1. Bolsonaro nem precisa processar o delegado Waldir. Quem o ouviu, xingando o presidente de vagabundo, dizendo que iria implodi-lo, e logo em seguida covardemente se retratando, viu ali um “inimputável”, que, se processado e julgado culpado, estará isento de pena. (E aí, amigo Gerra, este passa pelo filtro? Os dois ou três últimos não passaram!)

    Curtido por 1 pessoa

    • Caro Dr. Ronaldo TOVANI, os dois são inimputáveis. A culpabilidade cabe exclusivamente àqueles que votaram nesses dois e no resto .
      Quanto ao filtro, não sei de nada, não é comigo …kkk
      Nem sei explicar o motivo da retenção.
      Mas assim que os observo na fila, imediatamente, os libero…
      Aliás, fico constrangido com essa moderação de comentaristas assíduos!
      Abraços, Dr!
      Bom fim de semana!

      Curtir

  2. Meu Caro Dr. Guerra,
    Grato pela deferência.
    Asseguro-lhe, ademais, que estou fora dessa “culpabilidade” à qual se referiu.
    E quanto à “inviolabilidade” mencionada pelo ilustre “tira”, derivada do art. 53 da CF, sinceramente não consigo vê-la passível de aplicação no “caso concreto” (de puro xingamento e ameaça); todavia, sigamos em frente que logo logo aqueles dois se acertam…

    Curtir

  3. A culpa é de quem votou? Então se a culpa é minha eu coloco ela em quem eu quiser.
    Isso é sacanagem pura. Quem não votou então está isento? Kkkkk

    Curtir

  4. Bolsonaro falou que ia acabar com o PT mas tá acabando com o PSL, O mito e o delegado se merecem.

    Curtir

    • Bolsonaro ergueu o PSL. Pode derrubar se quiser. Mas na real, quem esta acabando com o PSL são seus próprios políticos eleitos que estão mordendo a mão que os alimentou e cuspindo na cara do Povo que votou neles por causa do Bolsonaro. Nas próximas eleições verão seus votos virarem fumaça.

      Curtir

Os comentários estão desativados.