Policial que defende policial criminoso, bandido também é ! – A conduta covarde e assassina de certos policiais mancha a instituição na medida em que os demais a justificam por meio dos argumentos ainda mais rasteiros e vis do que o próprio crime 2

É inegável que estamos vivendo numa sociedade odiosa e moralmente doente, mas é inadmissível a defesa que , por “espírito de porco” ,  muitos policiais fazem de ações criminosas de outros policiais, partindo de preconceitos infantis, para não dizer animalescos .

Policiais que se julgam a nata da coletividade!

Pois bem, o “petralha” mereceu ter o braço quebrado por perturbar a ordem desfilando uma camiseta com a expressão Lula Livre, apanhou de bolsonaristas e depois da GCM e da PM, também bolsonarista, obviamente!

O agressor foi um policial negro que além de manchar a farda manchou a sua etnia.

Dentro de uma Delegacia de Polícia!

Cujo Delegado – também imbuído de patriotismo e respeito às instituições –  não deve ter feito muito esforço para  escutar  o “comunista” defensor de bandido condenado!

Em outra ocorrência, noutro local ,  um casal que estava na calçada , em frente a um bar,  pelas costas levou tiro de calibre 12, supostamente pelo fato de bloco carnavalesco ser frequentado apenas por bêbados , maconheiros e viados, ou seja, gentalha sem crédito.

Policial – tente do bem – frequenta o culto, jamais uma festa de libadores devassos!

Ora, pouco importa se as balas e as bombas eram de efeito moral ( de borracha ), pois ferem e podem matar!

O que importa é verificar o instinto assassino e covarde do PM atirando pelas costas…

Deve ter tido um orgasmo sádico!

O que fizeram os alvos, concretamente?

As vítimas dos ferimentos dolosos , em seguida , foram reclamar seus direitos e saíram ameaçados do Batalhão diante das palavras de alguém que não tem qualificação para ser policial.

Certamente nas polícias , nas guardas municipais e entre guardas penitenciários são incontáveis os bêbados, os maconheiros ,  usuários de cocaína ,  os traficantes e , em maior número, os homossexuais dos dois gêneros.

Será que os mesmos policiais  que defendem o indefensável gostariam de ouvir generalizações por conta dos criminosos por eles justificados em razão do falso espírito de corpo?

Com efeito, o verdadeiro espírito de corpo é ter em mente  que o crime de um policial é crime de toda a corporação; por isso deve ser reprovado com veemência.

Jamais ser defendido descarada e mentirosamente.

Resultado de imagem para policial atira em foliões no bloco

  1. Eu só acho que policial bandido não mancha de jeito nenhum o nome da pm.
    A instituição pm já é uma mancha horrível.
    Vcs lembram daquele coronel que acompanhou o depoimento da Nayara no caso Eloá, a menina prestou o depoimento para o delegado e o coronel já saiu da sala com uma opinião formada de que os pms eram inocentes, o coronel foi afastado das apurações antes do início da própria apuração.

    Curtir

Os comentários estão desativados.