ME AJUDA AÍ, JOSMAR JOZINO! – Diante da Lei MARIA DA PENHA, qual a diferença que há do procurador municipal de Peruíbe do procurador de justiça do Ministério Público? Resposta: A POLÍCIA CIVIL QUE É MULHER DE MALANDRO! 4

Lendo matéria do sensacional Josmar Josino: Procurador de Justiça é acusado de agredir e ofender mulher e filha em SP, verifica-se que quando se trata de ocupante de cargo “elevadíssimo”, “qualificadíssimo”, “honestíssimo”, daqueles que apenas a elite intelectual formada na elite das Faculdades de Direito deste Estado, o sigilo é absoluto.

A dignidade humana é MAIS DO QUE ABSOLUTA

Não dá TV, não dá   NICO, não aparece ninguém para dar nome aos bois.

Eu ou você, nós homens sem cargo ou com cargo destinado aos “burros”, se eventualmente, tivermos um “surto psicótico” – depois de chegar em casa, às 8h00 da manhã, com a cuca cheia de cachaça, vindo de um puteiro, misturando álcool com antidepressivos, ansiolíticos, viagra e – já muito Loko – sociabilizar com as minas “cheirando umas carreirinhas”, praticar violência física e moral contra nossas companheiras e filhas TAMO FU …

VAMOS TOMAR NO Ó, com direito a fotografia estampada por todos os cantos do planeta terra.

Mas o “doente ” em questão, COITADINHO (e de fato o membro do Colegiado de Procuradores até pode ser doente como centenas de outros homens), goza até da EXCLUSIVA PRERROGATIVA DE SIGILOSO ABSOLUTO!

ME AJUDA AÍ, DATENA!

E orientamos a Dra. Procuradora vítima deixar de ser codependente dessa pessoa que – pelo cargo que ocupa e formação que, na teoria, deve possuir (na teoria, pois na prática a burrice é comum) – está muito mais para psicopata devasso do que doente mental e dependente químico. 

E, desculpe-me, a Dra. sendo ligeiramente mais velha do que ele foi se argolar, ambos então jovens, com um camarada que, com apenas 30 anos de idade, já era pai DE QUATRO FILHOS DE “RELACIONAMENTOS” ANTERIORES…

A isso sim devemos chamar de pluralidade…Né?

Ora, os R$ 50.000,00 que, em média, ele ganha mensalmente, não deve gastar com os quatro filhos frutos desses “relacionamentos”

Logicamente, segundo a descrição do ilustre jornalista, todos com mais de 30 anos. 

Ora, ele gasta a fortuna que ganha mensalmente com as ex e com as atuais, além de torrar a grana com uísque e companhias mais jovens.

Não lhe chamo de chifruda, pois – pela regra da experiência própria – o seu “doente” até pode pagar de Ministro da Zona, mas não come ninguém …

Se ele for exceção ficarei com MUITA INVEJA…

Ou me manda o nome do remédio que ele toma…rs 

Vislumbra-se a excludente da ineficácia absoluta do meio que no caso do membro do “parquet” se traduz na impossibilidade de o seu instrumento ser utilizado para consumar a “fornicatio”.

No popular: ele não come ninguém, mas gasta pra caralho e na bronca chega em casa humilha, ameaça e agride fisicamente a mulher e bate e na mulher e humilha a filha!

Procurador “bebão” e “cuzão” ,  como 2 + 2 = 4,  “FIZERAM ECONOMIA DA VERDADE! “

Sabe o significado?

Não, né?  

Ah, por coação, por dissuasão ou por compaixão …Cada qual que carregue o seu bêbado, não é assim? 

QUEM SABE COM O SUSTO ELE MUDE …

Pelas regras da experiência comum (para foder os outros o membro do MP talvez faça emprego dessa fórmula bem safada (nada cientifica e jurídica)  , posso vislumbrar que VOSSA EXCELÊNCIA É UM PSICOPATA PERIGOSO E PERVERSO QUE FARÁ MUITO PIOR!

Mas quero estar absolutamente errado, desejando-lhe que procure tratamento…

Evidentemente seus colegas se fazem de cego ou querem que Vossa Excelência se afunde; levando consigo toda a sua família.

Talvez se surtar no Tribunal e meter bala nos colegas de trabalho eles tomem ´providências…Não serão humanitárias, certamente! 

Desequilibrios mentais – acompanhando ou não de dependência química – associado ao desequilibrio financeiro LEVAM A CORRUPÇÃO, sabia? 

E louco que comete a loucura de permanentemente dever mais de R$ 100.000,00, de cheque especial; outro tanto no cartão black do BB, fica ainda mais varrido de louco.

A MULHER DE MALANDRO

O Ministério Público massacra publicamente a imagem da Polícia Civil, especialmente quando Delegado “surta” ou simplesmente “rouba”! 

Mesmo nos casos de segredo de justiça vazam informações para a imprensa…

Assim o investigado ou réu já ingressa em campo perdendo de goleada! 

Por seu turno, a PC , invariavelmente, por covardia, poupa a imagem de promotores, magistrados, policiais militares…

Deveria poupar INDISTINTAMENTE a imagem de TODOS, mas – por faltar honradez – a garantia de sigilo é SELETIVA!

A especialidade da casa: ESCRACHAR COITADOS E DESAFETOS …

E A PM? 

Do contexto da matéria jornalística, sem saber do registro dos fatos e demais providências, aparentemente, deixou de prender o PJ em flagrante…

Sabe como é, estourar porta de barraco e prender pedreiro cachaceiro é fácil.

Se houver insatisfeitos se faz coação. 

Mas ingressar, provavelmente, em condomínio de elevado padrão, estourar a porta (talvez blindada) e algemar o membro do MP, NEM PHODENDO FAZEM! 

Lá sim é asilo inviolável de um “cidadão de bem” …

E, ora gente, não houve flagrante, né? 

É apenas a palavra delas contra a dele…

Não vimos nada; não temos certeza de nada! 

Será que ao menos foram verificar as cameras e consultar a portaria? 

Ele chegou dirigindo? 

Foram verificar o eventual veículo?

O motor ainda estava aquecido? 

DOS CRIMES DE TRÂNSITO

Seção I – Disposições Gerais
Art. 306

Conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência:

Penas – detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

NOSSA ADVERTÊNCIA

Qual o significado de igualdade? 

O que acima escrevemos, debochadamente, conforme nossa pessoal compreensão do teor do relato jornalístico, objetiva maior reflexão de agentes públicos com privilégios legais nauseabundos, PREJULGAR PUBLICAMENTE, JULGAR MORALMENTE EM ATOS DE OFÍCIO (uma grande qualidade de membros da PGE, empregando EMBROMAÇÃO (trapaça, mesmo) É COMO PIMENTA…

NO RABO ALHEIO É REGRIGÉRIO…

A vítima como Procuradora (seja lá municipal, estadual ou igualmente Procuradora de Justiça), se nunca fez, deve ter observado como os “OPERADORES DO DIREITO” são exímios deturpadores da realidade, mestres no emprego de palavras enganosas como se estivessem em mesa de carteado…

Afirmando-se, não tem o menor cabimento – nenhuma seriedade – escrevermos a respeito de casamento com homem um pouco mais novo e que ainda jovem já tinha 4 filhos, talvez ex 4 mulheres etc.

Pensar assim é torpeza; assim como algumas das ilações descabidas contidas linhas atrás.

Mas, infelizmente, até em mera impugnação tributária, muito mais preocupados em ganhar honorários do que zelar pelo tesouro público, Procuradores escrevem lorotas, empregam palavras enganadoras, fazem julgamentos morais E MENTEM…

Enquanto muitos membros do MP, infelizmente, aparentam certa perversidade; idem no Poder Judiciário. 

E mentir processualmente é interpolar fatos verdadeiros, descritos com abundância de palavras desnecessárias, enfiando devagarzinho uma mentira aqui, outra ali, acolá até que alhures, por outrem, o INIMIGO acaba condenado …

Em linhas gerais e sem rebuços: DEVAGARINHO LHE FODERAM!  

Observação: não raramente Juízes e Desembargadores “copiam e colam” em sentenças e acórdãos o que esse tipo de funcionário público escreve; empregando como fundamento de decidir…

A empulhação e mentira vence e acaba se perpetuando!  

Por fim, parabéns ao JOSMAR JOSINO, pois é sempre o único que, ao menos, noticia FATOS DE INTERESSE COLETIVO

É muito grave alguém exercer cargo de tal relevo – cujos atos podem desgraçar irremediavelmente a vida de muitas pessoas – estando com a saúde mental comprometida, seja lá qual for o diagnóstico e causa.

Esse Procurador de Justiça, há muito tempo, deveria ter sido encaminhado para tratamento especializado às custas da Instituição.

Se impossível a recuperação da higidez: aposentado!

De se observar, um promotor de justiça (MP) ou um procurador de estado (PGE) opinaria pela demissão de qualquer outro agente público em idênticas condições.

Sem dó, sem piedade e sem pensar na situação dos familiares. 

 JOSINO, dessa vez não farei como fiz COM O DIRETOR DO SÃO LUIS…

Se tu não deste o nome, não serei OTÁRIO …rs

 

 

  1. Se bem entendi, um procurador de Justiça (portanto integrante do Ministério Público normalmente atuando em 2º grau de jurisdição) teria agredido mulher e filha.
    O fato, se verdadeiro, é bastante grave, tanto que mereceu atenção jornalística do respeitado Josmar Jozino.
    Não vejo porquê não divulgar o nome do investigado. Aliás, os próprios integrantes do Ministério Público, principalmente quando promotores de Justiça, adoram “vazar” para a Imprensa notícias envolvendo pessoas de destaque, mesmo por vezes em casos sujeitos ao “segredo de justiça”.
    Se eu soubesse o nome do investigado, tranquilamente o mencionaria aqui, como medida natural de quando se escreve a respeito de algum fato, e até para se evitar que todos os demais procuradores de Justiça sejam inseridos na linha da dúvida.

    Curtir

  2. O seu comentário sobre a atuação da PM é completamente falso. Sou Policial Militar e estava presente nesta ocorrência, o Procurador foi preso em flagrante delito, inclusive todas as providências cabíveis foram tomadas, tanto por parte da PC quanto da PM

    Curtir

    • EMERSON,

      Atente integralmente ao nosso comentário: Do contexto da matéria jornalística, sem saber do registro dos fatos e demais providências, aparentemente, deixou de prender o PJ em flagrante…

      Assim fico muito satisfeito pela sua informação e lhe agradeço honradamente !

      Curtir

O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do comentarista que venha a ofender, perturbar a tranquilidade alheia, perseguir, ameaçar ou, de qualquer outra forma, violar direitos de terceiros.O autor do comentário deve ter um comentário aprovado anteriormente. Em caso de abuso o IP do comentarista poderá ser fornecido ao ofendido!...Comentários impertinentes ou FORA DO CONTEXTO SERÃO EXCLUÍDOS.. Contato: dipolflitparalisante@gmail.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s