEM ROUBA MAIS DO QUE PODE CARREGAR É DO GRUPO 3 – 09, 10, 11 e 12 ? Resposta

Grupo investigado por lavagem de dinheiro na região mantinha rede completa e sofisticada de empresas; entenda

Trinta e três pessoas são investigadas e 76 mandados de busca e apreensão devem ser cumpridos. Além de Franca, estão envolvidas no esquema empresas de Barretos, Ribeirão Preto e outras quatro cidades da região.

Por g1 Ribeirão Preto e Franca

22/06/2022 16h15  atualizado


Equipamentos de validação de cédulas foram apreendidos em Operação Noteiro, em Franca (SP) — Foto: Ministério Público/Divulgação

Equipamentos de validação de cédulas foram apreendidos em Operação Noteiro, em Franca (SP) — Foto: Ministério Público/Divulgação

esquema de lavagem de dinheiro e exploração de jogos de azar desmantelado nesta quarta-feira (22) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), era formado por uma rede completa e sofisticada de empresas criadas especialmente para este fim.

As informações são do promotor de Justiça de Franca (SP) Paulo Carolis, que investiga o caso.

“Era uma rede completa e sofisticada de empresas criadas para estabelecer negociações entre elas de forma a acobertar aquilo que era resultante da exploração de jogos de azar pelo estado. É um esquema engenhoso. Quem pensou nisso, pensou muito bem”, diz.

A Operação Noteiro, deflagrada pelo Gaeco, tem apoio da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo e das Polícias Civil e Militar.

Apreensão de dinheiro na Operação Noteiro, do Gaeco de Franca (SP)  — Foto: Divulgação

Apreensão de dinheiro na Operação Noteiro, do Gaeco de Franca (SP) — Foto: Divulgação

Segundo Carolis, o grupo investigado chegou a movimentar R$ 170 milhões entre janeiro de 2017 e dezembro de 2021 em 19 municípios paulistas por meio de negociações feitas entre 12 empresas de noteiros (validadores de cédulas), que repassavam esses equipamentos para empresas que seriam responsáveis por entregar as estações de jogos de azar nos pontos de exploração de jogos.

O Gaeco chegou a esse valor tomando como base a documentação fiscal e movimentações financeiras.

Nesta reportagem você vai entender:

  1. Qual o ramo de atuação das empresas investigadas?
  2. O que é um noteiro?
  3. Onde esse tipo de equipamento pode ser encontrado?
  4. Por que os investigados escolheram este ramo?
  5. Como funcionava o esquema?
  6. Como o esquema foi descoberto?
  7. O que foi apreendido até o momento?
  8. Onde a operação acontece?
  9. Qual o perfil dos investigados?

1. Qual o ramo de atuação das empresas investigadas?

De acordo com Paulo Carolis, promotor de Justiça de Franca, as empresas envolvidas no esquema atuavam na venda e aluguel de noteiros e totens, que serviam como base para os noteiros.

2. O que é um noteiro?

Noteiros são equipamentos que contam com dispositivos eletrônicos para ler ou contar cédulas de dinheiro.

Apreensão na Operação Noteiro, do Gaeco de Franca (SP) — Foto: Ministério Público/Divulgação

Apreensão na Operação Noteiro, do Gaeco de Franca (SP) — Foto: Ministério Público/Divulgação

3. Onde este tipo de equipamento pode ser encontrado?

Jukebox (máquinas de música), vending machines (máquinas de refrigerantes, salgadinhos, doces, brinquedos de pelúcia), e caça níqueis.

4. Por que os investigados escolheram este ramo?

Empresas de venda e aluguel de noteiros atuam em um ramo restrito, ainda de acordo com Carolis. “Não chamaria muito a atenção. Foi criado de forma planejada”.

5. Como funcionava o esquema?

Segundo o promotor, o grupo era composto por empresas que vendiam noteiros e empresas que vendiam totens (utilizados para acoplar o equipamento de contagem de notas).

As empresas intermediárias locavam os equipamentos prontos para os pontos de exploração de jogos e, assim, justificavam toda a movimentação financeira.

“Esse valor justificado de repasse desse validador de cédula para essas empresas era feito para dar aparência de que realmente entrou como essa negociação, mas quando, na verdade, ele decorrida da exploração de jogo de azar”, diz Carolis.

Essas empresas poderiam até comercializar produtos de maneira lícita, mas também eram usadas como laranja, como explica o promotor.

“Elas podem até comercializar coisas lícitas, mas misturavam o dinheiro dos jogos com todos os demais. Ou seja, uma verdadeira dissimulação de capital, inviabilizando a identificação do que seria exclusivamente ilícito”.

6. Como o esquema foi descoberto?

O Ministério Público chegou até os investigados depois de observar padrões de conduta nos locais onde eram realizados os jogos de azar. As primeiras investigações começaram em 2018.

“Nós começamos a identificar padrões de conduta, de documentos e de dados relacionados aos locais onde eram explorados os jogos de azar e aos equipamentos que eram utilizados. A partir disso, identificamos as empresas que estariam envolvidas neste suposto esquema, aprofundamos a investigação e conseguimos, efetivamente, identificar a função de cada empresa, de cada investigado”.

7. O que foi apreendido até o momento

Foram apreendidos equipamentos, celulares e uma quantia de dinheiro em espécie que ainda seria contabilizada. Todo o material será analisado.

8. Onde a operação acontece

Há diligências em 19 municípios do Estado de São Paulo, entre eles FrancaSão Joaquim da BarraNuporangaMiguelópolisRifainaRibeirão Preto e Barretos. São cumpridos 76 mandados de busca e apreensão e 33 pessoas estão sendo investigadas dentro do esquema.

Cidades onde o grupo atuava:

9. Qual o perfil dos investigados

Ainda segundo Carolis, os empresários envolvidos no esquema tem “grande capacidade econômica”

Operação Noteiro coloca 356 agentes na rua contra grupo que lava dinheiro do jogo – Ministério Público do Estado de São Paulo 1

https://www.mpsp.mp.br/pt/w/operacao-noteiro-coloca-356-agentes-na-rua-contra-grupo-que-lava-dinheiro-do-

 

Operação Noteiro coloca 356 agentes na rua contra grupo que lava dinheiro do jogo

Em 19 cidades, cumprem-se 76 mandados contra alvos que movimentaram R$ 170 milhões

Deflagrada pelo Grupo de Atuaçao Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) nesta quarta-feira (22/6) em conjunto com a Secretaria de Estado da Fazenda, Polícia Civil e Polícia Militar, a Operação Noteiro está cumpindo 76 mandados de busca e apreensão nos municípios de Barueri, Francisco Morato, Santana de Parnaíba, São Paulo, Campinas, Itatiba, Itupeva, Itaquaquecetuba, Piracicaba, São Pedro, Ribeirão Preto, Guarujá, Praia Grande, Barretos, Franca, Miguelópolis, Nuporanga, Rifaina e São Joaquim da Barra. A investigação tem como objetivo o desmantelamento de organização criminosa que lava capitais oriundos da exploração de jogos de azar por todo o país. São investigadas 33 pessoas, além de diversas pessoas jurídicas. 
O esquema aproveitava-se da constituição de empresas formais que, ao realizarem negócios entre elas e emitirem documentos fiscais referentes às transações, acobertaram movimentação financeira no valor apurado de R$ 170 milhões entre janeiro de 2017 e dezembro de 2021. Essa quantia foi absorvida por supostas atividades de venda de noteiros (validadores de cédulas) para estações de acesso à internet, bem como locação de referidas instalações, com posterior branqueamento por empresas de veículos, construtoras e diversas outras. 
Os integrantes da organização criminosa estão sendo investigados em dois procedimentos investigatórios criminais do Gaeco e as cautelares deferidas pelos juízos respectivos determinaram, além das buscas, o sequestro de todos os bens dos investigados, dentre contas bancárias, veículos, imóveis e outros ativos com valor econômico. 
Participam da operação 24 promotores de Justiça, 33 servidores do Ministério Público, 40 auditores Fiscais, 8 delegados, 95 policiais civis e 156 policiais militares.

 

A Polícia Civil de Santos prende uma cambista de 69 anos…Parabéns, desde ontem somos todos ex-corruptos 4

Mulher de 69 anos é detida por jogo do bicho em Santos

Por Santa Portal em 14/06/2022 às 17:06

Foto por: Imagem ilustrativa / Reprodução

 

 

 

Uma mulher de 69 anos foi detida por policiais civis sob a acusação de trabalhar como apontadora do jogo do bicho. A abordagem aconteceu às 13h30 desta terça-feira (14), sendo a acusada conduzida ao 5º DP de Santos. Com ela foram apreendidas a quantia de R$ 1.009,00, uma máquina para pagamento com cartão e outra que emite as apostas.

A detenção ocorreu na padaria da Avenida Nossa Senhora de Fátima, 828, na Areia Branca. Enquadrada na contravenção penal de jogo do bicho, a cambista foi liberada após a elaboração de termo circunstanciado (TC), que será apreciado pelo Juizado Especial Criminal (Jecrim).

Jogo do Bicho
(Foto: Imagem ilustrativa / Reprodução)

No momento da abordagem, a mulher admitiu aos agentes atuar na jogatina. Porém, ao ser interrogada no distrito, disse que apenas se manifestará em juízo. Segundo a versão dos policiais no 5º DP, eles receberam “determinação superior” para coibir o jogo de bicho e iniciaram diligências para localizar pessoas envolvidas com a contravenção penal.

Sob a condição do anonimato, delegados e investigadores disseram ao Santa Portal que maior rigor na repressão ao jogo do bicho foi determinado recentemente pela cúpula da Polícia Civil na região, após vazarem informações de que estão avançadas investigações do Ministério Público sobre chefões da contravenção e a conivência de autoridades. (EF)


Farei três observações:

Com a idosa não foi localizado aparelho celular?

Não teria sido: vazaram informações “sobre chefões da contravenção e a participação de DELEGADOS DE POLÍCIA lotados na avenida São Francisco 136?

Os comprovantes que ilustram a matéria do Santa Portal são do Flit Paralisante e da cidade de São Vicente. Se alguém duvidar eu posso explicar cada um dos números apostados.

A centena 136 , é autoexplicativa !

Fonte: https://santaportal.com.br/policia/mulher-de-69-anos-e-detida-por-jogo-do-bicho-em-santos/

Prender uma cambista só faz provar uma coisa: A CORRUPÇÃO CONTINUADA NUNCA FOI DOS POLICIAIS CONDENADOS ! 2

Sobre a matéria do Jornalista João Leite Neto

Inicialmente,  as aparências enganam aos que amam e aos que odeiam.

Embora odeie a pessoalidade, não as pessoas ,  tudo que falo e  escrevo deve ser recebido com reservas. 

Deve ser investigado!

E tenho , como todo ser humano, vontades de justiça…Alguns entendem: vontade de vingança! 

Embora defenda o que é justo, mesmo quando o que é o justo não me traga proveito e , já como já aconteceu, me enfraqueça. 

Auto elogios a parte, sou suspeito ! 

Entretanto, não  fiz aposta em nenhum ponto de jogo de bicho na porta da delegacia dirigida pela mulher do Dr. GATTO. E nem na porta de qualquer delegacia.

Acredito que o ex Diretor não seja casado com delegada. Se é,  nunca ouvi nada a respeito.

Quem é casado com delegada é o atual Diretor,   mas nem sei onde fica a Delegacia do Porto , a DEATUR.

Com relação ao jogo de bicho , passei a obter comprovantes de apostas do jogo do bicho antes da mudança da diretoria.

O  objetivo é  demonstrar que   , se verdade for que investigadores chefes faziam  recolhimento de propina na Banca do Carlinhos VIRTUOSO,  em 2013,  sendo que 5 ( cinco ) deles foram condenados a pena de 13 anos de cadeia , por corrupção continuada   , o  jogo  se mantém em contínua atividade e sofisticação. 

Assim ,  opinião pessoal, penso que se há continuidade delitiva na conduta de receber vantagens para si , por meio de outrem  ,  a  responsabilidade dos condenados foi exagerada.

E até um cão de rua sabe que jamais alguém foi à Banca receber dinheiro exclusivamente para si próprio.  

Que, em determinada sentença,   o Juiz está enganado,  a comunidade não conhece os Damasco.

Eles não são cidadãos de bem .

 São perigosos, arrogantes , narcisistas e “cagam na cabeça da policia” . 

Que a polícia recebe migalhas. 

Jogo do Bicho não é um empreendimento construtivo. 

 É pura manipulação da imprevidência alheia . 

Que são absolutamente desonestos , para cada milhão retornam mil em prêmios. Mas o trouxa que aposta que se dane. 

Que apontador há muito tempo deixou de ser mero contraventor. 

É MEMBRO DE UMA MÁFIA!  

Talvez nem saiba que é membro de uma organização criminosa que emprega policiais armados para segurança e coação.  

Que interferem na Administração Policial, pois são intocáveis.  

Apontador é sócio,  pois 25% dos valores das apostas lhes cabe!  Pessoa Jurídica com conta bancária para operacionalizar as apostas. Em vez de bloquinhos de papel, empregam sistemas informatizados.  E usam contas comerciais do whatsapp e servidores mantidos no exterior.

A delegacia do porto  foi mencionada de passagem ,  uma vez que o atual Diretor , internamente ora diz que a ordem é do DGP ora diz que é  do MP para acabar com o jogo. 

Para mim é ordem pessoal , pois reprimir um crime que , pessoalmente, nunca fez nada para combater, não passa  de querer tentar disfarçar,  a beira da aposentadoria, 35 anos de omissão ! 

Pessoalmente , acredito que o jogo do bicho esteja forte e atuante , apesar da prisão do Carlinhos VIRTUOSO, e da denúncia contra o NEQUINHO. 

Que sob o pretexto de acabar com o jogo foram feitas apreensões de caça-níquel,  de forma seletiva , sob supostas ordens do MP. 

Ontem prenderam uma cambista na área do 5º DP.  Uma idosa de 69 anos!

Uma coitada , certamente escolhida a dedo pelo Banqueiro! 

Assim , já não se pode dizer que ninguém faz nada …kkk

Mas se for para mostrar serviço e moralizar, o Diretor deve prender todos os Banqueiros da Baixada. Certamente , ele deve saber onde encontrá-los !

Conclusivamente, dos cinco policiais civis condenados por corrupção continuada ,  se é verdade que foram buscar propinas,  o  suposto dinheiro era dividido entre muitas pessoas.

[App UOL] O tempo da obviedade: já não cabe confusão diante da nossa realidade – 11/06/2022 – UOL ECOA…( Respeito todas as liberdades , mas quem tem admiração por Bolsonaro não sabe o que é “manipulação da torpeza alheia”. Ele faz com maestria ! ) 6

O tempo da obviedade: já não cabe confusão diante da nossa realidade – 11/06/2022 – UOL ECOA. Veja mais no UOL. Acesse: https://www.uol.com.br/ecoa/colunas/julian-fuks/2022/06/11/o-tempo-da-obviedade-ja-nao-cabe-confusao-diante-da-nossa-realidade.htm

O delegado Paulo Bilynskyj, depois do desgraçado acontecimento que quase lhe tirou a vida , mas roubou-lhe a linda mulher , deveria se converter em antiarmamentista…Cada um, cada um: eu jamais voltaria a sorrir ; nunca mais seria capaz de ironizar nada nem ninguém…E teria picado todas as minhas armas! ( Você não disse que se reinventaria e faria coisas maiores? ) 29

Delegado que fez vídeo ameaçando Lula com armas em livros foi suspeito de matar namorada

Publicado por

 Alessandro Fernandes

Apoie o DCM

ICL

Foto do delegado sorrindo ao lado de outros dois funcionários do estabelecimento. Ao lado, uma imagem com o revólver dentro do livro.
Delegado usou livros falsos com revólveres dentro para ironizar fala de Lula. Foto: Reprodução / Instagram

O delegado da polícia de São Paulo, Paulo Bilynskyj, que é também influenciador digital em defesa do armamento, é o responsável por ter gravado um vídeo no clube de tiro e caça TZB, na cidade Goiânia (GO), direcionado ao ex-presidente Lula (PT). Ele exibe “livros recheados” com armas de fogo, ironizando uma declaração de Lula, que sugeriu que clubes de tiros sejam transformados em clubes de leitura.

Em uma gravação, compartilhada no perfil do Instagram de Bilynskyj, que tem mais de 660 mil seguidores, o delegado influencer é acompanhado por mais duas frequentadoras do local, que juntos exibem três “livros”, sem páginas, mas com revólveres dentro.

“Oi, Lula. A gente já começou o clube do livro no TZB, em Goiânia. A gente adora você cara. Olha que livro bonito”, declarou em tom irônico.

Em nota ao UOL, a assessoria de imprensa do PT informou que vai avaliar a gravação “juridicamente”. Já Hugo Santos, presidente do Clube de Rito e Caça TZB, afirmou que o delegado Paulo Bilynskyj frequenta o espaço quando está por Goiânia, mas negou que ele seja um funcionário do clube e que o vídeo ameace a vida do ex-presidente.

Delegado virou notícia após suicídio da noiva

Paulo Bilynskyj ganhou projeção nacional no mês de maio de 2020 quando foi atingido por seis tiros durante uma briga com a noiva Priscila de Bairros, na cidade de São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo. A noiva, depois de atirar contra o delegado, atirou em si mesma e morreu no local.

“Sempre ficou bem claro que eu era a vítima. Pelos ângulos dos disparos, era impossível fisicamente. Bala não faz curva”, disse o delegado em entrevista a um programa da Record.

Os advogados da família de Priscila questionaram o motivo que levou a modelo a morrer por suicídio e afirmaram que, “dependendo o que motivou, o doutor Paulo pode responder por instigação ao suicídio”.


E aprenda uma coisa: arma só faz bem para os fabricantes e seus comerciantes.

Ganhei R$ 20,00 apostando na Banca Damasco-Neco…Aparentemente a ordem é “acabar ” ( risos) apenas com caça-níquel…Diretor, para acabar com a corrupção não precisa acabar com as maquininhas , especialmente deixando o jogo do bicho faturando livremente . Dê ordens para que ninguém exija ou aceite propina e faz a Corregedoria grampear todos os policiais civis …E deixa o GAECO continuar a fazer o que a PC nunca fez. Uma pergunta indiscreta – eu apreendi maquininhas , fechei Bingo , até lavrei TC contra um velhinho do Damasco ( meu pecado ); acabei jogado num plantão e pra humilhar : com 20 anos como delegado, sem ser previamente avisado, tomei um bonde para dar lugar a sua esposa com 2 dias de polícia….A Polícia Civil agora é honesta? Resposta

 

Eu não sou professor das ACADEMIAS mas , gratuitamente, ensinarei como se faz para acabar com a corrupção da jogatina EM SANTOS …

Não precisa arrebentar , prender nem apreender, basta aprender a não exigir propina...

Tudo o que na Polícia se faz cobrando pode ser feito graciosamente…

Se fazer de cego, inclusive!

E por curiosidade caro ex-chegado CAETANO VERGINE, caminhos das pessoas tomam outros rumos, mas você sempre trabalhou NA CENTRAL DA CORRUPÇÃO DA BAIXADA SANTISTA …

Eu digo central porque vi o que acontecia lá em 2005, antes de levar um bonde vexatório pra facilitar a tua vida.

Mas sobre esse assunto escreverei depois!

A partir de agora vai PRENDER O BICHEIRO NEQUINHO SÓCIO OSTENSIVO DO CARLINHOS VIRTUOSO ( está preso , mas continua sendo dono )?

E determinará para a DEATUR ACABAR COM O JOGO DO BICHO NA ZONA DO CAIS QUE FATURA MAIS QUE OS CAÇA-NIQUEIS…

Eles lá cuidam de tantas coisas, além dos turistas, podem varrer o jogo de bicho da zona portuária, né?

E sem querer defender maquineiro – deles quero distância ou grana – parece que há uma certa seletividade nas apreensões que andaram sendo feitas.

Os ARAPA ( não confundir com o nosso amigo tira ) pagaram direitinho – ININTERRUPTAMENTE – desde 1997.

E começaram falando com São Francisco!

Gostaria de ver acabarem com o JOGO DO BICHO, apreender maquininha qualquer otário apreende!

Basta o Seccional e o Diretor deixarem…

O que nunca vi, salvo os inadimplentes ou concorrentes dos mais amigos…

O Arapoca , estranhamente, era um grande amigo de São Francisco…

Foi preso virou inimigo?

ALCOVITEIRO nunca fui processado, tampouco fui condenado civil, criminal ou administrativamente por ofensas ao Dr. OSVALDO NICO GONÇALVES…Não confunda as bolas, blogues e bagos…Se alguém precisa lamber é você; vou tentar refrescar a sua memória e acalmar o seu espírito de porco Resposta

A postagem que se vê acima foi redigida e publicada pelo subscritor no dia 24 de outubro de 2008, ele , corajosamente , fez aquilo que o então DGP não fez, ou seja, dialogar e demover os policiais civis em greve de penetrar na área de segurança do Palácio dos Bandeirantes .

Foi mal interpretado e desobedecido pelos próprios subordinados e depois sofreu verdadeiro massacre verbal . Eu lá na estava, mas a TV transmitia em tempo real .

Como em tempo real eram lançados comentários no blog suprimido pelo Juiz do DIPO.

Magistrado que , com muita presteza, atendia ao inveterado faltor da verdade , delegadinho do DEIC, que por estar sendo processado por fraude licitatória no DIPOL , com grande empenho forjava suas mentironas e pessimamente elaboradas representações.

Instaurou inquérito por crimes contra a honra do José Serra, do Marzagão , do Lemos Freire e de gente que nunca ouvi dizer na minha vida, para identificar o responsável pelo sítio FLIT PARALISANTE.

Mas em tempo algum ROBERTO CONDE GUERRA ofendeu funcionalmente o Dr. NICO.

Se fiz criticas funcionais não lembro.

Só recordo que fiquei puto com algum assunto referente ao SANTOS FUTEBOL CLUBE!

A postagem PIZZA É A MELHOR PEDIDA foi uma brincadeira; para eu tentar uma carona só sacando a minha pistola e disparar em plena João Mendes. As colocações finais nada tem a ver com ele. Mas alguém lá deixou o seguinte comentário:


  1. Curtircops disse:EDITARele ainda vai ser dg!!!! O cops acertou!

Retomando , o delegadinho do DEIC , alucinadamente nos descreveu como um terrorista subversivo e ainda arrumaram um tal “Caipira”, investigador , de quem extorquiram, na sede da Secretaria de Segurança , representação em nosso desfavor.

O coitado deveria estar com alguma voadora e , certamente, foi coagido!

Assim , o delegadinho , se livrou da representação que fiz em seu desfavor, mas deixo bem claro: se desconhecia quem era o dono do FLIT , também deve desconhecer o nome do próprio pai.

Meu caro , sei que lerá, artifício fez você para permanecer como Delegado de Polícia.

Lembre-se, eternamente, do que escreveu e do que disse , no dia 24 de maio de 2010, na presença do Dr. Luís Otávio C.S. de Araújo. O mentiroso esquece , o prejudicado , JAMAIS!

Mas saiba que graças a sua competência fui absolvido!

Na oportunidade quero deixar um recado para a delegada TANIA MARA DE CAMPOS que, como outros e outras , propôs, sob coação , a nossa demissão ( batendo em cachorro morto ) , o que denigre a imagem da Polícia Civil , são os atos das pessoas; não aquilo que eu escrevi ou repercuti .

Vossa Excelência , com todo respeito , foi muito ingênua tal a fragilidade da sua argumentação: “percebe-se em sua folha de antecedentes ser o mesmo “pessoa indisciplinada pois faltava ao trabalho sem justificar as suas faltas , trocava plantões com colegas sem o conhecimento de seus superiores hierárquicos” ( “sic” ) .

Drª , saiba que, em 23 anos como Delegado, JAMAIS FALTEI AO TRABALHO , salvo um dia que por hipertensão permaneci em observação na Santa Casa de Campinas, dando ciência à Unidade . Ao retornar um colega tinha assumido o plantão .

Sabe o motivo de eu passar mal?

Assédio funcional, todos os dias um protocolado qualquer para eu informar.

Superior psicopata não vem questionar pessoalmente!

Não te chama de filho da puta…para com essa merda, perdão pela expressão, não te diz: tá com falta de buceta?

Chefe bandido não soluciona conflito interno, pois é incapaz de reconhecer que o subordinado esta com a razão. Delegado psicopata – agora chama-se narcisista perverso – se acha dono da Unidade; quer fazer de você um serviçal.

Não , nunca perdem a linha!

Eles vão te minando enfiando papelada, AP, SA e quando possível PAD direto.

Além de escala abusiva, convocação para reunião em seu dia de folga. Você chega e te falam : foi cancelada, desculpa por não telefonar.

Agora se a subordinada for mulher dizem na lata: tá com falta de homem? Pois sabem que a probabilidade de uma porrada ou tiro é pouca.

Nesse determinado dia de tão nervoso entrei numa van e fui passear em Campinas, a uma loja de instrumentos musicais.

Fui ficando vermelho , passei a vomitar e um dos vendedores me levou pra Santa Casa ; 22 x 17.

Fui medicado, sedado , colocado sob observação até atingir um nível aceitável.

O titular não deixou ninguém ir ao hospital; sem ele saber os tiras ligaram para o 1º DP de Campinas; eles que me levaram para Hortolândia!

Assim, no dia seguinte, protocolei a justificativa com cópia da ficha hospitalar, dos recibos e da declaração do médico .

A Sra. sabia que eu fui proibido de ingressar na sala dos delegados e de usar o banheiro para tomar banho?

Não, né?

Troquei um plantão no dia de Natal a pedido de uma Delegada ( quantos delegados já lhe fizeram tal deferência; sem autorização, porque no dia 21 de dezembro, horário de almoço , os nossos superiores já deveriam estar bêbados em algum puteiro. Aliás, a troca foi muito boa para mim. Um ajudou o outro!

A mesma delegada que , até a minha chegada, era continuadamente assediada moralmente e chegou a ser agredida pelo Seccional . Por ser mulher, honesta , solteira, cuidar da mãe idosa, além de titular de DP, era a escolhida para trabalhar todos os finais de semana, feriados e datas importantes. Querida, em vez de ficar dando credito para anotações, deveria ter telefonado para a sua colega com quem troquei PELA PRIMEIRA E ÚNICA VEZ NA VIDA UM PLANTÃO

A Sra. soube que, apesar das mais de 200 faltas que me aplicaram por vingança, FUI ABSOLVIDO POR UNANIMIDADE.

O único que não se conformou foi o meu amigo Maurício Blazeck , mas não teve coragem de representar pela nossa demissão. Deu a incumbência ao DGP adjunto. Um que diz ter sido o primeiro colocado do seu concurso, mas que demonstra ser um ignaro absoluto . O Blazeck trabalhou comigo em Santos queria que eu fosse demitido mais vezes …Como morreu só posso dizer o mesmo que digo do NESTOR, o mundo não perdeu muito! nada! As viúvas viverão longos e felizes anos. Sinto pelos filhos!

Também gostaria que Vossa Excelência procurasse ler os pareceres das doutoras PAOLA DE ALMEIDA PRADO e PATRICIA WENECK LORENZI ADAS, responsável pelo parecer pertinente ao PAD no qual Vossa Excelência elaborou dois relatórios.

Se a Sra. ganha R$ 20.000,00 , elas ganham R$ 50.000,00.

De qualquer forma tem meu perdão, sei que não fez por maldade, pois se representasse pela minha absolvição seria defenestrada da Corregedoria.

E sabe-se lá para que delegacia, né?

Agora tem uma aí que se diz espírita; naquilo que depender de mim nem no inferno vai entrar.

Uma branquinha perfumada , mas peçonhenta!

Nunca fui indisciplinado , apenas – desde criança – aprendi a defender os meus direitos!

Ihering , fala mais ou menos assim: quem não luta pelos seus direitos não pode reclamar de ser pisoteado tal como um verme rastejante! Leia: A LUTA PELO DIREITO!

Infelizmente, grande parcela dos delegados deste estado rastejam !

Concluindo:

Dona fofoqueira: em relação ao Dr. Nico , não lembro o que escrevi ou escreveram, mas ele – há muitos anos – telefonou para minha casa e ficou de brincadeira com o meu filho e pediu para retirar algo do Blog.

O meu moleque na mesma hora passou uma mensagem e , imediatamente, eu deletei o escrito. Mas faz tanto tempo que não lembro , só lembro que, na época , o Santos era campeão todos os anos…

Reiterando: não fui processado, não fui obrigado a me retratar , muito menos indenizar o atual DGP.

nico

Hater: quando quiser dizer “quem fala muito é tolo , melhor escrever : “Prolixo é otário” ! Pródigo em sentido amplo é quem esbanja dinheiro; juridicamente é a pessoa relativamente incapaz que compromete o seu patrimônio gastando dinheiro compulsivamente…INOCENTE TODOS SE DIZEM…MAS SÓ O INJUSTIÇADO SOFRE GENUINAMENTE! 4

Hater
mortadela@bol.com.br
Realmente… A possibilidade de processo é altíssima. “Pródigo é otario”. Kkkkkkk

De fato, eu sou otário por falar demasiadamente verdades que alguns não as querem reveladas.

Sou prolixo quando falo dos meus dissabores.

O melhor seria fingir esquecimento, mas fica difícil quando se vê outras pessoas sofrendo semelhante assédio moral e processual por questões de lana-caprina.

Mas , no cotidiano e socialmente , sou um homem quase calado.

Profissionalmente sempre fui sintético. E quando identifico falsidade: lacônico!

Em relação ao vídeo , hoje , depois de algumas dicas sobre edição , irei recortar e publicar em capítulos, até pelo fato de que algumas passagens ficaram sem sentido!

Por exemplo: “eu tenho um cofre” .

Eu tenho um cofre pequeno , desses de cerca de um metro de altura e uns 100 quilos; eu guardava arma , munição, meu notebook e documentos particulares.

Eu dei a chave para o Delegado da Corregedoria abrir ; ele não achava necessário.

Mas eu fiz questão de abrir e exibir o que guardava.

Eu quis dizer o seguinte: pela janela e num sofá de outra sala, qualquer um intruja droga.

Dentro do meu cofre , ninguém!

Por fim , não tenho o direito de cuspir meu rancor em terceiros…

Mas em quem me causou malefícios – e ainda me ameaçou de morte nos corredores da Corregedoria Geral – é legitima defesa , pois a agressão é permanente!

Não tenho dívidas, acabei de quitar cerca de R$ 5.000,00 ( cinco mil reais ), os honorários sucumbenciais devidos aos Procuradores do Estado.

Por fim , prodigalidade é a “qualidade” de quem se arvorara milionário deixar oficial de justiça bater na porta da irmã ( único imóvel que os pais deixaram para o casal de filhos ) para penhorar bens por minhas dívidas superiores a R$ 5.000.000,00 ( cinco milhões de reais ) .

E não confio na Justiça ( digo de todo o sistema ) , pois, parodiando Shakespeare “O inferno está vazio, os demônios são operadores do Direito e prestaram concursos públicos!

Logo, você nunca sabe se aquela pessoa culta, cordata , algumas dotadas de grande poder legal , presumidamente justa , em razão da obrigação de isenção e impessoalidade , vai te entender ou vai te fazer sangrar ainda mais.

Em relação ao Helly Lopes Meirelles , sou possuidor de 4 ou 5 edições do seu curso . Revisitada e atualizada por terceiros devo ter um exemplar de 2010. Ele não escreveu uma obra literária ( em sentido restritivo: estética, artística, ficcional, tal como Guimarães Rosa: Grande Sertão: Veredas ) , escreveu um livro reproduzindo valores pessoais , interpretações pessoais , interpretações judiciais , sobre legislação vigente ao tempo de recorrentes ditaduras . Ele foi defensor e membro de um sistema de governo em que imperava a tirania estatal. Criou dogmas tão falsos quanto a afirmação de que a Bíblia é inerrante, tal como : impossibilidade de o Poder Judiciário proceder ao exame de provas ( o que está por trás dos escritos ) e do exame do mérito do ato administrativo. E mérito do ato administrativo disciplinar não se limita apenas a sua oportunidade e conveniência. É o exame do conjunto de todas as circunstâncias e provas que levaram a Administração a sentenciar: Roberto Conde Guerra , 2a. classe, por meio de Blog, ofendeu a honra de João de Merda Filho de Ninguém, suspensão de 15 dias. Roberto Conde Guerra ofendeu a honra do Conselheiro Pedro Herbella , demissão. Roberto Conde Guerra ofendeu a honra do Delegado Geral, do governador José Serra, da delegada de Votorantin , decisão do Conselho: demissão!

Parecer do Secretário Fernando Grella , não há nenhuma representação ou prova de que essas pessoas se sentiram ofendidas. Apenas a confissão de que o interessado , embora não tenha aderido a greve, durante o movimento recebia e publicava textos de policiais , tomando o cuidado de suprimir o nome dos seus leitores. Represento pela sua absolvição pois em nenhum momento denegriu os serviços da Polícia Civil e a sua conduta não tem relação com os atos do seu cargo e nem o inabilita . Recomendo , contrariando o parecer da Procuradora pela integral absolvição, a penalidade de suspensão por 60 dias , por considerar que lhe caberia suprimir as palavras de baixo calão e os cartuns de péssimo gosto que acompanhavam os escritos. Governador: 60 dias de suspensão. Roberto Conde Guerra abandonou o cargo por ter faltado 282 dias durante o período de dezembro de 2007 a abril de 2009. Conselho a unanimidade: ABSOLVIÇÃO , ele cumpriu integralmente as jornadas de plantão constantes em todas as escalas. Meu ex-amigo Blazeck , abrindo mão de competência privativa, fez os autos conclusos ao seu adjunto: DEMISSÃO! ( O Relator e todos os demais votaram pela inexistência de abandono de cargo ).

O adjunto afirmou que me faltou o dever de colaboração e lealdade aos superiores e dando um péssimo exemplo de indisciplina aos demais delegados que ORDEIRAMENTE sempre cumpriram. Que no silencio do seu requerimento para continuar residindo em São Vicente, ele deveria aguardar a decisão se fixando em Hortolândia.

Procuradora: absolvição: ” o abandono de cargo exige a demonstração de que o funcionário, além das 45 faltas intercaladas , não tem interesse em manter o vínculo funcional e nem motivos justificados para o descumprimento , no caso, da escala que lhe foi atribuída.

Secretário: ABSOLVIÇÃO ! Governador: ABSOLVIÇÃO!

Roberto Conde Guerra ofendeu a honra do Seccional ELPÍDIO LAÉRCIO FERRAREZZI. Conselho: DEMISSÃO!

Procurador: ABSOLVIÇÃO , o réu já respondeu a processo pelo mesmo fato é teve a demissão mitigada. E o ofendido , posteriormente, foi demitido em razão das denúncias do acusado.

GRELLA: Absolvição e conforme pode se ver no DO , Absolvo – reserva legal – das acusações que lhe foram imputadas com a advertência de que o Processo Administrativo Disciplinar NÃO É INSTRUMENTO PARA VINDIMAS E PERSEGUIÇÃO, e o réu , quando interrogado, juntou o parecer da Dra. Procuradora da Assessoria do Governo o provando que se tratava de “bis in idem” !

Verdade , verdadeira, eu só não tenho certeza, ainda, quem foi o FILHO DA PUTA DE SANTOS que ao relatar esse PAD, representou pela minha demissão!

Mas é um FILHO DA PUTA, bundamole e puxa saco!

Assim , eu gostaria de que algum membro do Poder Judiciário me explicasse o que é mérito, discricionariedade , oportunidade e conveniência…E conveniência de quem? Da lei, da Administração Pública, da Polícia Civil ou do safado que faz o relatório e o parecer?

Ah, irei provar – pois consegui o documento – que o MARZAGÃO representou pela minha demissão sem ler os autos. O seu parecer foi elaborado e corrigido por terceiros , constando as alterações a lápis e o recadinho, também a lápis, DRA. CARMEM FAVOR VERIFICAR SE ESTÁ OK ESTOU AS ORDENS ATÉ O DIA 19…LÁ LÁ LÁ…OBRIGADA …ASSINA MARCIA 05/05.

Porra , Dr. Marzagão , bem que eu achei estranho, Vossa Excelência com muito esforço e brilhantismo absolve e reintegra um Promotor acusado de homicídio. Acredito que o Sr. não iria representar pela nossa demissão por relatos verdadeiros e por eu prestar depoimento no GAECO, né?

Por fim, HATER todo demitido , todo condenado SE DIZ INOCENTE E PERSEGUIDO!

MAS SÓ OS INJUSTIÇADOS SOFREM GENUINAMENTE !

Só eu sei da minha dor…MAS MUITOS SABEM QUE EU FUI ESBOFETEADO SEM DAR CAUSA…

Não dei a outra face!

E não me arrependo, mas aconselho a todos: sábio é quem ouve a lição de Jesus!

Conheci o Dr. da Cunha, em agosto de 2005…Não sei o motivo: ele veio “se apresentar” ( nunca fui milico ) e conversar comigo! Rapazinho, magrinho , muito educado , falou: sei que o Sr. gosta de estudar, o Dr. Tanganelli me colocou como supervisor do DOP por eu ser R2, mas quero ser Juiz…Eu não fui nada elegante ( fui grosseiro ) , estava em desgraça funcional e com ódio da Polícia Civil , disparei na cara: matou teu sonho…Mas por muito tempo até na biblioteca do Fórum o encontrei, ainda bem magrinho , debruçado em livros; sempre educado , até um certo telefonema, dez anos depois, que me fez de SBC…De qualquer forma, que Deus te livre da demissão e dos esteroides! TEM RACISMO NESSA DEMISSÃO, mas a primeira impressão é a que me vale: em 2005, um bom rapaz e trabalhador até demais ! 11

Quer uma orientação: vista-se com sobriedade e vá ao Palácio dos Bandeirantes contar a tua história, teus sonhos e mostrar a tua origem humilde para os Procuradores do Palácio e com sorte , quem sabe, para o Governador ! O Secretário de Governo , já serve!

Faça!

E quem dos leitores do FLIT te conhecer te faça ler e fazer o que te digo!

O meu primeiro PAD – o da jogatina – também foi direcionado pra rua a a toque de caixa.

Eu fui lá e uma Doutora passou por cima da demissão já referendada por um tal Roberti ( nem Roberto n em Robert ) !

Não colocarei o nome ( famosa e muito culta ) , mas há um agradecimento a ela neste Blog num dia das mulheres!

Eu seria demitido em 6 ( seis ) meses, lembra? Fiquei 5 anos até ser demitido e por não ter parado!

Pare!

Negão você é um Africano, como todos nós, não precisa desse corpo de gorila.

Você é um magrinho dos livros!

Filho da puta não é o dono do boteco, filho da puta é você que há anos vem extorquindo os donos dos caça-níqueis…A ordem só vale para o DEINTER-6: ACABAR COM O JOGO…E no resto do Estado, Dr. Nico? Chegou o momento de sermos todos EX-CORRUPTOS! 1

Um recado aos garbosos policiais civis e militares que – depois de 25 anos – estão invadindo estabelecimentos comerciais e destruindo com estardalhaço máquinas caça-níqueis…

Filho da puta não é o dono do boteco, filho da puta é você que há anos vem extorquindo os donos dos caça-níqueis…

Praça, se você é honesto , tenha ódio do filho da puta que lhe comanda e que mordia toda quinzena. Cuidado com a Lei de Abuso de Autoridade e com as penas pela maldade…Membro do BAEP além de destruir objeto de crime chama dono de bar de filho da puta…( Se o comerciante for mente ligeira falou consigo mesmo: se a minha mãe fosse puta eu estaria vestindo farda igual a tua, né? )

E Delegados cuidado nessa hora , o Dr. Gaetano logo se vai e você fica….

E outro recado , sou delegado ex-pulso , mas posso opinar: Dr. Promotor chefe do Gaeco se tem prova para prender Delegado Diretor dentro do Palácio da Polícia que cumpra com o seu dever; não mande recados do tipo : “ou acabem com o jogo ou Diretor será algemado”…

Vossa Excelência não teria essa disposição para prender os diversos Procuradores de Justiça que se lambuzaram em vantagens instrumentalizando a Polícia Civil…Alguma vez Secretário de Segurança deu ordem para acabar com o jogo? Nunca! Acabaria com a “vis atrativa do cobiçado cargo”!

Excelência e se tiver que prender não chame a PM, pois ninguém lhe oferecerá resistência.

E mais: já que a ordem superior é para acabar com o jogo na Baixada Santista , suposta ordem do Dr. NICO para o Dr. Caetano Vergine, Vossa Excelência , como novo Delegado Geral , deve fazer o mesmo na Capital, no ABC, Campinas e todos os DEINTER-s

REMINISCÊNCIAS DE UM EX-CORRUPTO

Delegado que fez denúncia foi desleal, afirma corregedor

São Paulo, sexta-feira, 06 de julho de 2007 

ANDRÉ CARAMANTE
DA REPORTAGEM LOCAL

MARIANA CAMPOS
DA AGÊNCIA FOLHA, EM SANTOS

O delegado Caetano Paulo Filho, da Corregedoria da Polícia Civil, disse ontem que o órgão abriu um processo administrativo contra o também delegado Roberto Conde Guerra por “ele ter sido desleal à instituição”.

O delegado Guerra criou um blog na internet para denunciar supostas irregularidades cometidas por policiais.
Na tarde de ontem, Filho confirmou que a Corregedoria havia intimado o delegado Guerra para que ele formalizasse as denúncias feitas em seu blog, o “Flit Paralisante” https://flitparalisante.com/

Mas o delegado, sem apresentar justificativa, não apareceu. ( NÃO COMPARECI POR NÃO SER OBRIGADO A ME APRESENTAR NA CORREGEDORIA DA CAPITAL, POR QUE NÃO VEIO ME OUVIR NA CORREGEDORIA DE SANTOS…NÃO ERA SEU SUBALTERNO E NÃO ME REPORTARIA A DELEGADO PROFESSOR DE CURSINHO! )
Questionado sobre o que Guerra deveria ter feito, caso não utilizasse o blog para fazer denúncias, o delegado Filho disse: “Ele deveria ter comparecido [na corregedoria] ou ter feito [as denúncias] pelas vias hierárquicas”. ( Dr. irmão do Dr. Domingos, na Corregedoria de Santos compareci duas vezes e provei por meio de petições devidamente protocoladas. Não tenho culpa que as usaram para limpar as próprias bundas sujas )
As acusações de Guerra também envolvem alguns atuais coordenadores da Polícia Civil na Baixada Santista e ex-dirigentes da corporação na região que, segundo Filho, deverão ser interrogados.
No blog, o delegado Guerra cita nominalmente policiais, departamentos da Polícia Civil e até valores recebidos por eles para manter o funcionamento irregular de caça-níqueis, bingos e até do jogo do bicho.
Na quarta-feira, o delegado Guerra foi interrogado pelo promotor de Justiça Cássio Conserino e confirmou denúncias feitas em seu blog, mas disse não ter provas. ( OBVIAMENTE QUE TINHAMOS BONS ELEMENTOS DE PROVAS! )


Texto Anterior: Frase

Frase

“O bom salário desestimula [a corrupção], mas não evita. Há exemplos na República que são notórios”


RONALDO MARZAGÃO
secretário da Segurança Pública

Doutor Marzagão , verdade, já naquela época havia exemplos notórios até NO MINISTÉRIO PÚBLICO DE SÃO PAULO!

Ah, nesta oportunidade, lhe agradeço por ter dado causa à minha demissão…Provou ao lado de quem estava!


Próximo Texto: Governo oficializou afastamento de só um policial suspeito
Índice

Governo oficializou afastamento de só um policial suspeito

Das 20 pessoas suspeitas de ligação com caça-níqueis que deixariam as funções, só um nome saiu no “Diário Oficial”

O próprio policial tomou a iniciativa de deixar o cargo; número de investigadores também passou de 20 para 13, segundo o governo

GILMAR PENTEADO
DA REPORTAGEM LOCAL

Vinte dias depois de a Polícia Civil paulista anunciar que 20 policiais investigados por ligação com o esquema de máquinas caça-níqueis seriam afastados de seus cargos de chefia, apenas um deles teve o afastamento oficializado no “Diário Oficial” do Estado. Isso porque o próprio policial tomou a iniciativa de deixar o cargo.
Sem a publicação no “Diário Oficial”, os investigadores-chefes não têm os rendimentos reduzidos pela perda da função. Além de não ter seu afastamento oficializado, um dos investigados ainda teve sua designação para outro distrito policial publicada na terça-feira, mantendo o seu cargo de chefia.
O número anunciado de policiais a ser afastado das funções de chefia também foi reduzido: de 20 para 13 investigadores.
Os afastamentos foram anunciados pelo comando da polícia paulista no dia 16 de junho, um sábado, 22 dias depois de o advogado Jamil Chokr, que defende empresas de caça-níqueis e bingos, ser flagrado com anotações com telefones e nomes de policiais.
A Corregedoria da Polícia Civil apontou 27 policiais suspeitos de ligação com Chokr. Pelo menos 20 investigadores desse grupo, que tinham cargos de chefia, seriam imediatamente afastados, segundo declarou o secretário da Segurança Pública, Ronaldo Marzagão. Esse número também passou a ser repetido pela cúpula da polícia.
Para a Secretaria da Segurança Pública, os afastamentos visavam dar transparência à investigação. A polícia, no entanto, não forneceu os nomes dos policiais suspeitos nem os locais onde trabalhavam.

Amigo
A pesquisa dos nomes dos 27 policiais suspeitos no “Diário Oficial” mostra que apenas Afonso Henriques Soares Rodrigues, chefe dos investigadores do Deic (Departamento de Investigações Sobre o Crime Organizado), teve o seu afastamento publicado -mudanças de cargos de chefia têm de ser publicadas porque envolvem remuneração e também para dar transparência.
Isso ocorreu no dia 20 de junho, quatro dias depois do anúncio de punições feito pela polícia paulista. Rodrigues, que é amigo de Chokr, pediu para sair da função, o que teria agilizado a publicação do seu afastamento. De lá para cá, nenhum outro afastamento foi publicado pela polícia.
A assessoria da Secretaria da Segurança Pública afirma que todos os afastamentos foram realizados e serão publicados no “Diário Oficial” nos próximos 15 ou 20 dias (leia texto nesta página).
O investigador Sidney Mota de Oliveira, na lista dos policiais investigados, também é citado no “Diário Oficial”, mas não para perder o cargo. Na terça-feira, foi publicada a sua designação para assumir a chefia dos investigadores do 40º DP (Vila Santa Maria), na zona norte da capital paulista.
Segundo a secretaria, o número correto de investigadores que perderiam cargos de chefia é 13, e não pelo menos 20, como chegou a ser anunciado pelo governo. Segundo a pasta, houve um erro de informação e se descobriu que menos investigadores do grupo de suspeitos tinham função de chefia.