Tal pai, tal filho! – O transviado Flávio Bolsonaro não é corrupto…É apenas um bom filho obediente aos comandos de Jair Bolsonaro 239

Resultado de imagem para forças armadas do brasil

De se considerar que o PM Queiroz ,  “personal arrecadador”   de verbas desviadas do Erário,  por meio de assessores parlamentares do então deputado estadual Flávio , os quais , evidentemente, repassavam grande parcela de seus salários ao padrinho , sempre esteve a serviço do amigo de longa data: o então deputado federal Jair Bolsonaro.

Aliás, Jair Bolsonaro afirmou publicamente  que é amigo do intermediário de peculatário desde 1984; o suspeito Flávio Bolsonaro nasceu em 1981.

Obviamente, o então deputado  federal Jair era quem apadrinhava  Queiroz para essas e outras  “funções” de assessoria parlamentar.

E aparentemente recebia uma parcela da propina sob a denominação “pagamento de empréstimo”, inclusive!

Além de ter familiares do “personal arrecadador” nomeados em Brasília, os quais, por sua vez, provavelmente faziam parte desse escabroso esquema criminoso.

Diga-se , toda a família , há muito , deve ter  se locupletado ilicitamente com tal modalidade de peculato.

Daí resultando o milionário patrimônio dos Bolsonaros.

Infelizmente, independentemente do que o Poder Judiciário venha a decidir ; se e quando o Bolsonarinho for processado, trata-se de vetusta modalidade de peculato praticada pelos políticos mais inescrupulosos do Brasil.

Ah, mas se cair na mão do FUX a absolvição é certa!

E todo mundo é inocente até condenação em segunda instância…

Verdades, criminalmente falando!

E o FUX é carioca, né?

Contudo, socialmente e politicamente os Bolsonaros são mais do que culpados.

As provas são mais do que suficientes para que sejam politicamente execrados.

Tristemente tais fatos foram escondidos da sociedade que de boa-fé os elegeu para salvar o país da corrupção.

Quem ainda lhes dá crédito ou não tem inteligência, não tem vergonha ou é tolo!

Infelizmente, também, é induvidoso que Flávio aprendeu tudo o que sabe sobre  práticas políticas indecorosas tendo o pai como exemplo e mestre.

Os outros filhos não devem ser nada diferentes…

Diz o ditado: “like father, like son“!

Assim, em família de político desonesto o “normal não é ser heterossexual”, o normal é ser ímprobo demagogo.

Portanto não duvido que o Bolsonaro pai tenha muito orgulho de ter filhos tão transviados quanto ele próprio !

Enfim, com essa família no governo e seus asseclas especializados em contrainformação , sofismas e  demagogia , só nos resta acreditar nos honrados membros das Forças Armadas!

  1. Agora só resta esperar e ver se o afogado Flávio vai dar o “abraço dos afogados” ao pai, ou vai tentar sobreviver com suas próprias pernas e braçadas. Se bem com um esculacho de qualquer ser pensante que ainda resta neste país..

    Curtir

  2. SE COMETEU CRIME TEM MAIS É QUE PAGAR. O QUE NÃO SE PODE É EMBARCAR NA IDEIA DE QUE O CRIME PASSE DO FILHO PRO PAI. CADA CACHORRO QUE LAMBA SUA CHAPELETA.

    Curtir

  3. Tá, sem querer defender mas cabe o questionamento: Qualé o crime no chamado “rashid” Conde Guerra??
    Quero ver capitular esta merda.
    Não existe crime!
    É imoral mas não é ilegal.
    E os assessores podem alegar em depoimento que doaram por livre e espontânea pressão. E aí?
    Não dá nada porra!
    Factoide da imprensa vendida e da escória vermelha.
    No dia em que o rashid for crime não sobra um partido político no Brasil.
    Isso é antigo pra caralho. Tinha denúncias no governo de SP do psdb em 2003. Tem vídeo no youtube da Soninha Francine dizendo que era prática comum no pt.
    Se houverem outros montantes de origem duvidosa, aí sim. Mas até agora nada.
    Vira o disco animal!

    Curtir

    • Polizei,

      O animal é você: quadrupede !
      Tem certeza que você é policial?
      És um baita ignorante metido a defensor de ladrão, qual o teu interesse ou paixão?
      Não quer aceitar que votou em corrupto?
      Ou tem tendência para corno manso e assumido?
      O criminoso alega qualquer coisa que lhe seja favorável, nem por isso deixa de ser denunciado, sentenciado e preso!
      A polícia é corrupta, mas esse “costume institucionalizado” não descriminalizou a corrupção, viu?
      Meu caro, o nome jurídico desse crime é conhecido por PECULATO, mas há quem defenda que são pelo menos três os crimes: FALSIDADE IDEOLÓGICA ( falsa frequência ao serviço ) , CORRUPÇÃO ( receber dinheiro em troca da nomeação e frequência ) E PECULATO DOLOSO ( desviar a verba que tem a disposição do gabinete mediante nomeação fraudulenta ) , além de ato de improbidade administrativa.
      Não me interessa o PT!
      Não me interessa os vermelhos!
      Tampouco azuis, verdes ou amarelos…
      Eu sou absolutamente branco ( cor de rosa ) !
      Por fim, vai estudar seu imbecil mal-educado.
      Animais foram aqueles que te educaram.

      Curtir

      • Concordo , porém reitero nada é pior ou foi pior que o PT na face da terra.

        Curtir

  4. Coaf aponta pagamento de título de R$ 1 milhão por Flávio Bolsonaro (60% do patrimônio declarado).

    Documento não identifica o favorecido e a data do pagamento

    Curtir

  5. Bolsominions não percebem que são todos iguais, o discurso inflamado de combate a corrpção, moral caiu como uma bênção para o brasileiro desacreditado.
    |Resultado: abestalhados e cegos, acham que o presidente vai levar o país ao desenvolvimento, redução da carga tributária, melhora do pib, renda per capta.
    Mas não percebem que são os mesmos que estão no poder; blindados, roubando e matando a população, não atingindo a previdência de quem ganha mais de 10 sal mínimos.
    Brasil, povo trouxa

    Curtir

  6. “Quem ainda lhes dá crédito ou não tem inteligência, não tem vergonha ou é tolo!” Perfeito!

    Curtir

  7. No meu caso, não queria o PT de novo, mas não queria o Boçsanaro de jeito nenhum. As poucas pessoas que conheço que admitiram ter votado no bozo, logo após a eleição .

    Já me procuraram confessando profundo arrependimento. Quem diria, até Diogo Rox e Nando Moura, já estão querendo se desvencilhar.

    Não creio que todos os eleitores de bolsonaro foram idiotas, só foram enganados, no quesito honestidade e, estão se arrependendo.

    Mas os idiotas mesmo são os bolsominions que insistem em defender a família bostanaro.

    Mesmo com todos esses fatos gravíssimos vindo a tona.

    E o paladino da Justiça, está protegendo o filhinho do boçal. Até quando. Ou ele acredita que a população em geral vai ficar quietinha. Se justiça for feita, vai sobrar pro Moro também.

    Uma pergunta que não quer calar:

    O presidente do COAF foi exonerado e o órgão deixou de ser da Pasta do Ministério da da Fazenda, mais coerentemente deveria ter ido para o Ministério da Economia.

    Mas não: foi para o ministério do paladino da justiça. Cuidado Moro, suas parcialidades poderão lhe custar muito caro em breve.
    A maioria da população não é idiota r o senhor pediu exoneração de Juiz vitalício.

    A população pensante está de olho……

    Curtir

    • Hahaha….olha o que vc escreveu…” no meu caso não queria o PT de volta “”” kkkkk
      Depois dessa acredito piamente ser vc uma pessoa anormal !!!! Kkkkk
      Tudo que vc posta é sobre o Pt doida…kkkk
      Ps- onde teclo 17 de novo

      Kkkkkkkkkkk….não deixo de rir cara

      Curtir

  8. Haddad: Logo se explica a evolução patrimonial dos Bolsonaro

    Veja reportagem completa no linke abaixo, se não ficar preso na moderação.

    Curtir

  9. Como esse site tem ignorante, são tudo tapado , vou pedir pro MP junto com o COAF revirar a vida de todos, já que são raptados nem vão ver que o MP do Rio é tudo corrupto na sua maioria. Aliás , por esse motivo que a polícia Civil em São Paulo não anda são definidos e invejosos

    Curtir

  10. nossa hpa quase duas horas; e, os bosominions não sabem o que devem postar. Entendam bolsominiobs bão são aquek
    les eekeutires di bistabaro que se deixaram enganar pelo discurso de nova política, sen cirrupção. Bolsominions são aqueles que continuam defendendo o clã bostanaro, após todas essa evideências que vieram a tona.
    Tá cheio de erro de digitação, mas tenho mais o que fazer e estou sem minha fiel escudeira; Boa tarde a todos!!!!

    Curtir

    • Porra aperta a tecla SAP aí. Sem a escuderia né. “Linke” é erro de digitação também ou déficit cerebral mesmo? Não tem óculos ou é problema da visão? Agora ficou comprovado. Escrivã que não sabe escrever! Kkkkk
      Fiel escudeira deve ser sua professora de Português. Kkkkk

      Curtir

  11. petralhordas não adianta ficarem reclamando… é melhor jair se acostumando..

    se esqueceram que os GALs estão fechados com o MITO ?????..

    se esqueceram que os GALs não querem jamais tornar a ver a petralhada no comando da nação ?????

    se esqueceram que os GALs. estão agora PODER junto com o MITO ????

    deixem de serem idiótas … só não ve isso quem nada entende de politica………

    Curtir

    • 👍🏻👍🏻👍🏻👍🏻😎👉🏼👉🏼🇧🇷🇧🇷🇧🇷

      Curtir

  12. PETRALHADAS …. ESCREVAM AI ………………………

    em 2019 voces verão brevemente irem p cadeia … aquela ( amante ) doida de curitiba … aquele doido lindenberg…
    tambem ira o poste ANDRADE …o ze dirceu tambem… e varios petralhas…

    Curtir

  13. a mais de 02 anos que eu digo aqui… que aqui quem manda é os GALs……………..
    por isso que a lava jato esta indo adiante até os dias atuais…. com o chefe quadrilheiro preso em curitiba…
    se os GALs não mandassem em nada … provavelmente, teriamos em 2018 mais uma fraude nas eleições…
    e os petralhas estariam no comando de novo….

    Curtir

  14. o MITO esta lutando contra tudo que esta de errado hoje,,,,,

    1- rede globlixo…
    2- artistas vendidos p petralhas…
    3- imprensa vendida p petralhas…
    4- um judiciario que se os GALS deixasse correr solto, hoje o ladrãolula estaria soltinho…

    entenderam pessoal ???

    agora o pais tem um comando serio….

    agora o MITO mandA e tem o apoio dos GALs…

    ninguem derruba o MITO….

    a unica força que hoje , pode derrubar o MITo são os seus aliados ……..

    OS GENERAIS………………………………… e ninguem mais…

    entenderam petralhadas????
    ou terei que desenhar ????????????????????????

    Curtir

  15. nada manchara trajetoria e meta do MITO….

    ele juntamente aos GALs, governarão o brasil, pelos próximos 04 anos …. que se seguirão por mais 04 anos … depois destes 08 anos o presidente MITO, escolhera um novo chefe responsavel para lhe entregar o poder por mais 08 anos consecutivos……………. ai ja esteremos no ano de 2035 ..

    com certeza , em 2035 seremos componente do grupo dos 08 maiores do mundo…e com uma economia de primeiro mundo seremos respeitados pelo mundo todo……

    a petralhada sera somente lembrada nos livros de historia… como a grande quadrilha que levou o brasil a falencia, moral , intelectual, e financeira….quando dirigiu o pais pelo periodo de 2002 até o ano de 2016..e que teve o chefe e seus aliados proximos todos condenados a prisão de mais de 30 ansos de cadeia cada politico petralha….
    e que somente serão soltos da cadeia para o regime semi aberto, nos meados do ano de 2050…

    aceitem petralhas……dói menos…………..

    Curtir

  16. …….O “PowerPoint” do escândalo Bolsonaro-Queiroz
    20 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    Circula nas redes sociais uma apresentação estilo PowerPoint com algumas das ligações do escândalo envolvendo as famílias Bolsonaro e Queiroz.

    LEIA TAMBÉM: Escândalo Bolsonaro só aumenta: Queiroz movimentou R$ 7 milhões

    Estão no gráfico as ligações do ministro do STF Luiz Fux com o partido do presidente, o PSL. Mas faltam as filhas de Fabrício Queiroz, a esposa de Jair Bolsonaro e outros detalhes.
    Mas já é um começo. Veja a postagem do deputado Jean Wyllys (PSOL) compartilhando a apresentação:

    FacebookTwitterGoogle+EmailWhatsAppCompartilhar

    Curtir

    • Jean Wyllys

      Conta verificada

      @jeanwyllys_real
      Seguir Seguir @jeanwyllys_real
      Mais
      Bom, está no powerpoint. E olha que este está sustentado em fatos, ao contrário daquele desenhado pelo agora silente e resignado Deltan Dallagnol. 🤣

      Curtir

  17. Artilharia pesada: Queiroz movimentou R$ 7 mi em três anos
    POR FERNANDO BRITO · 20/01/2019

    Haja carro para vender.

    A coluna de Lauro Jardim, em O Globo, noticia que, em 2014 e 2015, a conta bancária do amigo e motorista dos Bolsonaro Fabrício Queiroz serviu de vala para fluírem nada menos que R$ 5, 8 milhões.

    Somados aos R$ 1,2 milhão de 2016, nada menos que R$ 7 milhões de “entra e sai” de dinheiro.

    Dobra a média de movimentação mensal, agora para R$ 200 mil.

    No Governo Bolsonaro, talvez só o ex-banqueiro Paulo Guedes possa se ombrear a isso.

    A história que ficou, agora, totalmente implausível é a do empréstimo de R$ 40 mil do amigo Jair a um Fabrício que se meteu em dificuldades.

    Quem está em dificuldades é o ex-capitão, de viagem marcada para hoje para Davos, onde vai mostrar que está “moralizando o país”.

    Ele e Sérgio Moro, o ex-fiscal do que seriam indícios “consistentes” de corrupção no Governo.

    O “capitão do mato” do capital, eleito sobre o alicerce da indignação da classe média com a corrução está assistindo sem reação ruir aquilo em que se apoiava.

    Achava-se tão forte que poderia reinar com seus fanáticos, sua guarda pretoriana e a “turma da bufunfa”. Com o bispo e sem a Globo.

    Agora, está visivelmente perdido sobre que tipo de acordo poderia ainda fazer para parar o incêndio.

    Fogo é mil vezes mais fácil de acender do que de apagar.

    Curtir

  18. bora lá gente… tirar as panelas do armário… kkkkk bora lá… c@asc@vel… j@r@r@c@ e seucupir@… kd as frigideiras amassadas…. hshua hshua hshua… hushua …

    Curtir

    • Nunca bati panela, mas foi um alívio ver a “iguinoranta” tomar um impeachment. Na verdade é o seucupira! Tá andando muito com a frígida da Escriludida.

      Curtir

      • Só pelomotivo de não quere transar cin vicÇe m sou fruguda. //////acorda sey”peruzinho”: seu babaca.

        Curtir

        • Tecla SAP por favor. Deu tanta testada em barriga que deslocou a retina. Volte para seu oito pilhas.

          Curtir

  19. sucupira e outros similiares…. gostei muito desse apelido SEUCUPIRA…. faz sentido…. hshua hshua hshua

    Curtir

    • A bem da verdade é o seu que pira.RS
      Não adianta tentar me taxar como Minion. Não gosta das postagens pq são bem verdadeiras né?! Hahaha

      Logo vc que tem medo do vizinho maconheiro. Hahahaha
      Sucupira mesmo.

      Curtir

  20. A tendência do eleitor brasileiro em acreditar em salvador da pátria nem Freud explica!

    Curtir

  21. a petralhada não se cansa de reclamar…kkkkkkkkkkkkkkk

    terão que engulir a politica da dobradinha MITO + GALs até 2035 kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    até la muitos petralhas ja não mais existirão kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  22. No meio do texto senti ânsia…

    A eleição acabou faz tempo kkkkkkkkkkk

    Da-lhe super presidente 17

    Curtir

  23. é muita idiotice dos petralhas . não respeitarem…………. e se acostumarem com a liderança do MITO…..

    sera que eles não percebem que o MITO … chegou ai p ficar ?????????

    sera que eles não percebem que o MITO esta aliado ao homem mais poderoso do planeta ?SR TRUMP…
    E QUE ALEM DO trump O MITO esta fechadíssimo com as FAS, brasileira ???

    por favor né !!!! PETRALHADAS sejam menos burros ..

    ACEITEM QUE DÓI MENOS…

    Curtir

  24. este é mais um aviso aos petralhas…

    escrevam ai…..

    sem abril o STF ira julgar a ação que o bandido do lula esta esperando…
    aquela questão de prisão em segunda instancia..

    EU DUVIDO QUE AS FAs permitirão que o caso em fato seja um resultado favoravel ao bandido LULADRÂO…

    Curtir

  25. portanto petralhadas…. podem tirar o cavalinho da chuva…
    após abriu de 2019 , o bandido LULA continuara preso em curitiba… e se ficar enchendo o saco… sera transferido para uma penitenciaria comum…ai sim ele tomara vergonha na cara…………

    e ficara pianinho………………..

    Curtir

  26. OS RATOS QUEREM ABANDONAR O NAVIO DO BOLSONARO – NANDO MOURA, DIEGO ROX, BERNARDO KÜSTER
    Henry Bugalho

    Bem coerente esse vídeo.

    Curtir

  27. eu achando que já tinha lido tudo nesta hp.

    “Jean Wyllys” fonte de informação e credibilidade !!!

    não deixe “o” “a” pablo Vitar saber disso

    prefiro a fonte: água torneiral mais confiável

    Curtir

  28. As redes sociais estão fervendo. Os bolsocheios defendendo o mitinho Jr. Mas achei que só petista tinha “bandido de estimação”. Sejam coerentes, achei que bandido bom era bandido preso.

    Curtir

  29. Senhor administrador do Flit, me corrija se eu estiver errado, mas penso que não é preciso ser petista pra concluir que o atual governo é uma grande farsa. Basta não ser imbecil!

    Curtir

  30. Nosso dinheiro indo para mordomias e enriquecimento de vagabundos, e, cidadãos pobres, morando no Minha Casa, Minha vida, se precisarem de médico vão ao SUS brigar com os profissionais de saúde, no entanto ficam aqui tretando por causa deles.

    Curtir

  31. Ontem, entrevista TV Record, Fávio Bolsonaroa, “se explica, mas não se descomplica”.

    Curtir

  32. Eu QUASE acreditei naquela “reportagem” da Globo sobre o Flávio Bolsonaro…
    Mas ai eu lembrei que o Presidente vai DIMINUIR DRASTICAMENTE a VERBA ESTATAL MILIONÁRIA que era direcionada para a Globo; Lembrei também que o caixa eletrônico do Banco Itaú só aceita R$2.000,00 por envelope; Lembrei que foram feitos 48 depósitos na conta do Flávio de 2 mil, mas foi no prazo de 2 anos.

    E lembrei também que o Flávio é dono de uma loja de chocolates, uma franquia em um movimentado e luxuoso shopping do Rio.

    Lembrei também que datas dos depósitos do Flávio NÃO batem com as datas das movimentações do Queiroz; puxa vida em?

    Lembrei que a movimentação do Queiroz é 40 vz menor que a do gabinete Petista, mas a Globo não divulgou nada sobre esse gabinete! Puxa, foram 50 milhões contra 1,2 milhões do Queiroz.

    Ai eu pensei…Quem usaria a PRÓPRIA CONTA para roubar dinheiro público? Quem faria depósitos com cheques nominais? Geralmente o PT usava malas de dinheiro vivo e transportava dinheiro nas cuecas. A propina chegava até em caixas de whisky ou de celulares. Foi o que Palocci delatou sobre Lula que exigia propinas em dinheiro vivo.

    Então eu fui mais longe e lembrei da facada;
    Lembrei das manipulação das suásticas;
    Lembrei das inúmeras tentativas da mídia (boca de aluguel do sistema) em minar a candidatura do Presidente…

    Sem contar que MP/RJ, que se vestiu de vermelho para apoiar o PT, em um movimento anti impeachment de Dilma Rousseff, foi APARELHADO pelo SISTEMA PT, conjuntamente com esse tal de Coaf. O MP-RJ agiu ILEGALMENTE ao investigar e posteriormente, quebrar o sigilo bancário de Flávio Bolsonaro. Tudo aconteceu de forma SECRETA e SEM AUTORIZAÇÃO JUDICIAL.

    O engraçado é que a Globo teve acesso a quebra do sigilo ilegal. Se era secreto, como a Globo teve acesso a investigaçōes e como soube da quebra do sigilo?

    A Globo não consegue descobrir quem paga para os advogados do Adelio Bispo, mas pratica jornalismo sujo, de baixo nível e de forma corrupta para derrubar um presidente, que diga-se de passagem, está a menos de 20 dias no poder. Um presidente que nestes mesmos 20 dias, fez mais do que a esquerda em 30 anos.

    Segue com o velório da esquerda!

    Curtir

    • lFilho de Bolsonaro comprou R$ 4,2 mi em imóveis em 3 anos
      Período das aquisições coincide com o da movimentação atípica identificada pelo Coaf

      21.jan.2019 às 2h00
      EDIÇÃO IMOESSA 0 Folha de São Paulo

      Curtir

    • Eu queria ver se um “empresário” comum caísse no seu DP com essa estorinha…fiada.
      Você acreditaria ou, já o considerando culpado, iria buscar elementos para justificar o enquadramento daquele que você tem certeza ser culpado?

      Curtir

    • Pagamento feito para compra de imóveis geralmente é feito através de transferência bancária.
      Um pacote desses em uma fila no caixa eletrônico desperta a atenção.

      Curtir

  33. Globo debocha de Flávio Bolsonaro em novo quadro do Fantástico; assista
    21 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    A TV Globo estreou no Fantástico deste domingo (20) o quadro humorístico “Isso a Globo não mostra” com deboche ao deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que é filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

    LEIA TAMBÉM:
    Globo vai abrir espaço para oposição a Bolsonaro

    Numa referência ao filho do presidente, o quadro exibiu um coro de apresentadores de telejornais da casa falando “foro privilegiado”, encerrando com uma reportagem sobre cultivo de laranjas.

    O quadro também recriou a morte de Odete Roitman (novela Vale Tudo). Na nova versão, a vilã é assassinada por um liquidificador.

    Assista:

    Curtir

  34. Não existe ninguém acima nem abaixo da lei! A lei tem que ser cumprida. Se for provado algum desvio de conduta , que responda pelos seus atos e a justiça e o MP que façam sua parte. Se for inocente melhor ainda.

    Curtir

  35. Acessem e reflitam

    Bolsonaro abandonado.
    Fala, M.R.
    Fala, M.R.
    Inscrever-se23 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    27.345 visualizações
    5.443 224
    Publicado em 20 de jan de 2019
    CURTE MINHAS OPINIÕES? INSCREVA-SE!

    Olá. Eu sou o cartunista Maurício Ricardo. Estou usando esse canal desativado pra postar meus vlogs e desabafos. As animações continuarão no canal oficial do Charges.com.br:

    Curtir

  36. Pesquisem, achem, acessem; e, façam suas reflexões.

    Bolsonaro abandonado.
    Fala, M.R.
    Fala, M.R.
    Inscrever-se23 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    27.345 visualizações
    5.443 224
    Publicado em 20 de jan de 2019
    CURTE MINHAS OPINIÕES? INSCREVA-SE!

    Olá. Eu sou o cartunista Maurício Ricardo. Estou usando esse canal desativado pra postar meus vlogs e desabafos. As animações continuarão no canal oficial do Charges.com.br:

    Curtir

    • Idem

      Globo diz que Bolsonaro vai cair
      Blog da Cidadania
      Blog da Cidadania
      Inscrever-se246 mil
      Adicionar a Compartilhar Mais
      6.197 visualizações
      1.907 25
      Publicado em 21 de jan de 2019
      Bolsonaro irá descobrir que fez um péssimo negócio comprando briga com essa mídia conservadora que até poderia tê-lo apoiado, mas que, agora, não vai sossegar enquanto ele não cair. No fim de semana, a Globo encontrou elementos para afirmar que a queda desse governo é questão de tempo devido ao agravamento

      Curtir

      • Como falar em midia conservadora que dá porrada no Bolsonaro?
        Veja o perfil da CBN! Tudo “progressista”!
        Ocorre que os “canhota” do sistema Globo vai ficar sem verba…

        Curtir

  37. Gente! Que madrugada engraçada.
    Quem metia o pau no Lula pelo “enriquecimento” do Lulinha ta falando: “Votei no pai e não no filho”;
    Quem apoiava o MP pelas denúncias contra o PT ta dizendo: “Isso é uma armação com documentos forjados”.
    Quem apoiava o MBL pelas criticas ao Lula tá falando: “Vcs deviam falar do BNDES. Novamente batendo no Flávio?”
    Quem defendia o Moro por ter dado publicidade aos áudios da Dilma ta dizendo: ” Moro fez certo em proibir divulgar o relatório do Coaf”
    Quem cobrava transparência do governo petista tá dizendo: “Presidente não deve se meter na história do filho”
    Quem sempre disse que a Dilma tinha que ser presa ta dizendo ” tem que investigar mais isso”
    Quem descia o pau no foro privilegiado ta postando #flavioinocente
    Quem orou no dia da eleição por um país sem corrupção ta fazendo corrente de oração pelo Flávio.
    Quem acreditou num power point, ta duvidando de um relatório oficial.
    Quem queria abrir a caixa preta do BNDES apoia o sigilo do COAF.
    MBL ta postando que um Bolsonaro é corrupto.
    E pra fechar com chave de ouro: Malafaia ta calado.

    Por Thiago Correia – jornalista

    Curtir

  38. Conforme os dias passam e a verdade vem a tona, cada vez menos tem bolsominions parara defender a clã bolsonaro

    Que bom, estão acordando da doce calma da ignorância.

    Mas ainda existe os relutantes que ainda acreditam na “honestidade do cl

    Por mim seria nem PT, e nem o clã bostanaro. Mas acredito que os pobres que tem renda inferior a 10 salários mínimos (não é o meu caso) ficariam melhor “na fita, num eventual governo do Haddad.

    Daqui à seis meses gostaria de ver comentários sobre o que melhorou na ida de quem ganha menos que 10 mínimos e votou no boçal..

    Curtir

  39. O povo não sabe votar mesmo. Depois chora. Me sinto um idiota espalhando zap zap que vinha em favor do mito. Tudo esquema…

    Curtir

  40. Dr Guerra boa noite !
    Favor confirmar a notícia, mas ao que consta o Delegado de Polícia Dr Célio José da Silva, Diretor do Deinter1 São José dos Campos, acaba de falecer num hospital de São José dos Campos, vitima de um infarto que havia tido durante o dia !!!! Extraoficialmente comunicamos com pesar os fatos e novamente solicitamos a confirmação da notícia ! Grata ! Boa Noite !

    Curtir

  41. Jornal nacional de 21/01/2019 desmascarou Flávio Bolsonaro. Está no youtub, para quem quiser conferir.

    Curtir

  42. Veja o que é #FATO ou #FAKE nas entrevistas de Flávio Bolsonaro sobre o caso Queiroz

    O senador eleito concedeu entrevistas na noite do último domingo (21) sobre investigações. O Fato ou Fake checou as principais declarações do parlamentar.
    Por O Globo e G1

    21/01/2019 20h06 Atualizado há 2 horas

    O senador eleito Flávio Bolsonaro concedeu entrevistas na noite do último domingo às emissoras “Record” e “RedeTV!” para esclarecer informações sobre a investigação realizada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) sobre a movimentação atípica de R$ 1,2 milhão realizada por seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, apontadas em um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Além disso, o parlamentar falou sobre outro relatório revelado pela “TV Globo”, que aponta a realização de 48 depósitos em espécie na conta dele entre junho e julho de 2017, somando R$ 96 mil. O Fato ou Fake checou as principais declarações do parlamentar.

    “Infelizmente eu gostaria muito de estar fazendo isso, trazer os esclarecimentos ao Ministério Público, às autoridades competentes, mas não foi me dada a oportunidade de fazer isso. ”
    Fake — Foto: G1 Fake — Foto: G1
    Fake — Foto: G1

    A declaração é #FAKE. Veja o porquê: Flávio Bolsonaro foi convidado pelo Ministério Público do estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) a prestar esclarecimentos no dia 10 de janeiro sobre movimentações atípicas feitas pelo seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, registradas no relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), mas não compareceu ao depoimento.

    Neste mesmo dia, ele justificou a ausência nas redes sociais informando que havia sido “notificado do convite do MP/RJ apenas no dia 7/Jan, às 12:19”, e que pediu uma cópia do processo “no intuito de melhor ajudar a esclarecer os fatos” e posteriormente iria “agendar dia e horário para apresentar os esclarecimentos, devidamente fundamentados, ao MP/RJ”.

    Por sua vez, o MPRJ informou que solicitou a presença do deputado em ofício encaminhado em 21 de dezembro à presidência da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) pelo procurador-geral de Justiça, quando a data foi sugerida. Como parlamentar, Flávio Bolsonaro pode definir a data e o local para ser ouvido pelos promotores.
    No dia 16 de janeiro, o senador eleito obteve uma liminar no Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu as investigações.

    “Aí dizem “ele movimentou 1 milhão e 200 mil reais”. Aí você vai ver, não foi um milhão e 200 mil reais, foram 600 mil reais que entraram e 600 mil reais que saíram.”
    Fato — Foto: (Foto: foto: G1) Fato — Foto: (Foto: foto: G1)
    Fato — Foto: (Foto: foto: G1)

    A declaração é #FATO. Veja o porquê: O termo “movimentação financeira” se refere à soma do montante que entrou e saiu da conta do ex-assessor Fabrício Queiroz, o que inclui depósitos, transferências, pagamentos, cheques compensados e saques feitos. Entre 1º de janeiro de 2016 e 31 de janeiro de 2017 a soma de todas essas operações foi de R$ 1,2 milhão.
    e considerados apenas os depósitos destinados ao ex-assessor, o valor chega de fato a R$ 605,5 mil, de acordo com o relatório. O documento aponta ainda que o ex-assessor recebeu depósitos em espécie e por meio de transferências de oito funcionários que já foram ou estão lotados no gabinete do parlamentar. Durante entrevista ao “SBT” realizada no fim de dezembro, Queiroz alegou que o dinheiro é fruto da compra e venda de veículos.

    “Não pedi foro privilegiado no STF. O que eu fiz foi uma reclamação. O remédio jurídico correto, para perguntar ao Supremo Tribunal Federal, obedecendo a uma decisão do próprio STF, que lá atrás decidiu sobre o foro. E tem uma vírgula que fala assim: caso a caso, o Supremo Tribunal Federal dirá qual o foro competente, se é o Rio de Janeiro, o MP do Rio ou se é Brasília, o MP Federal.”
    Não é bem assim — Foto: (Foto: G1 arte) Não é bem assim — Foto: (Foto: G1 arte)
    Não é bem assim — Foto: (Foto: G1 arte)

    #NÃOÉBEMASSIM. Veja o porquê: Flávio não pediu o foro privilegiado, mas usou da prerrogativa do foro para solicitar que o STF defina se as investigações sobre o seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, devem ficar na primeira instância ou serem encaminhadas ao Supremo, já que Flávio foi diplomado como senador em dezembro. O parlamentar alega que o MPRJ pediu ao Coaf informações sobre sua movimentação financeira durante a investigação sobre o ex-assessor. Já o MPRJ afirma que apenas recebeu relatórios encaminhados pelo órgão federal. O ministro Luiz Fux decidiu suspender as investigações até que o relator do caso, o ministro Marco Aurélio Mello, se manifeste. A nova interpretação sobre o foro privilegiado definida no ano passado pelo Supremo determina que só atos praticados durante o exercício do mandato e a ele relacionados devem permanecer na Corte. Contudo, a avaliação se o crime tem relação ou não com o mandato deve ser feita caso a caso. Marco Aurélio Mello já afirmou que decidirá sobre o caso logo após a volta do recesso, em fevereiro.

    “Meu sigilo bancário foi quebrado, sem autorização judicial. Provei ali que além de quebrarem meu sigilo sem autorização, eles deram publicidade para isso.”
    Fake — Foto: G1 Fake — Foto: G1
    Fake — Foto: G1

    A declaração é #FAKE. Veja o porquê: As alegações de quebra de sigilo bancário e fiscal não procedem. De acordo com a Lei 9.613 de 1998, instituições financeiras são obrigadas a informar sobre operações financeiras e transações de altos valores ou feitas em dinheiro vivo ao Coaf. O conselho, por sua vez, elabora relatórios de inteligência financeira e os encaminha para as autoridades competentes para a instauração de procedimentos de investigação, como o Ministério Público.

    No caso de Flávio, o banco no qual ele mantém uma conta registrou 48 depósitos em espécie na conta de dele entre junho e julho de 2017, que somam cerca de R$ 96 mil, concentrados no terminal de autoatendimento da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). Em diversas datas, foram identificados depósitos em valores idênticos na conta do parlamentar em intervalo de poucos minutos.

    Essas informações e a de outros 21 funcionários da Alerj foram enviadas ao Ministério Público do Rio de Janeiro e anexadas ao inquérito da Operação Furna da Onça, um desdobramento da Lava-Jato no estado.

    Em entrevista ao “SBT” realizada no último dia 4, o presidente Jair Bolsonaro também havia feito declaração semelhante sobre o ex-assessor de Flávio, Fabrício Queiroz, que foi checada pelo Fato ou Fake.

    Curtir

  43. Cada um que tire suas próprias conclusões

    Tem batata na chaleira no negócio do apartamento?
    POR FERNANDO BRITO · 21/01/2019

    “Olha, tem batata nesta chaleira”, dizia o velho Brizola quando uma história que lhe era contada parecia “não bater”.

    A “história plausível” sobre a venda do apartamento por Flávio Bolsonaro, confirmada pelo comprador, Fábio Guerra, continua esbarrando em diversas inconsistências que, até agora, a imprensa não foi capaz de levantar, mesmo com as entrevistas do senador eleito e do ex-jogador de vôlei que fez negócios com ele.

    Pela escritura, a compra do apartamento “na planta” em Laranjeiras foi em dezembro de 2016, e o valor de R$ 1,7 milhão. A venda, pela qual teria sido pago o “sinal”no dia 24 de março de 2017, por R$ 2,4 milhões. Uma valorização de 41% em quatro meses, algo extraordinário.

    Nem no boom imobiliário, que dirá nos piores momentos da crise.

    De qualquer forma, as guias de pagamento do ITBI emitidas pela Prefeitura podem confirmar se houve tal variação de preço, pois o cálculo, hoje, é pelo valor de mercado.

    Segundo, como levantou a Globo hoje, no Jornal Nacional, a escritura, lavrada em agosto, não detalha a forma de pagamento do sinal que, em tese, foi pago em março, no contrato de intenção de compra, embora seja incomum que não se pague o sinal nesta ocasião, até porque a desistência obriga a devolução em dobro ou a perda do pagamento.

    Terceiro, que o comprador “não se lembra” de quanto pagou em dinheiro como parte da compra, a teor do que disse, da própria boca, ao JN:

    “Dei o dinheiro em espécie. A média foi isso aí. Não posso falar ao certo, porque de repente foi 70, 80, foi 120, 110, entendeu, mas a média foi isso aí mesmo. O resto foi tudo depósito”.

    Qualquer repórter mediano teria imediatamente perguntado: “o senhor não lembra quanto pagou em dinheiro?”

    Qualquer habitante da Terra, tendo de pagar em grana viva “70, 80, 120, 110″ mil reais lembra perfeitamente de quanto foi.

    Igual também não se perguntou porque ele pagou em dinheiro, aceitando-se passivamente que “alguém” pagou este valor em espécie também.

    Em se tratando de pessoas de boas posses, aptas a fazer negócios no valor de milhões, é crível que não tenham contas bancárias?

    Como o dinheiro vivo foi levado a Flávio Bolsonaro? Em casa, na Assembléia, por portador? Ninguém anda com R$ 20 mil ou R$ 30 mil no bolso ou na pasta sem cuidar de sua segurança. Dois ou três mil reais em dinheiro no bolso já deixam qualquer um de nós com os cabelos em pé.

    Desde o início desta história, as explicações são sempre parciais e duvidosas.

    Fabrício Queiroz disse na entrevista ao SBT que não daria detalhes por “respeito ao Ministério Público”, a quem entregaria os papéis. À Record, Flávio Bolsonaro disse o mesmo sobre os contratos e escrituras que, supostamente, exibia, mas que fez questão de tirar do alcance no momento em que o repórter fez menção de pegá-los.

    Se tudo estiver correto, nada melhor que exibir os papéis.

    Se não estiver, acontecerá como em toda história montada: vai se afundar em contradições.

    Porque, quando se abre a tampa, aparece a batata que estava na chaleira.

    Curtir

    • Chorem Olavista, “mamãe chorei, Diego Rox e os robozinhos

      Escriludida disse:
      21/01/2019 ÀS 11:53
      Whatsapp limita a cinco o reenvio de mensagens
      POR FERNANDO BRITO · 21/01/2019
      Blog do Tijolaço

      Curtir

  44. Policia final disse:
    22/01/2019 às 12:25

    Vamos fechar esse blog só para Policiais frustrados aposentados então.

    kkkk

    tb parece uma sucursal de todas as coloniais de ferias de associações e sindicatos de policiais que so servem para os anseios de aposentados…kkkkkkkkk

    Curtir

  45. Aí vai ficar chato, meia duzia de pessoas que acreditam na honestidade do clã bolsonaro, acreditam também em salvador da pátria, coelhinho da páscoa e papai noel; ficarão trocando elogios entre si em outro blog: onde só imbecis postam, para agradar o público de nível de 5{ série, mesmo tendo diploma universitário.

    Curtir

    • Que bom, sinal que os seres pensantes ainda tem um espaço para se manifestarem !!!!!

      Curtir

  46. Queiroz “assina” culpa por “bolsa-milícia” a família de ex-capitão PM
    POR FERNANDO BRITO · 22/01/2019

    Como bem sabe quem lida com jornalismo policial, aquele que não tem salvação vai “assinando” em nome de outros que ainda esperam escapar do que fizeram.

    Fabrício Queiroz, sem salvação depois do movimento de R$ 7 milhões – saiu em socorro do amigo Flávio Bolsonaro e assumiu a “nomeação” da mulher e da mãe do ex-capitão e chefe da milícia “Escritório do Crime”, Adriano Nóbrega, porque este se encontrava preso.

    “(…) vale frisar que o Sr. Fabrício solicitou a nomeação da esposa e mãe do Sr. Adriano para exercerem atividade de assessoria no gabinete em que trabalhava, uma vez que se solidarizou com a família que passava por grande dificuldade, pois à época ele estava injustamente preso, em razão de um auto de resistência que foi, posteriormente, tipificado como homicídio, caso este que já foi julgado e todos os envolvidos devidamente inocentados”, informa a nota do advogado de Queiroz publicada por O Globo.

    Quer dizer que Queiroz, além de financeiro, motorista, também era o recrutador de pessoal para os cargos do gabinete de Flávio? E que o vereador, por puro espírito cristão, deu a cada uma uma “boca boa” de R$ 6,5 mil mensais sem nem saber quem eram?

    É o “bolsa-milícia”?

    Será que nessa história da carochinha alguma hora vai aparecer algo “plausível”.

    Curtir

  47. Reinaldo Azevedo analisa o discurso de Bolsonaro em Davos
    Rádio BandNews FM
    Rádio BandNews FM
    Inscrever-se276 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    13.418 visualizações
    1.114 468
    Publicado em 22 de jan de 2019
    Categoria
    Notícias e política

    Ovs.: Deixei de postar o kink, para o comentário não ficar preso moderação.

    Curtir

  48. Escriludida disse:
    23/01/2019 ÀS 2:58
    Operação prende policiais suspeitos de comandar milícia no Rio de Janeiro
    3 min
    Exibição em 22 jan 2019
    O Ministério Público afirmou que dois dos suspeitos que tiveram a prisão decretada podem ser peças importantes para esclarecer os assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

    Curtir

  49. Escriludida disse:
    23/01/2019 ÀS 3:04
    Jornal da Globo
    Policiais investigados no caso Marielle foram homenageados por Flávio Bolsonaro
    6 min
    Exibição em 22 jan 2019
    O major da PM, Ronaldo Paulo Alves Pereira, é acusado de participar de uma chacina na Baixada Fluminense, em dezembro de 2003. Ele e um ex-policial apontado como chefe de uma milícia, ainda foragido, foram homenageados por Flávio Bolsonaro.

    Curtir

  50. O silêncio estridente das cadeiras vazias
    POR FERNANDO BRITO · 23/01/2019

    Não foi grande surpresa para ninguém, exceto para os organizadores e para os jornalistas estrangeiros, que Jair Bolsonaro tivesse refugado da entrevista coletiva oficialmente marcada e deixado vazias as cadeiras preparadas para ele e seu séquito no centro de imprensa do Fórum Econômico Mundial, em Davos, Suíça.

    Nem que a justificativa tenha sido, oficialmente, a de que o cancelamento se dava pela “abordagem antiprofissional da imprensa”.

    Os nomes dos motivos são vários: Flávio, Queiroz, Rio das Pedras, milícia, Marielle, Capitão Adriano…

    E são um só: Bolsonaro não tem capacidade de argumentar, apenas de atacar.

    Como não tem com o quê, teria de ficar na defesa.

    Mas além daqueles, há outros: o fiasco de seu curtíssimo discurso, a reforma da Previdência da qual, sem se conhecer o que é, ele só sabe que não afetará os militares senão “numa segunda fase” (pausa para duvidar) e que confia ser aprovada por conta, apenas, do que julga serem os capachos parlamentares de seu governo.

    Medidas econômicas? Nem pensar, isso é com o Paulo Guedes e, de Moro, já teve parte do que queria com o decreto das armas e com o silêncio sepulcral do ex-Savonarola Sérgio Moro, convertido à mudez.

    A comunicação que interessa a Bolsonaro é a tosca, a sem contraditório, feita a veículos de comunicação dóceis como as suas TVs de estimação, aqui, a agências de notícias que só querem saber de anúncios de privatização e, claro, nas redes sociais, onde a fala é sempre curta e não questionada.

    Escapar da imprensa, entretanto, é mil vezes mais fácil que escapar dos fatos . E, pior ainda, entregar-se de bandeja até a factóides.

    Jair Bolsonaro deveria lembrar que só pôde atravessar calado a campanha porque um desequilibrado mental o atingiu a faca. Seu estado de saúde, providencialmente, serviu de motivo para não enfrentar as polêmicas e ficar como vítima.

    No poder, não poderá fazer o mesmo sem ser desmanchado pela mídia.

    Aumentar o fanatismo dos incondicionais não é o mesmo que aumentar o número de apoios.

    As cadeiras vazias são, talvez, mais expressivas do que tudo o que tem dito em Davos.

    Curtir

  51. Jurassica disse:
    21/01/2019 ÀS 10:21

    — parabens ao SEU comentario… tu disse tudo…. é aquilo mesmo que esta acontecendo… desde MPRJ a REDEESGOTO DE TELEVISÃO… tudo p denigrir a imagem do MITO…

    Curtir

  52. a rdeesgoto de televisão esta apavorada…o MITO ja determinou que a emissora pague 360.000 milhões de dívidas com o governo federal…
    e se atrasar o pagamento . o MITO vai determinar que seja confiscado augum patrimonio da redeesgoto…
    para abater na dívida……………………

    é isso memo MITO…………………

    Curtir

  53. em referencia ao cancelamento da coletiva que o MITO cancelou hoje .. ele esta certíssimo….
    ele ja se manifestou ontem sobre isso………….
    não a necessidade de repetir a mesma resposta…

    Curtir

  54. Escriludida disse:
    23/01/2019 ÀS 9:35
    Reinaldo Azevedo analisa o discurso de Bolsonaro em Davos..

    eu tenho uma desconfiança de que este elemento citado acima , seja algum namorado do LULADÃO…

    Curtir

  55. as vezes eu fico desconfiado , de que a escrillllllllllllluddddda é a louca da GLEICE ( amante)………….
    pois a defesa de ambas ao salafrario e bandido de curitiba… parece ser ideia e palavras da mesma pessoa….

    Curtir

  56. Para quem não sabe o “jornalista” Reinaldo Azevedo é PSDBista de carteirinha, foi flagrado num grampo telefônico da PF, conversando com a irmã do Aécio Neves achando um absurdo o Aécio ser investigado, e não poderia sair na capa da Veja nesta condição.
    Deve ser porque o Reinaldo Azevedo acha Aécio BRANCA das Neves é um santo. Sendo a segunda alma mais honesta do Brasil, só perdendo para o Lulladrão.
    Para piorar ele se acha analista político, jurisconsulto e nas horas vagas paga de pitonisa.
    E na condição de advinha profetizou, e se FORDeu grandão, afirmando; “O Bolsonaro nunca vai se eleger, presidente, é ridículo, é abaixo do ridículo”, tem um vídeo deste pateta afirmando isso.
    Pois bem, Bolsonaro se elegeu, e ele queimou a língua, e pelo gestual e vestimentas queima outra coisa também. kkkk
    Esse é o “jornalista” Reinaldo Azevedo.
    Faz à linha tipo ele sabe tudo e mais um pouco e quem não concorda com ele é ignorante, chega ao ponto de discordar de acordão de desembargador federal.
    Quem quiser perde tempo ele com os seus cometários supimpas e análise política, profunda como um pires, assitam ele na Rede TV.
    No melhor estilo torcedor de time que perde de 4×0, nas acha que o seu time está jogando bem!

    Curtir

  57. No tempo da Dilma e Lula o COAF esteve calado e só abriu a boca quando Bolsonaro ganhou os braços do povo ! Até na cor do site o FLIT é COMUNISTA ?

    Curtir

    • Banco Central quer acabar com vigilância sobre parentes de políticos
      24 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

      Parece piada, mas no meios de um escândalo envolvendo a família do presidente Bolsonaro que foi revelado por um relatório do Coaf, o Banco Central propõe o fim da vigilância sobre os parentes dos políticos.

      E vai além. O BC tem quer derrubar a exigência de que as transações bancárias acima de R$ 10 mil sejam notificadas ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras.

      Ou seja, o Banco Central quer liberar a lavagem de dinheiro.

      Se tivessem aprovado esse tipo de medida antes, o Flávio Bolsonaro (PSL) não estaria nesse inferno astral.
      E o absurdo não para por aí. O BC afirma que vai deixar aos cuidados de cada banco avaliar e comunicar as transações que achar suspeitas.

      Qual é o banco que vai querer constranger seus clientes?

      Com informações da Folha de S. Paulo.

      Curtir

  58. Em documentário, Lewandowski se diz “surpreso” com “guinada jurisprudencial” para barrar Lula na eleição
    O Jornal de todos Brasis
    4K
    QUA, 23/01/2019 – 15:23
    ATUALIZADO EM 23/01/2019 – 18:49

    Jornal GGN – O ministro Ricardo Lewandowski disse, em documentário produzido por Kennedy Alencar para a BBC, que o Tribunal Superior Eleitoral deu uma surpreendente “guinada jurisprudencial” para impedir Lula de ser candidato a presidente na eleição de 2018.

    Segundo o magistrado, a Lei de Eleições diz claramente que uma candidatura sub judice pode ser registrada. Lula, por outro lado, foi barrado no TSE, a despeito de mensagem enviada pelo Comitê de Direitos Humanos da ONU ao estado brasileiro, exigindo que o petista tivesse seus direitos políticos assegurados.

    “Eu fiquei surpreso com essa guinada jurisprudencial, porque a Lei de Eleições, em seu artigo 16-A, é absolutamente expressa no sentido de dizer que aqueles candidatos que estão sub judice – ou estão respondendo a processos, em linguagem popular – têm direito de participar de todos os atos eleitorais por sua conta e risco.”

    A declaração do ministro pode ser conferida a partir dos 11 minutos do vídeo abaixo [a parte 3 do documentário] .

    Na mesma produção, Lewandowski evitou chamar o impeachment de Dilma Rousseff de golpe e criticou duramente o vazamento do grampo que a Lava Jato fez na ex-presidente e em Lula. A gravação da coversa foi entregue por Sergio Moro à imprensa poucas horas depois de ter sido feita.

    O ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, também disse que Moro não tinha o direito de vazar o grampo que atingia a presidência da República.

    Janot também foi crítico a Moro em outra passagem, quando diz que nem pensaria duas vezes se fosse convidado para ser ministro do Supremo ou da Justiça. Para Janot, aceitar um convite do gênero comprometeria a imagem da Lava Jato.

    Curtir

  59. A GM acaba de dar um ultimato ao governo brasileiro: ou diminuem logo os direitos dos trabalhadores ou fecharemos as fábricas e iremos embora. Parece que o PT deixou os caras mal acostumados com os incentivos fiscais, mas, de qualquer forma, alguém precisa deixar claro quem é que manda nesta porra. Afinal, nós brasileiros precisamos saber para quem devemos bater continência!

    Curtir

  60. BOMBA—–BOMBA—– EXTRA———-EXTRA………

    puxa vida meu….agora lascou de vez….estamos lascados………….

    aposto que o dóllar passara dos 06 reais na semana que vem… e a bolsa caira drasticamente…..a inflação chegara aos
    02 dígitos mensais a partir de fevereiro de 2019;…………………….vamos falir em 2019…

    MOTIVO— o parlamentar JEAN WILLIANS , DECLAROU HOJE QUE NÃO VAI ASSUMIR O CARGO , E QUE ABANDONARA A POLITICA… e que IRA MUDAR DE PAIS NO PROXIMO MÊS…. …

    e eu que estava com muita esperança na recuperação do brasil …não vou conseguir dormir hoje nem com RIVOTRIL…

    Curtir

  61. EFEITO BOLSONARO (MITO)..

    bolsa hoje, mais um record…. mais de 97.mil pontos…

    Curtir

  62. gostaria de ver a cara dos megapetralhas, quando leem estas noticias acima …kkkkkkkkkkkkkkk

    e da escrrrriludiiiiida tambem kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  63. kkkkkkkkkkkk

    e não é que o EX FUTURO MINISTRO DA EDUCAÇÃO ( JEAN wilian em um suposto governo ANDRADE (PT)
    resolveu desistir da politica….

    ele vai se mudar p cuba??????? sera ????? ou uruguai ??? pode ser venezuela tambem né ???

    Curtir

  64. Que perde irreparável para o Brasil!
    Quer dizer que a lhama cuspideira vai embora! snif, snif, snif……estou muito triste, mentira estou feliz para caramba, um lixo a menos no país!
    Agora só vamos observar que país socialista ele vai escolher para morar!
    Ninguém espere coerência da lhama cuspideira, ele adora se fantasiar de Che Guevara, espero que ele escolha Cuba.
    Bem sei que ele como bom representante da esquerda caviar vai procurar arrego em algum país cujo governo passe bem longe do “socialismo”, que ele e seu grupo, de abestados, querem impor aos outros.

    Curtir

  65. Pra aqueles que comemoram a bolsa em alta, isso não significa nada pra quem é assalariado como por exemplo os policiais. A verdade é que o pobre vai pagar a conta mais uma vez. Aguardem porque a contribuição previdenciária vai subir de 11 para 14 porcento. Além do que teremos que trabalhar mais anos para se aposentar

    Curtir

  66. O problema do setor público é que as maças podres são as mais poderosas e as que menos trabalham, e serão essas que julgarão o desempenho de quem trabalha, portanto a questão é complexa, avaliação de desempenho no setor público pode gerar perseguição por ego ou até mesmo perseguição política por questões óbvias, ainda mais em prefeituras, onde entra e sai prefeito, a questão de vingança e perseguição é uma realidade sei bem a situação, e não é nenhum mar de rosas, no meu ramo a perseguição é quase nula, mas os funcionários de Prefeituras sofrerão perseguição política dependendo da gestão e da preferência, elo ou opção política, e outra, funcionários públicos não produzem, e sim prestam serviços essencial como segurança, educação e saúde. Escolheram o Rabo do Servidor público como culpados pela má gestão e corrupção política, e não é bem assim, os que não trabalham são aqueles servidores apadrinhados, esses não serão avaliados tenha certeza, os que serão avaliados serão os do baixo clero como enfermeiros, secretários, merendeiras, faxineiras e professores, muito cuidado com isso.

    Lembrando que o trabalhador de empresas privadas recebem horas extras, FGTS, possuem 6 meses de seguro desemprego, entre outras vantagens, o FGTS e suguro desemprego é um meio do trabalhador recomeçar a vida após a perda do emprego, e o servidor público como recomeçará a vida sem FGTS ou seguro desemprego em caso de demissão, a única segurança que o servidor público possui é sua estabilidade.

    Curtir

    • Desculpe, mas enfermeiros, secretarios, faxineiras, professores ainda tem chances de conseguirem emprego em empresas ou escolas privadas, agora nós, policiais, estaremos perdidos em caso de demissão.

      Curtir

  67. “Mito Jr.” parte para a intimidação inútil contra MP e imprensa
    POR FERNANDO BRITO · 25/01/2019

    Flávio Bolsonaro assumiu, por desespero, uma estratégia de altíssimo risco diante das suspeitas que pesam sobre os esquemas de dinheiro e de promiscuidade com a milícia que pesam contra ele e seu gabinete de deputado.

    Hoje, no SBT -há um revezamento diário entre esta emissora e a Record em entrevistas dóceis com o clã Bolsonaro, uma espécie de “horário do Mito e do Mito Jr.” – exibiu fotos do Procurador Geral do Ministério Público do Rio de Janeiro, Eduardo Gussen, conversando com o jornalista Otávio Guedes, do grupo Globo, reproduzida acima.

    Segundo ele, uma afronta ao sigilo decretado por Luiz Fux sobre seu caso.

    O sigilo, sabe-se, vai durar mais uma semana, até que reabra o STF e o Ministro Marco Aurelio, como já adiantou, “mande para o lixo” o pedido de suspensão das investigações feito pelo “Filho 01” de Jair Bolsonaro.

    E não impediu que brotassem informações sobre os fatos – fatos, não suspeitas – das ligações entre ele e a milícia: discursos na tribuna, homenagens a PMs acusados e até presos, sinecuras dadas a seus familiares e negócios imobiliários de papel passado em cartórios públicos.

    Na primeira semana de fevereiro é que virão, se existirem, as situações que Flávio Bolsonaro parece temer que sejam expostas.

    Não será mais possível deixar de tomar depoimentos ou impedir que venham à tona o que disser a “arraia miúda” de seu entorno, envolvida no transetê de dinheiro para a conta de Fabrício Queiroz. Inclusive os dele próprio, mulher e filhas.

    Será pior ainda se todos estiverem convencidos, como agora parece, que a milícia bolsominion está seguindo e espionando repórteres e promotores.

    Poderia até funcionar com um, mas não com um grupo, como o que está se dedicando ao caso das movimentações financeiras da Assembléia, e que viu cair-lhe às mãos o bilhete premiado Fabricio Queiroz.

    Processo de intimidação sobre a imprensa e sobra promotores é que nem o velho “dá ou desce”.

    O resultado é quase sempre o “desce”.

    Curtir

  68. Rússia e China mandam Bolsonaro e Trump calarem a boca
    Blog da Cidadania
    Blog da Cidadania
    Inscrever-se249 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    51.708 visualizações
    8.772 236
    Publicado em 24 de jan de 2019
    Foi ridículo Donald Trump e Jair Bolsonaro apoiarem um parlamentar oposicionista da Venezuela que se autoproclamou presidente daquele país sem ter recebido um só voto para ocupar o cargo. Trump e Bolsonaro chegaram a ameaçar o governo venezuelano, se não aceitasse o golpe. Eis que Rússia e China ….

    Curtir

  69. Jair, ajuda a gente a te ajudar.
    Fala, M.R.
    Fala, M.R.
    Inscrever-se24 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    13.375 visualizações
    2.649 71
    Publicado em 24 de jan de 2019
    CURTE MINHAS OPINIÕES? INSCREVA-SE!

    Olá. Eu sou o cartunista Maurício Ricardo. Estou usando esse canal desativado pra postar meus vlogs e desabafos. As animações continuarão no canal oficial do Charges.com.br:

    Curtir

  70. esse blog virou um monólogo da chata da escriludida com ela mesma. Ninguém aguenta essas postagens e essa senhora afirmando q ganha mais q 10 sm!!!! Senhora, vc pode ganhar 10, 20, 30 sm, vc continua sendo pobre no Brasil, só muda a praia, o carro e se vossa senhoria consegue se esforçar para ir um ou duas vezes pro exterior no ano..a senhora eh aposentada, pensionista dependente de aluguel, pobre, em outras palavras. Classe média média, q acha q pode mais q os outros. Lamentável.
    Cade o pessoal com os assuntos relativos ao cotidiano na policia? Esse blog morreu, até o Apollo desistiu de nos alegrar com seus bijus furados!

    Curtir

    • ainda mnesta muito de raciocínio lógicoHá um tempo, nem tão, tão distante o Administrador do Blog criou um espaço exclusivo para assuntos policias.
      Quase ninguém postava lá.

      Seja sincero contigo mesmo, as minhas postagens te incomodam, por eu ser anti-bolsonaro de carteirinha.
      Não sou a dona da verdade. Mas esperar que eu acredite no clã Bolsonaro, é querer demais.

      Pense no lado do positivo, já pensou o quão chato seria este blog, se todos ficassem bando pelo falso mito; e o queé pior pelo mito jr..

      Curtir

    • Nós passamos a atacar ela em vez de alegrar com os bizus furados.
      Ela não consegue entender que não é por causa dos comentários anti bozo, mas por ser um papagaio ou cd arranhado. Sempre fala as mesmas groselhas e as mesmas justificativas. Quanto ao espaço para “assunto policial” na verdade era um espaço para falar de uma eventual reestruturação de carreiras, que o pessoal nem ficou escrevendo pq as opiniões são sempre as mesmas assim como as brigas, mas essa múmia paralítica cega não consegue entender. Ela gosta de ser inconveniente. Literalmente é a frase: falem mal, mas falem de mim. Mudou de nick é pq é covarde. Ganha não sei quantos salários, mas não tinha onde cair morta há um tempo. Acha que é culta por fazer uma viagem ou outra para o exterior depois de velha. Um.verdadeiro deleite. Vive na frente do PC o dia inteiro. Sempre acessa os mesmos sites. Precisa que a funcionária do lar revise as groselhas escritas por ela… Simplesmente ela consegue ser deplorável. Ela não muda o disco… Porém o tópico é sobre isso então não tem o que reclamar. Isso é coisa do administrador que não encontrou assuntos pertinentes a SSP ou não quer postar sobre isso. Importante é que ele ao menos barrou os vídeos dela que eram um saco. Aliás todos esses vídeos postamos por todos eram um saco.

      F o Bozo, Queiroz, Flavio e CIA, mas principalmente F a Escriludida.

      Curtir

  71. Medalha dada por “Filho 01” a PM foi entregue dentro da cadeia
    POR FERNANDO BRITO · 25/01/2019

    Não se tratou apenas de Flávio Bolsonaro aprovar a concessão, em agosto de 2005, da Medalha Tiradentes da Assembléia Legislativa do Rio ao hoje foragido Major PM (na época, tenente) Adriano Magalhães da Nóbrega, quando este estava preso.

    Fernando Molica, na Veja, mostra hoje que a Medalha foi entregue dentro da cadeia ao agora suspeito de comandar a milícia Escritório do Crime, sob a qual pesam indícios de que tenha sido a executora da vereadora Marielle Franco e do seu motorista Anderson Gomes, há quase um ano:

    No dia 9 de setembro de 2005, o então tenente da Polícia Militar Adriano Magalhães da Nóbrega, hoje foragido, foi protagonista de uma cena inédita. Preso, acusado de homicídio, ele recebeu na cadeia a maior condecoração do Poder Legislativo fluminense, a Medalha Tiradentes. A homenagem foi uma iniciativa do deputado estadual Flavio Bolsonaro – procurado, o senador eleito pelo PSL não negou ter feito a entrega da medalha em solenidade realizada no Batalhão Especial Prisional da PM.

    O registro foi obtido por Molica no site da Assembleia e derruba qualquer ” eu não sabia” que o agora senador eleito possa invocar para tentar explicar que desconhecia o lado criminoso do policial.

    Já se ouviu sobre levarem de tudo nos presídios do Rio de Janeiro.

    Medalha, é a primeira vez.

    Curtir

  72. O PROBLEMA É O JAIR
    Filósofo Paulo Ghiraldelli
    Inscrever-se165 mil

    Adicionar a Compartilhar Mais
    26.257 visualizações

    Curtir

  73. FHC alerta Bolsonaro após tragédia em MG: ‘Meio ambiente não é zoeira de esquerda’ © REUTERS / Washington Alves
    BRASIL
    23:37 25.01.2019URL curta
    131
    O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) se pronunciou na noite desta sexta-feira a respeito do desastre da barragem de rejeitos da Vale em Brumadinho, em Minas Gerais.
    O tucano direcionou a sua mensagem ao governo federal do presidente Jair Bolsonaro (PSL), pedindo seriedade no trato com temas ambientais.

    “Que a tragédia de Brumadinho abra os olhos do governo. Meio ambiente não é zoeira de esquerda: é respeito à vida das pessoas e do planeta”, escreveu FHC no Twitter.

    Líder do Brasil entre 1994 e 2002, Cardoso acrescentou que Brasília não deve demonizar a área ambiental – no que pareceu ser um claro recado a Bolsonaro, um crítico ferrenho das políticas ambientais de governos anteriores.

    “O governo deve regular e fiscalizar com mais energia sem demonizar quem disso se ocupa. Solidariedade às vítimas, mais ação para o futuro”, completou o tucano.

    Ao menos sete pessoas morreram e outras 150 estão desaparecidas em Brumadinho, cidade que fica a 50 km de Belo Horizonte. O rompimento de uma das barragens da mineradora Vale na região aconteceu no início da tarde desta sexta-feira.

    A tragédia acontece três anos e dois meses após outro desastre ambiental em Minas Gerais, em Mariana, quando o colapso de uma barragem de rejeitos de minério de ferro varreu parte da cidade do mapa.

    Curtir

  74. Só para esclarecer para quem não enxerga, ou não quer ver, era a presidANTA que ditava regras, melhor falava m…., quando do ropimento da barragem de Mariana, que matou muito mais, e FORDeu geral o meio ambiente.
    Ganha um par de óculos quem adivinhar o partido da ansacadora de vento.
    Sim, a Anta é do mesmo partido do prisonero de Curitiba, ou seja, PTralhas, até hoje o ministro do meio ambiente da época, também PTralha, não explicou porque não fiscalizava barragens.

    Curtir

    • Desastre atinge em cheio política “desambiental” de Bolsonaro
      POR FERNANDO BRITO · 26/01/2019

      Escrevi, antes, sobre a exploração que tenta fazer o General Mourão da “inocência” do Governo Bolsonaro no caso do rompimento da barragem de Brumadinho.

      E é verdade que o novo governo não tem nenhuma responsabilidade sobre a tragédia que se passou com o deslizamento de lama, que ainda não mostrou seus horrendos números definitivamente e talvez não venha a mostrar, até pela dificuldade de resgatar corpos soterrados a muitos metros de profundidade.

      Mas há um ponto em que o deslizamento de milhões de toneladas de rejeitos de mineração atingiram – além da natureza, casas e pessoas – os projetos insanos do governo que se inicia.

      Diante das primeiras evidências que houve – com consequências ainda não esclarecidas – uma aprovação a toque de caixa da ampliação da capacidade de produção da mina – algo tão provável que, antes de todas as informações, já se aventara aqui – a intenção bolsonarista de eliminar ou transformar em mera e rápida formalidade os processos de licenciamento ambiental vai demorar muito tempo até poder colocar suas mãos acima da lama de Brumadinho.

      Nem tanto porque as consciências ambiciosas, públicas ou privadas, tenham se comovido, mas porque se evidenciou, de maneira tragicamente didática, que é preciso cuidar com rigor dos inevitáveis danos e riscos ambientais e humanos de processos industriais de porte significativo.

      Sobrevôos e “grupos de emergência” diante do desastre não são novidade nem representam mais do que a demonstração – tardia ou hipócrita – de minimizar o dano que antes se assumiu causar.

      Na prática, porém, o efeito sobre o governo, por conta do impacto na opinião pública, aqui e lá fora, será o de frear, ao menos temporariamente, o processo de liberação da fome de lucros empresarial, que gasta alguns milhões imprimindo cadernos em papel couchet sobre sua responsabilidade social e ambiental mas não hesita em violá-la por alguns bilhões que lhes virão da exploração predatória.

      Empresas privadas – ao contrário das estatais, onde o corpo técnico tem garantias e identidade – avaliam projetos minimizando riscos. Se o estado não interferir, controlando e fiscalizando (o que é muito mais difícil quando a minimização do risco não vem desde o berço dos projetos) é inevitável que tragédias se sucedam.

      Neste aspecto, a lama de Brumadinho pode ter feito, ainda que frágil temporária, uma barragem contra a exploração voraz e temerária que esta gente, ao colocar o dinheiro acima de todos e o lucro acima de tudo, pratica contra o Brasil.

      Curtir

      • Pèna que o kink mostrando imagem do documento que autorizou o meliante a receber a medalha na prisão da PM.

        E vem esse tosco dizer que na época desconhecia o passado obscuro do “homenageado” do, que homenageou diversos policias. Quem quiser acreditar que a família Bolsonaro não está vinculada às melícias, fiquem a vontade. para continuarem acreditanto que o seu “mito”, veio para salvar a nossa pátria pátria

        Curtir

        • Sua decrépita, você entende tudo errado. Tem pessoas associando essa condecoração de 2005 com os fatos ocorridos atualmente. São 14 anos passados, se é que você fez as contas.

          Curtir

  75. “O dinheiro acima de todos e o lucro acima de tudo, prática contra o Brasil…..” (Fernado Brito)

    Curtir

    • Se me permitir um aparte; você que vive corrigindo os outros, com auxílio de um corretor de texto, segundo você mesma, não seria “Fernando Brito”? (Fernado Brito).
      É só um toque!
      E depois pergunta é quem é Fernando Brito, algum gênio desconhecido?
      Frase por frase prefiro esta de um ex – eleitor daquele partido;
      “Votei no Lulla porque ele dizia que ia ajudar os pobres, passado o seu governo, ele a sua família ficaram ricos e eu continuo pobre!”

      Curtir

      • Caro Tired: Fernando Brito é um jornalista fanático da esquerda, petista de carteirinha, louva o Lula como se fosse um deus, mantém um blog chamado Tijolaço que é muito acessado pelo esquedopatas, posta sem parar que o PT e sua cúpula foram vitimas de um golpe, adora estatais e não duvido que tenha um retrato de Fidel e Guevara pregado em uma parede de sua casa.

        Curtir

        • Muito obrigado Sr. Skriba, já imaginava.

          Se me permitir vou fazer uma comparação.

          Havia um desenho, que eu adorava, quando jovem, os thundercats.
          O chefe dos thundercats era o Lion, quando a situação fica complicada ele empunhando a espada dizia;
          “Espada justiceira me de a visão além do alcance”.
          E assim ele enxergava um perigo que ainda estava longe.
          Por aqui temos quem mesmo se tivessem a espada justiceira não enxergaria nada, literalmente.
          Nem mesmo o umbigo.

          Estamos diante de uma pessoa que sofre da “retórica da narrativa”.
          Tal pessoa tem uma ideia fixa, e só procura argumentos que comprovem as suas ideias, mesmo que todos os fatos demostrem que tal pessoa está errada, ela continua com o seu pensamento.
          Tais pessoas mentem, distorce a realidade, tudo para comprovar o seu ponto de vista.

          Tal comportamento é facilmente encontrado em bandidos, em qualquer plantão de delegacia.
          Quem nunca viu tal situação; O cara/bandido é preso em flagrante, há vítima, tem filmagem, tem testemunha tem tudo, mas ele nega!
          Terce as mais mirabolantes teses e desculpas para afirmar que todos estão errados, só está certo, ele não é o autor daquele fato.
          Nega até não poder mais.

          Lá pelas tantas aparece algum familiar do “cidadão” que só ouve o conversa bandido, e vira-se para os policias e todos ali presente no plantão e afirma, e na maior cara de pau; “aramaram para ele”.
          Qual o policial que nunca presenciou isto?!

          Pois bem, temos a retórica da narrativa, este familiar só quer saber do que melhor cabe para justificar a sua posição, do armaram para ele, e que favoreça o seu parente, simples assim.

          Curtir

      • Senhor Tired

        Alguem chegou a perguntar ao atual presidiàrio, quem seria os pobres a receber ajuda?

        C.A.

        Curtir

        • politica.estadao.com.br/noticias/geral,em-1997–lula-teve-de-explicar-imoveis-ao-partido,10000017452

          Curtir

        • Senhor C.A, ele fez uma divisão como fazia o Didi, nos trapalhões, quem é mais antigos sabe, ou já viu esta divisão!
          A divisão era assim:
          1 para você, 1 para mim
          2 para você, 1, 2 para mim.
          3 para você, 1,2,3 para mim
          4 para você, 1,2,3,4 para mim…..e assim por dinate.

          No final o Didi sempre se dava bem, uma piada, até certo ponto inocente.
          Já no caso o molusco só ele e a sua família/quadrilha se deram bem!
          Foi deste jeito maroto que houve a divisão do nosso dinheiro, nos “otimos” governos petistas,
          E agindo assim que a alma mais honesta deste país, ficou rico, com toda a sua família.
          Poderia ficar aqui horas e horas apontandos todas os atos de corrupção dele, da sua família, e da toda a sua turma – ops falha minha desculpa – petista não comete atos de corrupação, são mal feitos, na gestão dele e da anta, eles não são bandidos são aloprados.
          Mais senhor sabe como é
          “Alguém” que exergada, kkkkkkkkk, muito mais que eu e o senhor vai tascar:
          O bolsa familia foi o maior programa de distribuição de renda,e blá, blá, blá… e depois mais blá, blá, blá, e depois mais um pouco de blá, blá, blá, até que no final, como todo pombo(a) vai cag…..e sair com o peito estifado falando que ganhou a discução.

          Curtir

  76. Por falar e medalhas e homenagens, quem quiser procurem na internet, Los fubangos, vão ver a foto do molusco ao lado da dona do triplex, aquela mesma que sem qualquer renda declarada bancou a reforma do apartamento.
    Nesta foto o casal de ” honestos” estão homenageando o pai da democracia Cuba, Fidel Castro.
    Não é necessário explicar mais nada sobre quem homenageia quem!
    Só não perguntem a algum cubano o que eles acham de viver num país socialista/comunista.

    Curtir

  77. FLÁVIO BOLSONARO TEVE MOVIMENTAÇÃO INCOMPATÍVEL COM A RENDA

    Segundo o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL) teria movimentado mais de R$ 632 mil entre agosto de 2017 e janeiro de 2018; o valor recebido, nos cálculos do órgão, está cerca de R$ 90 mil acima do que o parlamentar teria recebido com seu salário de deputado estadual e sua atividade como empresário

    26 DE JANEIRO DE 2019 ÀS 07:18 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

    247 – O Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) aponta em relatório obtido pela revista Veja que o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), deputado estadual no Rio de Janeiro, fez transações bancárias que estariam acima da sua capacidade financeira. Segundo o documento, o filho do presidente Jair Bolsonaro teria movimentado mais de R$ 632 mil entre agosto de 2017 e janeiro de 2018. O valor recebido, nos cálculos do órgão, está cerca de R$ 90 mil acima do que o parlamentar teria recebido com seu salário de deputado estadual e sua atividade como empresário, em uma franquia da marca de chocolates Kopenhagen.

    De acordo com a reportagem do veículo, o relatório do Coaf não informa foi identificada uma nova fonte de dinheiro, além das duas atividades, foi identificada. O relatório apontou, ainda, que, no período de seis meses analisado, Flavio teria recebido R$ 131 mil com seus salários na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), e R$ 120 mil com a empresa.

    O rendimento com a loja declarado pelo deputado, de R$ 20 mil por mês, está acima da média de outras franquias da mesma marca. “Fontes do mercado” disseram à revista que o lucro das lojas da franquia no Rio variam de R$ 8,4 mil a R$ 10 mil mensais.

    Playvolume00:00/00:40Brasil 24/7Truvid

    Curtir

    • Cara “Escriludida”, com todo respeito, sugiro a senhora montar seu próprio “blog”, para que as pessoas que tenham interesse, leiam suas postagens lá. Boa noite.

      Curtir

      • Oh! Entenda o meu lado, tenho que postar as notícias que os bolsominions não querem ver, justamente onde há o maior número deles. Supondo que minhas postagens fossem oró clã dos Bolsonaro, pró milicias. Você não teria postado o que postou logo acima, né. ” O pior cego, é aquele que não quer ver”.

        Curtir

  78. CCom Bolsonaro, crime organizado chegou ao poder
    Blog da Cidadania
    Blog da Cidadania
    Inscrever-se250 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    3.872 visualizações
    1.201 25
    Publicado em 26 de jan de 2019
    Circula pelo submundo nazifascista pró Bolsonaro versão criminosa do caso envolvendo Jean Wyllys. Segundo os bandidos, Wyllys foi ameaçado por estar envolvido no “atentado” a Bolsonaro. Essa versão tenta justificar um presidente da República ter comemorado a vitória do crime organizado ao conseguir fazer um representante do povo se exilar do Brasil.

    Curtir

  79. Tenho muita inveja desse povo, eu preocupado com bônus, reposição salarial, consignado, escala, condição de trabalho, PC indo para o buraco, e esse povo discutindo Lula x Bolsonaro. Eu queria trabalhar na mesma Polícia Civil que vocês trabalham e ganhar o salário que vocês ganham.

    Curtir

  80. a interpol vai achar o jean willys onde ele se entrincheirar…..

    somente cuba e coreia do norte lhe esconderão……………….

    o mundo vai ficar pequenino pro dondoca…. oooooo se vai…………

    Curtir

  81. em 2019…o dondoca vai ficar de parceiro do lula e dormir de valete com o luladrão…..kkkkkkkkk

    Curtir

    • INVESTIGAÇÃO DE MORO SOBRE AMEAÇAS A JEAN WYLLYS É FAKE, DIZ FERNANDO BRITO
      Michel Jesus/Câmara dos Deputados

      O Ministério de Moro deveria caprichar mais nas respostas, limitando-se a informar a verdade e não pegando um condenado “na prateleira” para tentar apresentar serviço, aponta o editor do Tijolaço

      27 DE JANEIRO DE 2019 ÀS 07:23 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

      Por Fernando Brito, editor do Tijolaço – Em nota oficial emitida neste sábado, o Ministério da Justiça, chefiado por Sérgio Moro lamenta a decisão do deputado Jean Wyllys de renunciar ao mandato e deixar o país, mas diz que “não há omissão das autoridades constituídas” na identificação e punição aos que ameaçam o psolista.

      Dá como exemplo solitário a prisão de Marcelo Valle Siqueira Mello, membro do grupo autointitulado ‘Homens Sanctos’, que foi preso em 2018, segundo a nota, por fazer ameaças contra Wyllys .

      Não é verdade.

      Marcelo foi preso em maio de 2018, em razão de um inquérito policial iniciado em 2012, muito antes de Wyllys denunciar ameaças.

      Inquérito que, aliás, começara um ano antes, como se pode ler no mandado de busca, apreensão e prisão do cidadão, assinado em abril deste ano pelo Juiz Marcos Josegrei, da 14a. Vara Criminal.

      O documento, em PDF, está aqui.

      Aliás, o sujeito já fora condenado na Operação Intolerância (ação penal nº 5021040-33.2012.4.04.7000) pela prática de crimes via internet, através de postagens destinadas a disseminar o ódio, o racismo e a discriminação, “fatos ocorridos no período de outubro a dezembro de 2011”.

      Na peça, em 36 páginas, o nome de Jean Wyllys não é citado uma única vez.

      O Ministério da Justiça “reciclou” um criminoso de ódio para “demonstrar” que está agindo contra os que ameaçam o deputado, usando um caso antigo e, aparentemente, não relacionado com as ameaças que o deputado sofre.

      Aliás, não deve saber que os áudios em que o cidadão recomenda que os homens sejam “canalhas” para serem bem sucedidos com mulheres – que seriam satânicas, aliás – continuam podendo ser acessados na internet e que o canal dos tais “Homens Sanctos” continua ativo no Youtube, veiculando propaganda nazista.

      Até porque Marcelo, preso desde maio, não poderia ser o autor de tentativas de intimidação recente.

      O Ministério de Moro deveria caprichar mais nas respostas, limitando-se a informar a verdade e não pegando um condenado “na prateleira” para tentar apresentar serviço.

      A mistificação só ajuda a dar razão ao que diz Jean Wyllys.

      Curtir

  82. 👍🏻👍🏻👍🏻👍🏻😎👉🏼👉🏼🇧🇷🇧🇷🇧🇷

    Curtir

  83. Notícias falsas sobre Jean Wyllys ligam deputado a enriquecimento ilícito e facada em Bolsonaro

    27/01/2019 00:00 Por Augusto Diniz Edição 2272

    Que muitas pessoas têm usado as redes sociais para reforça aquilo que gostariam que fosse verdade todo mundo já sabe, mas a desumanidade na divulgação de informações falsas não tem limites

    Paginas e redes sociais divulgaram informações falsas contra Jean Wyllys com apelo ao sensacionalismo | Foto: Reprodução/Blog do Cleuber Carlos
    O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) anunciou na quinta-feira, 24, pelas redes sociais e em entrevista à Folha de S.Paulo que não pretende assumir seu terceiro mandato na Câmara e se mudará do Brasil porque recebeu ameaças de morte contra ele e sua família. Em reação, uma rede de sites e redes sociais começou a divulgar informações falsas que dizem ser Jean Wyllys investigado como mandante do atentado a faca sofrido pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha, em 6 de setembro.

    Outra notícia falsa que surgiu logo depois que o parlamentar do PSOL do Rio disse que se sente ameaçado de morte e deixaria o País foi a de que Jean Wyllys seria investigado por desvio de recursos públicos e enriquecimento ilícito. As duas pseudonotícias foram desmentidas pela agência de checagem de informações Aos Fatos.

    Leia o que diz uma das publicações no Facebook: “Existem rumores de que a renúncia ao mandato do deputado federal Jean wyllys nada tem a ver com as falsas ameaças de morte que o deputado anunciou em entrevista. A verdade é que: as ‘investigações da PF’ encontraram provas robustas de desvios que ultrapassam mais de 100 milhões em projetos sociais, entre outras irregularidades onde o deputado está envolvido ativamente, algo que poderá incriminá-lo. São desvios de verbas públicas destinadas à “movimentos sociais e recebimentos irregulares” nos quais envolveu, MST, CUT, UNE, estes movimentos estão no esquema que é um escândalo desde 2006!!!”.

    Como tem gente que acredita em tudo que lê ou se faz de inocente para crer no que lhe convém, é bom explicar, como foi apurado pela Aos Fatos, que as notícias usadas na imagem da publicação são de assuntos que nada dizem sobre a superdenúncia feita sem qualquer embasamento, a não ser a vontade de prejudicar alguém com base em um crime, o de calúnia, previsto no artigo 138 do Código Penal. Isso se não for enquadrado como difamação, artigo 139 da mesma Lei.

    “Os posts são embasados por notícias antigas que não guardam qualquer vínculo entre si nem provam a acusação contra o parlamentar: uma é sobre uma representação feita contra Wyllys ao Conselho de Ética da Câmara por suposta apologia às drogas, já arquivada; e outra é referente aos R$ 60 milhões que teriam sido repassados pelo governo Lula a movimentos sociais, como a CUT e a UNE, em 2006, quando o psolista ainda nem era deputado”, explica a Aos Fatos. Clique aqui e leia a notícia do G1 usada contra o parlamentar na publicação.

    O mesmo caso citado pela imagem postada com o título da matéria do G1, é um caso que foi arquivado pelo Conselho de Ética da Câmara – clique aqui. Ainda há a acusação de enriquecimento ilícito que estaria em investigação pela Polícia Federal, com citação a MST, CUT e UNE. A notícia é de 2006, quando Jean Wyllys nem candidato a cargo eletivo era e não tem envolvimento com o deputado federal. Clique aqui para ver o conteúdo original da publicação. Jean Wyllys só foi eleito deputado federal em 2010, com duas reeleições em 2014 e 2018.

    Só a publicação da página “Sou Patriota Acima de Tudo” recebeu mais de 2 mil compartilhamentos até a tarde de sexta-feira, 25, mesmo quando a informação já havia sido desmentida. A agência Aos Fatos verificou na Polícia Federal e Supremo Tribunal Federal se há ações ou investigações por enriquecimento ilícito ou desvio de verba pública abertas contra Jean Wyllys.

    A única ação movida contra o deputado, mas que nada tem a ver com as falsas denúncias, tem como autor o presidente Jair Bolsonaro, por calúnia e difamação. Depois de o caso ser arquivado, a defesa de Bolsonaro recorreu da decisão (clique aqui).

    Envolvimento no atentato a Jair Bolsonaro
    Viralizaram nas redes socias e no WhatsApp mensagens com links de notícias falsas (clique aqui) e vídeos (clique aqui) que atribuem a Jean Wyllys a autoria do atentado a faca contra Jair Bolsonaro durante a campanha. O deputado do PSOL é tratado como investigado na condição de mandante do crime. O conteúdo é chamativo e tenta convencer o leitor ou a pessoa que vê as imagens de existem ligações que seriam óbvias entre um parlamentar que cuspiu no presidente da República e a tentativa de assassinato do mesmo político.

    As três frases a seguir, usadas na internet para atribuir o crime a Jean Wyllys são falsas: 1) “Parece que os novos deputados que assumem no dia 1º de fevereiro perdem a imunidade parlamentar”; 2) “Esse cara [Adélio Bispo] frequentava o gabinete do deputado federal Jean Wyllys lá em Brasília”; e 3) “O Rodrigo Maia escondeu a informação de quem fez a inscrição, quem fez a entrada”.

    A pessoa que aparece no vídeo e é identificada em alguns links de notícias falsas como jornalista é na verdade Regina Villela, candidata não eleita em 2018 pelo PSL ao cargo de deputada federal no Ceará e é dona da empresa RvNews Comunicação Ltda. Regina diz no vídeo que o político do PSOL renunciou ao mandato porque a partir de 1º de fevereiro, na nova legislatura, não contaria com imunidade parlamentar. Temos aí Flávio Bolsonaro reivindicando foro privilegiado no STF para provar que isso não é verdade.

    Os membros do Congresso continuam a contar com garantias constitucionais para exercer o mandato. O que mudou foi o fato de o direito se restringir aos crimes cometidos durante o tempo que estiverem no cargo e forem relacionados à atuação como parlamentar. Outra ligação tratada como óbvia parte do fato de o autor da tentativa de homicídio, Adélio Bispo, ter sido filiado ao PSOL até 2014. Não há evidência de que o preso tenha visitado Jean Wyllys. O autor do crime foi à Câmara apenas uma vez, no ano de 2013.

    Outra informação falsa é a de que tentaram forjar um álibi para Adélio com registro de entrada do autor do crime no dia do atentado contra Jair Bolsonaro. O diretor da Polícia Legislativa da Câmara, Paul Pierre Deeter, informou que uma recepcionista cometeu um erro ao consultar o histórico de visitação de Adélio no sistema quatro horas depois do caso ter ocorrido.

    O primeiro inquérito da Polícia Federal chegou à conclusão de que Adélio bispo agiu sozinho por discordâncias políticas com o então candidato a presidente. Está em andamento outro inquérito para saber a origem dos recursos que pagam a defesa do autor do crime. O vídeo da ex-candidata a deputada pelo PSL no Ceará foi postado no YouTube e depois republicado em páginas no Facebook.

    Blog do Cleuber Carlos, 1News, República de Curitiba e outras páginas compartilharam o conteúdo com informações falsas contra Jean Wyllys. O vídeo continua a ser compartilhado, mesmo depois de ser verificado que as informações contidas em sua narrativa são falsas. Regina Villela diz no vídeo, que foi publicado no YouTube na quinta-feira, sugere que o responsável pela facada por trás de Aélio Bispo seria o deputado do PSOL. Mas as informações são falsas.

    Até o presidente Jair Bolsonaro disse em entrevistas a informação falsa de que Adélio teria tido sua entrada registrada no Congresso no dia do atentado que sofreu, que foram esclarecidos, como citado no texto. Quando Villela diz em seu vídeo que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), escondeu a “informação de quem fez a inscrição, quem fez a entrada”, não há qualquer dado ou informação apresentado no vídeo que comprove o que a ex-candidata alega.

    Testemunha de defesa
    Jean Wyllys não foi convidado ou intimado pela Polícia Federal a depor sobre o caso e não foi tratado como suspeito no inquérito já concluído sobre a autoria da tentativa de homicídio. O advogado de Adélio, Zanone Manuel, indicou o deputado do PSOL como testemunha de defesa para falar sobre “o discurso de ódio de Bolsonaro, que, segundo o próprio Adélio, foi o que motivou seu ato”.

    Outros indicados pela defesa como testemunhas foram o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a deputada Maria do Rosário (PT-RS) e a cantora Preta Gil, que seriam alvos corriqueiros dos apoiadores de Bolsonaro. A decisão do advogado do autor do crime segue o que diz o Código Penal: “Toda pessoa poderá ser testemunha”. Em entrevista na sexta-feira, o vice-presidente, general Henrique Mourão (PRTB), descartou qualquer envolvimento de Jean Wyllys no caso.

    A lista publicada pelo Blog do Cleuber Carlos é a mesma que o presidente Jair Bolsonaro postou em seu Twitter na manhã de sexta. Mas, no caso do presidente, não houve citação ao nome de Jean Wyllys no tweet.

    À Aos Fatos, a assessoria de Jean Wyllys disse que não falará mais sobre o fato de ter desistido de ser deputado federal e resolver mudar do Brasil e citou a entrevista concedida à Folha de S. Paulo como suficiente para explicar os motivos que levaram o deputado a tomar a decisão. “Todo o resto é boato”, afirmou.

    Curtir

  84. A internet aceita tudo; seja verdade ou mentira, tudo se espalha com grande velocidade. Enquanto os mal intencionados ganham seus cinco minutos de fama, outros sofrem consequências reais pelo que foi dito sobre eles. E nem todo mundo pesquisa a veracidade antes de compartilhar!
    Afinal, o que é verdade e o que é mentira sobre o deputado Jean Wyllys?
    E, NO CASO DAS MENTIRAS: por quê?
    A gente reuniu aqui um pouco do que dizem por aí para colocar em panos limpos:

    O link da matéria está na moderação

    Curtir

  85. Se você fosse Jean Wyllys, você confiaria em Moro?
    Filósofo Paulo Ghiraldelli
    Filósofo Paulo Ghiraldelli
    Inscrever-se166 mil
    Adicionar a Compartilhar Mais
    24.683 visualizaçõe

    Curtir

    • Só os burrinhos mesmos acreditam que não há nenhum vínculo. Quem lucrou com a morte de Marielle Franco, que se não fosse eliminada e se candidatasse, seria eleita Senadira.

      Curtir

      • Um mapeamento de O Antagonista sobre os votos que Marielle Franco obteve em 2016 revela que a vereadora do PSOL, executada há dois dias, não foi eleita pelas favelas.

        Cerca de 20 mil votos, quase metade dos 46 mil votos que elegeram a socióloga, saíram dos bairros nobres da Zona Sul carioca e da Barra da Tijuca, Zona Oeste.

        Enquanto na Rocinha ela teve apenas 22 votos, no Leblon foram 1.027. Marielle colheu mais 1.900 votos em Laranjeiras e outros 2.742 votos em Copacabana.

        Na também famosa Cidade de Deus, foram apenas 89 votos. Já na Freguesia, área de classe média alta de Jacarepaguá, a política do PSOL foi a escolha de 707 eleitores.

        Na Grande Tijuca, Marielle teve um ótimo desempenho: 6.500 votos.

        Na zona eleitoral nomeada Maré, suposta base da vereadora, foram apenas 50 votos.

        Se incluirmos Ramos e Bonsucesso, esse número sobe para 2.196 votos – resultado distante do obtido entre o eleitorado de melhor poder aquisitivo.

        oantagonista.com/brasil/marielle-nao-foi-eleita-pelas-favelas/

        C.A.

        Curtir

        • Em 2002 separou-se de seu marido, e ingressou na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, graduando-se em Ciências Sociais com uma bolsa de estudos integral obtida pelo Programa Universidade para Todos (Prouni).[8] Após se graduar em Ciências Sociais, concluiu um mestrado em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF), onde defendeu a dissertação intitulada “UPP – A redução da favela a três letras: uma análise da política de segurança pública do Estado do Rio de Janeiro”.[

          Curtir

          • Elegeu-se vereadora do Rio de Janeiro para a Legislatura 2017-2020, durante a eleição municipal de 2016, com a quinta maior votação.

            Curtir

      • Candidato do PSOL, Jean Wyllys obteve 24.295 votos totalizados (0,31% dos votos válidos) e foi eleito Deputado Federal no Rio de Janeiro no 1º turno das Eleições 2018.

        (CHEGOU A REELEIÇÃO, GRAÇAS AO COEFICIENTE ELEITORAL).

        especiais.gazetadopovo.com.br/eleicoes/2018/candidatos/rj/deputado-federal/jean-wyllys-5005/

        Curtir

          • noticias.uol.com.br/politica/eleicoes/2016/noticias/2016/10/02/carlos-bolsonaro-e-o-candidato-a-vereador-mais-votado-no-rio-de-janeiro.htm

            Curtir

        • Escriludida disse:
          26/01/2019 ÀS 18:31
          CCom Bolsonaro, crime organizado chegou ao poder;

          Para ampliar seus horizontes, procure o link do vídeo na internete pesquisando no google.

          Curtir

      • Candidato ao cargo de Senador no Rio de Janeiro pelo PSOL, Chico Alencar obteve 1.281.373 votos totalizados (9,17% dos votos válidos) mas não foi eleito nas Eleições 2018

        Candidato do PSL, Flávio Bolsonaro obteve 4.380.418 votos totalizados (31,36% dos votos válidos) e foi eleito Senador no Rio de Janeiro no 1º turno das Eleições 2018.

        Candidato do PSD, Arolde de Oliveira obteve 2.382.265 votos totalizados (17,06% dos votos válidos) e foi eleito Senador no Rio de Janeiro no 1º turno das Eleições 2018

        especiais.gazetadopovo.com.br/eleicoes/2018/candidatos/rj

        Curtir

        • Janaina Paschoal pede que Flávio Bolsonaro seja tratado igual a Lula
          27 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

          A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP), ao Estadão, defendeu que o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) receba o mesmo tratamento dispensado pela Justiça ao ex-presidente Lula.

          ” Ele [Flávio] tem todo o direito à defesa, a entrar com todas as medidas, mas me parece complicado ver uma reação parecida com a que a foi a do Aécio (Neves), com a que é a do Lula até hoje”, criticou.

          Para a parlamentar, o filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) errou ao concordar

          com o pedido ao Supremo Tribunal Federal para que suspendesse a investigação, pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, concedido em liminar do ministro Luiz Fux.

          Janaina disse que não deve haver sigilo em investigações e afirmou que, se tivesse vindo a público as denúncias durante a eleição, provavelmente Flávio Bolsonaro não teria sido eleito.

          A deputado afirmou que “rachid” é crime e garantiu que não vai deixar de fazer críticas ‘por uma fidelidade pessoal’ a Jair Bolsonaro.

          Curtir

          • E o mais podre de tudo isso é que até agora o senador Olímpio ainda não gritou V E R G O N H A para o senador Flávio o desmascarado!

            Curtir

            • Queiroz pode assumir “as broncas” para salvar sua família e livrar os Bolsonaro
              28 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

              O ex-assessor de Flávio Bolsonaro (PSL), Fabrício Queiroz, pode assumir a “culpa” pelas maracutaias envolvendo sua família e os parentes do presidente Bolsonaro. A condição seria que sua mulher e filhas não sejam acusadas de nenhum crime.

              A informação é do jornalista Lauro Jardim, colunista do Globo.

              Flávio já estaria empurrando as culpas para o ex-assessor.

              LEIA TAMBÉM: Azedou o arroz doce de Flávio Bolsonaro, diz revista Veja

              Em nota, o senador eleito afirmou que “A funcionária que aparece no relatório do Coaf foi contratada por indicação do ex-assessor Fabrício Queiroz”.

              Queiros ainda não responde por nenhum crime, mas o escândalo abala seriamento a família do presidente Bolsonaro.

              E a situação continua se agravando após a prisão de milicianos que estariam envolvidos no assassinato de Marielle Franco.

              Curtir

  86. de esquerda, muito bem, como o blog mais importantes como santificar os bandidos da esquerda…..

    Curtir

  87. É de causar espanto ver tanta gente acreditando em esquerda e direita no Brasil. Aqui, a coisa está dividida entre quem está mamando e quem quer mamar!

    Curtir

  88. Velha mídia fecha o cerco ao clã Bolsonaro
    27 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    Primeiro foi a Folha. Depois Globo e Veja. Agora é a vez do Estadão declarar guerra ao clã Bolsonaro em pesadíssimo editorial deste domingo (27).

    O jornalão paulistano cobra explicações do senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) sobre o “rachid” — ou rachadinha — com os salários de funcionários na Assembleia Legislativa do Rio e do suposto envolvimento do filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) com as milícias que teriam assassinado a vereadora Marielle Franco (PSOL).

    LEIA TAMBÉM
    Janaina Paschoal pede que Flávio Bolsonaro seja tratado igual a Lula

    “O escândalo do clã Bolsonaro envolve agora as terríveis milícias do Rio, grupos de extermínio formados por ex-policiais travestidos de justiceiros – que foram seguidamente homenageados por Flávio e Jair Bolsonaro”, diz um trecho do editorial do Estadão.

    A velha mídia rompeu com Bolsonaro após ajudá-lo a chegar à Presidência da República, criminalizando e desconstruindo o candidato do PT Fernando Haddad na campanha passada.

    No início deste mês, Jair Bolsonaro disse que iria acabar com a “mamata” dos veículos de comunicação que não se alinhassem com os ideais de extrema-direita do governo. Ou seja, só receberão verbas publicitárias aqueles que falarem bem de suas ações.

    A princípio, toparam o jogo de Bolsonaro as emissoras SBT, Bandeirantes e Record que passaram a ter acesso a fontes antes exclusivas à Globo, Veja, Estadão e Folha.

    Se esses veículos preteridos dos caraminguás oficiais discordam da pauta moral do governo de Bolsonaro, eles têm avença com a política de massacre aos direitos dos trabalhadores e dos mais pobres, fim das aposentadorias, dilapidação do patrimônio público e violência contra países vizinhos como a Venezuela.

    Portanto, a velha mídia continua golpista e mantém uma espécie de unidade e luta, amor e ódio com o fascismo do clã Bolsonaro.

    Curtir

  89. Esse blog não fala mais das mazelas da polícia civil de São Paulo. Só fala da política de Brasília. De Bolsonaro e bolsominions.
    Tá inútil esse blog.
    Tem meia dúzia de leitores assíduos.
    Não sou Bolsonaro, mas deixa o cara governar e vamos falar de São Paulo que é o que nos interessa

    Curtir

    • Polícia cansado,

      Tenho meia dúzia de leitores assíduos, verdade!
      Os setores de inteligência de diversas instituições, especialmente!
      Falar o quê da Polícia Civil…
      Morreu faz tempo!

      Curtir

  90. Até agora ninguém do partido dos petralhas e afins, em especial de Minas Gerais, explicou os motivos do ex-governador petralha, Fernando Pimentel que também é, várias e várias vezes citado e investigado, por corrupção ter afrouxado a fiscalização das barragens de Minas Gerais.
    O petralha mineiro, que diz ser do partido dos “trabalhadores”, não pagou o 13 dos trabalhadores daquele Estado, isso ele e nenhum(a) esquerdopata e ninguém do partidão explica.
    Por que será?

    Curtir

  91. Tenho muita inveja desse povo, eu preocupado com bônus, reposição salarial, consignado, aluguel, escala, condição de trabalho, PC indo para o buraco, e esse povo discutindo Lula x Bolsonaro. Eu queria trabalhar na mesma Polícia Civil que vocês trabalham e ganhar o salário que vocês ganham.

    Curtir

  92. Celso Barros: sem escândalos, milicianos fariam festa no Planalto?
    POR FERNANDO BRITO · 28/01/2019

    Demolidor, por absolutamente lógico e factual, o resumo da situação feito hoje por Celso Rocha de Barros na Folha de S. Paulo.

    Nem o mais pessimista entre os opositores de Bolsonaro seria capaz de imaginar que o mais alto mandatário da República, com tão poucos dias no cargo, se veria eclipsado pela sombra cinzenta de uma área onde política, polícia e crime se mesclam.

    Vale muito a leitura para ver não só em que estamos metidos como em que se meteram os que se tinham o dever de defender o país e o entregaram, em nome de uma suposta moralidade, a um caldo asqueroso de promiscuidade entre política e gangsterismo.

    Bolsonaro e a as milícias
    Celso Rocha de Barros, na Folha

    A esta altura, é difícil não concluir que Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro, é enrolado com milícias. O jornal O Globo descobriu que, quando o escândalo dos depósitos suspeitos veio à luz, Queiroz se escondeu na comunidade do Rio das Pedras, berço das milícias cariocas, onde sua família operaria um negócio de transporte alternativo (atividade tipicamente controlada por milicianos).

    A jornalista Malu Gaspar, da revista piauí, apurou que Queiroz foi colega de batalhão de Adriano da Nóbrega, foragido da polícia e acusado de liderar a milícia Escritório do Crime, sob o comando de um coronel envolvido com a máfia dos caça-níqueis (outra atividade típica de milícia).

    A polícia e o Ministério Público cariocas suspeitam que o Escritório do Crime matou Marielle Franco, a da placa que os bolsonaristas volta e meia rasgam às gargalhadas. Adriano da Nóbrega é foragido da polícia.
    E, antes que os bolsonaristas digam que não acreditam em polícia, Ministério Público ou imprensa que não entreviste Bolsonaro de joelhos, lembrem-se do que disse Flávio Bolsonaro, o zero-um: Fabrício Queiroz, segundo o filho do presidente da República, lhe indicou a mãe e a mulher de Adriano da Nóbrega para cargos de assessoria em seu gabinete.

    Repetindo: essa é a versão oficial, em que o único pecado da família presidencial foi amar demais o Queiroz.

    A versão oficial confessa, portanto, o seguinte: o presidente da República emprestou R$ 40 mil para um enrolado com milícias cuja filha, Nathalia Queiroz, era funcionária fantasma de seu gabinete. Sim, fantasma: Nathalia trabalhava como personal trainer no Rio de Janeiro enquanto seu ponto era assinado no gabinete do então deputado federal Jair Bolsonaro.

    O empréstimo foi pago pelo enrolado com milícias por meio de um depósito na conta da primeira-dama.
    Mesmo na versão oficial, é um PowerPoint do Dallagnol bem curto: três círculos, duas linhas, milícia-Queiroz-Bolsonaro.

    Com base só na versão oficial, portanto, pode-se dizer, sem medo de errar: se o Coaf não tivesse feito seu trabalho, já teríamos milicianos fazendo churrasco no Palácio da Alvorada, brindando com os generais, escolhendo Moro para zagueiro do time na pelada.

    Se essa é a versão oficial, imagine o que deve ser a versão verdadeira.

    Temos algumas pistas.

    A família Bolsonaro já defendeu as milícias publicamente repetidas vezes. E conhecia muito bem Adriano da Nóbrega muito antes da suposta indicação de Queiroz. Jair Bolsonaro defendeu o sujeito no plenário da Câmara já em 2005.

    Flávio Bolsonaro foi mais longe: já homenageou o suposto líder do Escritório do Crime na Assembleia Legislativa duas vezes, nas duas ocasiões elogiando-o com entusiasmo. Concedeu-lhe a Medalha Tiradentes, maior honraria oferecida pelo legislativo estadual fluminense. Na ocasião, Nóbrega estava preso por assassinato. Recebeu a medalha na cadeia.

    Vamos ver se novas pistas aparecem. Mas o quadro já é bem feio.

    É como disse na última coluna antes das eleições: Bolsonaro é o herdeiro ideológico da facção das Forças Armadas ligada aos torturadores, que não aceitou a abertura democrática e partiu para o crime: esquadrão da morte, garimpo, jogo do bicho. É a mesma linhagem que nos deu as milícias.
    Essa herança agora ronda o Planalto.

    Curtir

  93. .folha.uol.com.br/mercado/2019/01/nove-estados-apoiam-reformar-previdencia-sem-fazer-transicao.shtml

    Matéria bem interessante.

    C.A.

    Curtir

    • FAZ TEMPO QUE NAO APAREÇO POR AQUI. VEJAMOS, A MAIORIA (INCLUSIVE O “DONO” DO SITE ESTA DE ARRANCANDO O CABELO DE ODIO POR BOLSONARO TER SIDO ELEITO. PERGUNTO? VOCES QUERIAM VIVER EM UM PAIS DE MENTIRINHA EM QUE TUDO ESTAVA CERTO??? E A QUADRILHA DO PT ACABOU COM O BRASIL??? (O ROMBIMENTO DA BARRAGEM LA DE MINAS E FRUTO DAS PROPINAS DASDAS PELA EMPRESA À QUADRILHA),. ESSE ORGAO FISCALIZADOR, EXISTENTE HA CERCA DE 10 ANOS SO APARECE AGORA??? E DEIXOU LULA, SEUS FILHOS E DEMAIS INTEGRANTES DA QUADRILHA AGIREM MOVIMENTANDO MILHOES SEM VEREM NADA DE ERRADO??? O SERGIO MORO ESTA ERRADO??? O LULA E INOCENTE??? PAREM DE SER IDIOTAS, SE O FILHO DO PRESIDENTE FEZ ALGO DE ERRADO, MESMO QUE POR UM VALOR INFIMO, DEVE SER PUNIDO; POREM COMO NAO CONSEGUEM ACHAR NADA QUE DESABONE BOLSONARO EM HONESTIDADE PROCURAM ALGUEM PROXIMO. LAMENTAVEL, DEVERIAMOS ESTAR AQUI LUTANDO PELOS NOSSOS DIREITO E NAO FAZENDO POLITICA…AOS LULISTAS: “LULA LIVREEEEEE”, EM 2090.

      Curtir

      • Júlio Cesar,

        Inicialmente, eu não tenho nenhum cabelo para arrancar…Sou careca à gillette fusion!
        E não tenho nenhum ódio por conta da eleição do seu presidente…Pra mim não fede e nem cheira, pois há muito tempo não dependo de governantes para ser feliz. Mas tenho muita pena daqueles que dependem de políticos e escolhem um incapaz como esse fanfarrão.
        Meu caro, o filho fez aquilo que o pai autorizou…Não seja otário! Ou melhor: não seja corno manso!

        Curtir

        • CARO “DONO” DO FLIT, TAMBEM NAO TENHO POLITICO DE ESTIMAÇAO…O SENHOR SE ESQUECE QUE DISSE QUE SE O FILHO DO PRESIDENTE VIOLOU AS LEIS, QUE PAGUE; APENAS ACHEI ESTRANHO ESSA “COAF” APARECER JUSTO AGORA EM QUE O PAÍS ELEGEU (SE NAO HOUVESSE URNAS ELETRONICAS A VITORIA SERIA AVASSALADORA) E NAO SE IMPORTAR COM O QUE A QUADRILHA FEZ POR 14 ANOS…NAO SOU EU QUEM DIZ, SAO OS FATOS; DESTARTE, ESTAO PROCURANDO PÊLO EM OVO, HAJA VISTA O PRESIDENTE NAo DEVER NADA A JUSTIÇA…MAS A QUADRILHA.. SIMPLESMENTE ACABOU COM O BRASIL..POR FIM , TENHO TRES FACULDADES, SOU POLICIAL POR VOCAÇAO, NUNCA PEDI AJUDA DE POLITICO, VOTEI APENAS NO BOLSONARO E, GRAÇAS A DEUS, JA ESTOU DEIXANDO A CORPORAÇAO, TALVEZ PQ PESSOAS COMO O SENHOR, AO INVES DE LUTAR PELOS DIREITOS DOS POLICIAIS CIVIS FICASSE ISENTO QUANTO A POLITICA…MAS NAO,, SO FALA EM POLITICA SUJA. DEUS O ABENÇOE.

          Curtir

          • Julio Cesar Fernandes Morales,

            Você parece que está ( deliberadamente ) esquecendo que o relatório do COAF foi requisitado pelo MP do Rio do curso de investigação contra vários deputados estaduais; muito antes das eleições.

            Certamente o COAF foi acionado em outros casos envolvendo a quadrilha petista…Nada encontraram!
            Não encontraram pois os “petralhas” provavelmente depositavam no exterior, né?
            Como o Lula foi “burro” ao aceitar bagulho ( cobertura, sítio e outros presentes ), os bolsonaros foram idiotas em depositar dinheiros fracionadamente.
            AS DUAS BANDAS SÃO PODRES…
            Eu quero ver todos na cadeia ou mortos!
            Infelizmente, só gente boa sofre e morre desgraçadamente como os nossos irmãos de Minas.
            Deus o CARALHO!
            Pátria o CARALHO!

            Curtir

            • KKKK, ACIONARAM A COAF DURANTE O SAQUE INESCRUPULOSO FEITO PELA QUADRILHA, COMANDADA PELO MAIOR CRIMINOSO JA EXISTENTE NESSE PAÍS???…NAO DA PRA DISCUTIR…

              Curtir

        • O PROPRIO LINGUAJAR DO SENHOR JA AFIRMA O QUE DEFENDE. INSULTAR (OTARIO/CORNO MANSO). PRA JOGAR PEDRAS NO TELHADO DO VIZINHO, OLHE ANTES O QUE ACONTECE NO SEU; TALVEZ HAJA ALGUM BURACO…TRINCO…

          Curtir

          • Deixe de ser mimizento, não fica bem para quem votou em defensores do fim do politicamente correto, viu?
            Aliás, Vossa Senhoria nos insultou – ainda que indireta e polidamente – primeiro!
            Ademais, não estamos falando de nossas esposas ou maridos…Estamos falando de escolhas políticas!
            De qualquer forma, do meu telhado eu cuido…Mas não há garantias contra goteiras!
            Nem no meu; nem no seu!

            Curtir

            • ENTAO EU QUEM INSULTOU VOSSA SENHORIA??? COM ESSE LINGUAJAR O SENHO NAO TEM VERGONHA NA CARA NAO???…MEU DEUS…TENHA PENA DESSE SENHOR, POIS GUARDA UMA MAGUA TREMENDA NO CORAÇAO..

              Curtir

  94. Servidores articulam no Congresso lobby contra reforma da Previdência
    Associações e sindicatos traçam estratégia para pleitear mudanças mais brandas na aposentadoria

    Obs.: Reportagem da Folha de São Paulo.

    Não postarei o link, pois vai ficar preso na moderação.

    A quem interessar possa, que pesquise.

    Curtir

    • O QUE SERIA DO FLIT SEM A ESCRILUDILMA????. NAO ESTA INDO NA SEDE DA PF EM CURITIBA FALAR:” BOM DIA PRESIDENTE LULA”??

      Curtir

  95. VÍDEO: Globo volta a debochar de si mesma e aproveita para alfinetar Bolsonaro, Moro e Guedes
    Publicado por Joaquim de Carvalho – 28 de janeiro de 2019

    DCM (por motivos óbvios, sem o link; pesquisem)

    Curtir

  96. Bolsominion tem medo de criticar o mito por que teme ser confundido com petista. Não precisa mais ter medo, galerinha. Mourão vem aí…. Fora mito, chega aí Mourão!

    Curtir

  97. Ninguém postou aqui, sobre o Bônus que estava na folha de pagamento complementar na fazenda para pagamento no dia 28.01, simplesmente, lançaram dia 24/01 e excluíram dia 25.01, ninguém falou nada!

    Curtir

  98. O mastim dos “garotos” mostra os dentes aos militares. Assista
    POR FERNANDO BRITO · 28/01/2019

    Olavo de Carvalho, o guru dos filhos de Bolsonaro e, depois dos militares, o maior “emplacador” de ministros deste Governo, atacou violentamente , em video postado ontem, os dois mais importantes generais ao lado de Jair Bolsonaro: Augusto Heleno e Hamílton Morourão.

    Dizendo-se o cidadão “mais perseguido da história da Humanidade” – a modéstia impressiona… – Carvalho chama os dois de “covardes”, o primeiro por ter dito que “estava honrado” pela presença de jornalistas que foram ouvi-lo e o segundo por ter dito, sobre o caso Jean Wyllys, que ameaçar um deputado era ameaçar a democracia.

    Disse mais: que os militares se acovardaram antes os comunistas até durante a ditadura – onde, segundo ele, “o Partido Comunista controlava a imprensa” – e que quando estão “diante de repórteres ou de figuras do show business, se mija nas calças, de temor reverencial e de prazer”.

    Frases tiradas do vídeo, se você não tiver estômago para conferir, ouvindo:

    “Você não tem vergonha, Heleno? Mourão, você não tem vergonha de ir puxar o saco desse Jean Wyllys?

    “Eu acuso as Forças Armadas de, por omissão, ter aberto o caminho para a conquista do poder pelos comunistas”

    Os militares são muito metidos, mas não são valentes. Um homem honrado jamais diria, estando no meio dos inimigos, no meio dos difamadores do Presidente jamais diria “estou muito honrado”.

    O guru dos “garotos” não fez isso à toa. As brigas intestinas do governo Bolsonaro, mal começado, são cada vez mais evidentes.

    E ninguém sabe onde vão dar, exceto que não em boa coisa.

    Curtir

    • Olavo de Carvalho – Injustiça Monstruosa
      Olavo de Carvalho
      Olavo de Carvalho
      Inscrever-se622 mil
      Adicionar a Compartilhar Mais
      317.794 visualizações

      Curtir

  99. HOME POLÍTICA

    29 DE JANEIRO DE 2019, 06H25
    Padilha chama Moro de “Sérgio Bolsonaro” e indaga: “vai flexibilizar posições éticas em governo que já nasce maculado?”
    Em seu texto, Padilha que não é preciso “de Sherlock Holmes, ou de Capitão Nascimento, ou mesmo do deputado Fraga para concluir o óbvio: ninguém movimenta recursos de maneira tão anormal quanto Flávio Bolsonaro e seu ex-assessor”

    O cineasta José Padilha, que dirigiu os filmes Tropa de Elite, declarou em artigo na Folha de S.Paulo desta terça-feira (29) que o ministro da Justiça Sérgio Moro corre o risco de ficar conhecido como “Sérgio Bolsonaro” caso não tome nenhuma atitude em relação ao caso envolvendo movimentações suspeitas de Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), filho de Jair Bolsonaro (PSL).

    Em seu texto, Padilha que não é preciso “de Sherlock Holmes, ou de Capitão Nascimento, ou mesmo do deputado Fraga para concluir o óbvio: ninguém movimenta recursos de maneira tão anormal quanto Flávio Bolsonaro e seu ex-assessor”, referindo-se ao ex-PM, Fabrício Queiroz. E diz que, ao aceitar o cargo no governo, Moro “avalizou implicitamente o governo Bolsonaro”.

    “Deu a este governo um carimbo de ética e de luta contra a corrupção. E, ao fazê-lo, colocou a sua biografia em jogo”, declarou o cineasta.

    Ao lembrar a história do economista Eugênio Gudin (1886-1986) – que durante a transição do governo Vargas para o de Juscelino Kubitschek, “pediu o boné” assim que percebeu que o governo de Juscelino não seria orientado por visão liberal do controle dos gastos públicos -, Padilha indaga: “Pois bem: Sergio Moro vai flexibilizar as suas posições éticas para ficar em um governo que já nasce maculado?”, e dá três opções para Moro lidar com a situação.

    “Primeiro, pode calar e consentir. Segundo, pode pedir o boné. E, por fim, pode atuar decisivamente em favor de suas convicções éticas, colocando todo o aparato policial e jurídico que tem a sua disposição para investigar o senador Flávio Bolsonaro”.

    Leia o artigo completo na Folha de S.Paulo.

    Curtir

  100. Sem salário, sem carreira, sem condições humanas e materiais, mas nota 10????????

    “””GABINETE DO SECRETÁRIO
    Resolução Ssp 008, de 28-1-2019
    Institui o Programa de Valorização Profissional Policial Nota 10.
    O Secretário da Segurança Pública,
    Considerando que a valorização profissional é um tema de grande relevância na moderna administração, não restando dúvidas de que a outorga de prêmios ou de recompensas formais são capazes de estimular o servidor a repetir o ato meritório, além de reforçar coletivamente os comportamentos desejados;
    Considerando que os gestores de segurança pública têm igualmente o dever de promover ações que busquem o reconhecimento dos bons policiais, enaltecendo-os, tanto quanto possível, na presença de seus comandantes/chefes, pares, subordinados, familiares e toda a sociedade;
    Considerando que o policial motivado se torna mais produtivo e realizado, proporcionando o reconhecimento do valor da Instituição e a colaboração com os colegas no desempenho das atribuições diárias;
    Considerando, por fim, que a satisfação no trabalho está ligada tanto a aspectos palpáveis quanto a fatores mais subjetivos, como o respeito, a confiança, a união e sua segurança, competindo à Secretaria da Segurança Pública fomentar projetos capazes de promover a dignidade e a boa imagem da profissão policial, além de proporcionar um clima de trabalho agradável e respeitoso.
    Resolve:
    Art. 1º – Fica instituído o Programa de Valorização Profissional denominado “Policial Nota 10”, para as polícias Civil, Militar e Técnico-Científica, por meio do qual o Governador do Estado de São Paulo e o Secretário da Segurança Pública prestarão homenagens aos policiais indicados como destaque no mês anterior, em face dos relevantes serviços prestados à sociedade, tanto no exercício de funções administrativas, quanto operacionais, na presença de seus Comandantes/Chefes/Diretores, familiares e convidados.
    Art. 2º – As Instituições policiais encaminharão até o dia 20 de cada mês, suas indicações, mediante critério próprio, lista com 10 (dez) policiais indicados a serem homenageados, constando:
    I – nome completo;
    II – posto/graduação/cargo/função;
    III – síntese do fato ou circunstâncias que motivou a indicação, com data, hora e local.
    Parágrafo único – Os indicados pela Polícia Civil contemplarão, dentro do limite estabelecido neste artigo, os indicados pela Polícia Técnico-Científica.
    Art. 3º – A Secretaria da Segurança Pública, de posse da indicação dos policiais, por meio da sua Assessoria de Comunicação, fará o encaminhamento da lista de indicados para a Secretaria de Comunicação do Estado de São Paulo até o penúltimo dia do mês, visando às providências para a realização da cerimônia de valorização profissional.
    Art. 4º – A cerimônia de valorização profissional ocorrerá próximo ao dia 10 do mês subsequente a indicação, no Palácio dos Bandeirantes, ocasião em que os policiais homenageados receberão um certificado de “Policial Nota 10”.
    Art. 5º – Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação.”””

    Nota 10 paga boleto?

    Curtir

  101. Ato público ‘Todos com Jean Wyllys’ nesta terça em SP
    29 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    A Faculdade de Direito da USP (Largo São Francisco) vai sediar nesta terça-feira (29) o ato público “Todos com Jean Wyllys: em defesa da democracia”, promovido pelo Partido Socialismo e Liberdade (Psol) e o Centro Acadêmico 11 de Agosto.

    Juristas, lideranças partidárias, intelectuais, artistas e movimentos sociais se reunirão para apoiar a decisão de Jean Wyllys. “Entendemos que sua saída se dá por uma degradação da democracia nacional, já que mesmo eleito pelo povo, o deputado não se sente seguro para assumir seu próximo mandato” afirma a convocação do ato pelo Facebook.

    Várias lideranças políticas e personalidades confirmaram presença na manifestação como Guilherme Boulos, Manuela D’Avila, Fernando Haddad, Laerte Coutinho, Amelinha Teles, Ana Cañas, Fernando Morais, Isa Penna, Ivan Valente, Juliano Medeiros, José Trajano e Vladimir Safatle, entre outros.

    Curtir

  102. kkkkkk primeiro que essas pessoas não são personalidades nenhuma ,salvo o ivan valente, alguns inclusive são bandidos, mas vamos quantos gatos pingados vão aparecer ….bom se tiver onibus gratis do sindicato e pão com mortadela vai dar umas 100 pessoas !!!!!!!

    Curtir

  103. “graças a Deus me livrei dessa bosta” … disse a bolsa ao sair do corpo do bolso. kkkkk

    Curtir

  104. Queiroz quer “falar por escrito” ao MP para não se enrolar mais
    POR FERNANDO BRITO · 29/01/2019

    De Thiago Prado na Época, agora que estamos na iminência de que o Ministro Marco Aurelio – nas suas próprias palavras – mande para o lixo a suspensão das investigações do cado Fabrício Queiroz-Flavio Bolsonaro, o assessor de R$ 7 milhões está buscando uma forma de evitar um depoimento que o incrimine mais diate do Ministério Público.

    Como não poderá mais fugir do depoimento do MP em fevereiro, a ideia da defesa de Queiroz é apresentar uma peça por escrito detalhando as justificativas de seu cliente. Provavelmente a mulher e as filhas de Queiroz adotarão a mesma estratégia.

    Ou seja, querem que seus advogados é que sejam interrogados, para que se tente uma “história plausível”.

    O pior é que, segundo a revista, os promotores podem aceitar o pedido para “falar por escrito” da família Queiroz.

    Um picareta destes, benemérito de milícia, é tratado com todas as deferências, vergonhosamente.

    Um ex-presidente, com camburão.

    Curtir

  105. Como disse Pragmatismo neste blog:

    Sem salário, sem carreira, sem condições humanas e materiais, mas nota 10????????

    “””GABINETE DO SECRETÁRIO
    Resolução Ssp 008, de 28-1-2019
    Institui o Programa de Valorização Profissional Policial Nota 10.

    Esse governo Dória, ri da nossa cara mesmo, publicou o bônus na secretaria da fazenda, depois tirou da página. E agora vem com essa de nota 10.
    Até hoje na polícia vi muitos elogios aos apadrinhados, foram raras as exceções, em que alguém recebeu elogio pelo desempenho. Quando não apadrinhados, realmente estes fizeram por merecer. Mas num contexto em que a polícia está sucateada, já merecem elogios nota dez, os policiais do interior que trabalham sozinhos. Os escrivães que tocam 400 inquéritos e ainda alguns plantões. Os tiras que fazem OS e ainda puxam escala Extra de escolta e até mesmo merecem nota dez os tiras que pagam pra figurar na escala e que nunca aparecem(merecem pela esperteza)

    Curtir

    • Parece que estamos de volta as escolas públicas de antigamente, “”aluno nota 10 Parabéns,””……….General não precisamos de menção nota 10, isso não é escola. Quer valorizar a carreira policial reajuste os salários….. todo dia é um pesadelo novo.

      Curtir

  106. Vamos ao que interessa!

    Bônus já provisionado no Banco (Lançamentos Futuros) para pagamento em 01/02/19.

    Curtir

  107. Gente, honesto é o LULA, a Dilma e seus “cumpanheiros” e filhos, nunca desviaram um real de dinheiro público e só fizeram bem aos pobres e à economia do Brasil kkkkkk

    Curtir

  108. Moro agora também é molusco, igual Lula
    30 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    O ministro da Justiça, ex-juiz Sérgio Moro, recebeu uma homenagem inusitada. Um novo molusco descoberto no Ceará foi batizado de “Lavajatus moroi”.

    A homenagem partiu do biólogo Luiz Ricardo Simone que descobriu um novo gênero e espécie de molusco. Ele trabalha no Museu de Zoologia da USP.

    A espécie é um tipo translúcido que vive em cavernas da região de Santa Quitéria no Ceará.

    LEIA TAMBÉM: URGENTE: Polícia Federal nega direito de Lula ir ao enterro do irmão

    A descoberta e o nome escolhido foram publicados na revista científica alemã “Spixiana”, informou a jornalista Monica Bergamo em sua coluna na Folha de S. Paulo.

    Agora, Sérgio Moro alcançou o mesmo status de seu maior desafeto, o Lula. Ambos são moluscos.

    Curtir

Os comentários estão desativados.