Polícia Civil faz operação contra crime organizado no Centro da Capital 3

Excelentíssimo Dr. Roberto Monteiro,
Nesta tarde, com suporte desta 1ª Delegacia Seccional Centro e de todas as unidades distritais e especializadas a ela subordinadas, realizamos a Operação Guaianases IV, a qual se lastreou no quanto apurado no inquérito policial que tramita por esta delegacia. Como nas demais fases da Operação Guianases, tínhamos por alvo receptadores de celulares furtados e roubados, bem como traficantes de drogas, cujas ações afirmamos à Justiça estarem integradas em verdadeiro ecossistema criminoso.
Como consta no Plano de Ação Operacional Específica, ainda recebemos apoio do Serviço Aero Transportado – SAT (a quem cumprimento nas pessoas dos colegas Dr. Pimentel e Dr. Kojo) da Guarda Civil Metropolitana, com brilhante atuação na contenção de perímetro e dos cães farejadores do respeitado Canil daquela corporação.
Os trabalhos iniciados às 16 horas de hoje, permitiram, além da obtenção de relevantes informações que serão úteis ao inquérito policial supra, o registro das ocorrências abaixo:
• RDO 3787/2020  Captura do procurado Marcos Gomes da Silva, preso por conta de mandado de prisão da 2 Vara Criminal de Aparecida, incurso na pena de furto.
• RDO 3788/2020  Presos em flarante Michele Silva Grades e Yuri da Silva de Oliveira surpreendidos em quarto de hotel de posse de 4 celulares sem origem 1 comprovadamente produto de furto, R$ 2000,00 e quatro invólucros de maconha, pelo que foram presos por tráfico de droga e receptação.
• RDO 3789/2020  Preso em flagrante o camaronês Joseph Alain Chendjou por receptação, eis que tinha consigo aparelho celular produto de crime.
• RDO 3790/2020  Apreensão de 4 celulares de origem indefinida
• RDO 3791/2020  Apreensão de 12 celulares, 1 produto de crime um RG de adolescente Kathelen Beatriz Ortiz Magnabosco
• RDO 3792/2020  Apreensão de celular produto de crime em apartamento vazio
• RDO 3794/2020  817 reais encontrados com indivíduo estrangeiro sem documentos pessoais
• RDO 3795/2020  Mais 2 presos senegaleses por receptação e associação criminosa, Fallou Wade e Badji seyduna Abdoulaye. Com eles 8 celulares, sendo 3 produtos de crime, além de notebook e maquininha de débito com origem a ser definida.
• RDO 3796/2020  Apreensão de R$ 2.270,00 reais, em dinheiro vivo, portado na rua por Abdou Dia, e sem indicação segura de origem
• RDO 3797/2020  Apreensão de R$ 860,00 reais, em dinheiro vivo, portado na rua por Ibrahima Diaye, sem indicação segura de origem. De relevo anotar que tal indivíduo sequer falava português ou indicou interesse, pelo que foi remetido à Polícia Federal
• RDO 3798/2020  Apreensão de R$ 1.662,00 reais, em dinheiro vivo, portado na rua por Mamadou Lamine Diallo, e sem indicação segura de origem.
• RDO 3799/2020  Apreensão de R$ 9.685,00, em dinheiro vivo, portado na rua por Papa Magaye Gaye.
• RDO 3800/2020  Apreensão de R$ 13.459,00 reais, em dinheiro vivo, portado na rua por Boubacar Danfakhya Konte, sem qualquer indicação segura de origem.
• RDO 3801/2020  Apreensão de R$ 3.527,00 reais, em dinheiro vivo, portado ostensivamente na rua por Thierno Hamidou Diallo.
• RDO 3802/2020  Apreensão de 32 aparelhos celulares, sendo que sete já com bloqueio criminal em endereço objeto de uma das buscas. Não havia ninguém no local, mas o documento do senegalês Guisse Issa foi encontrado no local.
No total, portanto, tivemos o registro de 15 RDOs, com cinco presos em flagrante, um preso por “captura”, apreensão de 62 aparelhos celulares, R$ 32.271,00,a 4 porções de maconha a serem definidae pericialmente, além de 2 notebooks, duas maquinas de cartão e documentos diversos.
Gostaria de agradecer a todos os colegas titulares, chefes de investigação e equipes empenhadas, mas neste último caso o faço nas pessoas dos investigadores *relacionados ao RDO 3895/20: Felipe, Manassés do 12*º e Marcus e Davi do 77º DP, os quais realizaram diligência de busca com empenho exemplar, adentrando em endereço nos quais os indiciados chegaram a se evadir, mas foram seguidos e presos em circunstâncias operacionalmente complexas.

  1. Que arregaço…..Polícia Civil enfiando até o nabo…..foda-se os esquemas

    Curtir

    • kkkk, foda-se os esquemas…rsrs, somente valorização da pule , reajustes nos carnês….

      Curtir

Os comentários estão desativados.