Putaria no DOPE – Departamento de Ostentação Policial e Embuste 31

O recém criado DOPE – Departamento Policial de Operações Estratégicas, que teve o objetivo nítido de promover seu diretor amiguinho do Dória, de estratégico não tem nada, apenas o nome.

Alugado por valor exorbitante ao mês, o prédio do DOPE não tem estacionamento para as viaturas policiais e nem mesmo, sequer, armário para os agentes guardarem armas e apetrechos de serviço. Os veículos oficiais ficam estacionados no entorno do quarteirão, entre garotas de programa e homossexuais seminuas que disputam os espaços em busca de clientes. Alguns desses, inclusive, utilizam-se dos veículos particulares e de serviço estacionados para se encostarem e também para se arrumarem.

A rua lateral e todo o entorno da sede do DOPE, durante a noite vira terra de ninguém, um verdadeiro mercado do sexo a céu aberto, e pior, acontece às claras nas esquinas e ruas ao redor do edifício policial suntuosamente decorado, mas que não conta com chuveiros para funcionários tomarem banho após as extenuantes 12 horas de plantão que, não raro, transformam-se em 15 ou mais, a depender do andamento das ocorrências atendidas.

Causa mal estar o trânsito que se cria, principalmente nas noites dos finais de semana, por motoristas de carros de passeio e, principalmente, caminhoneiros que ali se aventuram em busca de diversão carnal. Independentemente do direito à livre expressão de suas preferências sexuais, havemos de concordar que não fica nada bem tal movimento acontecer nas ruas adjacentes a uma unidade policial da importância que tentam empregar ao DOPE, principalmente por incitar furtos, roubos, tráfico de drogas e episódios de violência dentre outros delitos.

Acabar com os grupos SOE,GOE e outros grupos operacionais que, apesar de todas as mazelas das unidades e da Policial Civil, ainda mantinha policiais interessados em de fato prestar o apoio necessário aos investigadores de campo e demais policiais que pudessem vir a precisar, não foi suficiente. Foi como se de um dia para outro acabassem com a ROTA na PM. Houve a necessidade também de comprar briga com outros diretores e fazer inimizades para se autopromover politicamente. Esse parece ter sido o principal combustível desta empreitada. O senhor diretor do DOPE, que todos sabem ser um ótimo marketeiro, porém péssimo policial e ainda pior administrador público, já foi motivo de chacota em uma série de episódios. Um deles todos lembram bem, quando se atrapalhou todo com uma correia de arma ao entrar ao vivo na tv para dar entrevista ao telejornal sensacionalista e desprovido de bom senso do famoso Datena. Outra ocasião vergonhosa foi quando apreenderam cadáveres de tatus que seriam vendidos irregularmente. Além de jogar o tatu com desdenho ao final da reportagem, mas ainda no ar, termina a gravação xingando um cachorro que latia durante o tempo da exibição televisiva do seu ego inflado.

Por falta de local adequado para estacionar as viaturas, os Policiais do DOPE são obrigados a as levarem e as deixarem em unidades policiais perto da suas residências. Em episódio recente, viaturas que estavam estacionadas na rua paralela ao prédio, foram danificadas por uma enchente que inundou a região e alagou diversas ruas. Algumas viaturas ficaram submersas e tiveram várias avarias, principalmente nos sistemas elétricos e eletrônicos. Algumas foram descartadas. Quem será que pagou o prejuízo? Certamente não foi o Estado. Como todos sabemos acontecer em todos os setores da Polícia, muito provavelmente os agentes foram responsabilizados pelos prejuízos e tiveram que arcar, como sempre acontece, com as despesas de manutenção que, sem dúvidas, não foram baratas.

Claro que, em se tratando de DOPE, não dá pra ficar sem falar na dupla Palumbo/Kenji. Depois de anos comandando o GARRA sem a menor noção do que deveria ser o trabalho de uma unidade de apoio operacional na Polícia Civil, o delegado que já atuou no DENARC, no GOE e em outros setores da polícia, se utilizou do serviço público para se autopromover e muito provavelmente concorrerá a uma vaga na Câmara Municipal da capital, pois já está licenciado para tal.

O GARRA que já estava capenga agora está manco. Da União dos grupos operacionais da capital, tais como SOE e GOE, que deveria aumentar o efetivo operacional do novo departamento, causou debandada de policiais em busca de outros locais para trabalharem por discordarem das mudanças enfmgendradas. Parece que os quer lá estão, só estão por interesse de ter viaturas para utilizarem nos bicos e desta forma complementarem a pífia remuneração ofertada pelo Estado.

Sobre o GER, não há o que falar, não se sabe o que fazem e nem para que servem os policiais que ali estão, senão para publicarem fotos em mídias sociais como verdadeiros modelos policiais.

DOPE – Departamento de Ostentação Policial e Embuste.

Autoria: SECRETIRA POLICIAL

  1. Excelente narrativa em relação ao midiático DOPE. Que aproveitem o momento, pois em breve vai acabar junto com seus criadores.

    Curtir

  2. Bela reportagem! Parabéns ao pessoal do Flit e ao fotógrafo. Só falta falarem que é fake news do gabinete do ódio. Moças fake? Cadê os policiais anti-fascismo para protestar?

    Curtir

    • PU**que pariu, literalmente., hehehehehehe
      Que triste nossa situação, mas creio que o caminho é o que foi feito em operação na cidade de Monte Mor, denominada Operação Contact:

      Dois promotores,
      Uma dezena de viaturas do BAEP, apoiados pela Força Tática…

      Polícia Civil!? ZERO!
      Capital ainda tá light, tá de boa, ainda…
      Venham pro interior e avaliem por si mesmos…

      Curtir

  3. Aos doutores administrativistas , essa omissão da diretoria em relação às viaturas largadas ao tempo não importaria em responsabilização civil, criminal e administrativa? E o dever de zelar pela guarda e conservação dos bens públicos? Baita mau exemplo de gestor. Será que cuida da mesma forma dos seus empreendimentos privados?

    Curtir

    • Vergonha!! Palumbo e aeu pupilo chefe jApones tomaram conta do Garra (DOPE) p seu auto promover! Vergonha!

      Curtir

  4. Pelo visto alguém tá no veneno com o Diretor do DOPE.
    O fato narrado não é novidade, a maioria dos DPs ficam nas periferias rodeado de favelas, o DPS do centro rodeado de prostíbulos, putas, cafetões, noias, ladrãozinhos e traficantes.
    Dr. Guerra traga fato novo…

    Curtir

    • Quem é o Diretor do DOPE ?

      Meu caro , puta e travesti na rua não é questão policial …Prostibulo , cafetão , ladrão e traficante , são! De todos a PC toma uma notinha!
      De resto, cabe ao Exmº Delegado cuidar para que as viaturas não fiquem largadas às intempéries climaticas e zelar por melhores condições de trabalho para os subordinados. Em todos os locais que trabalhei – foram 23 anos – sempre encontrei um banheiro com chuveiro. Onde não tinha mandei fazer. Pois todo mundo , vez ou outra , tem dor de barriga. O papel higiênico é apenas a etapa antecedente ao banho. Mas tem quem goste de ficar com a cueca ou a calcinha riscada, né? Não basta ser perfumado, tem que ser limpinho!

      Curtir

  5. Pensei que eu tinha entrado num blog porno. Mas está certo mesmo kkkkk é o blog do Dr Guerra.

    Curtir

  6. Esse é o retrato fiel no que dá deixar a Polícia Servil, unicamente, nas mãos de delegados, esculacho atrás de esculacho.
    E tem uns e outros que se dizem “juízes da primeira hora”, nada mais ridículo.
    Parafraseando o Capitão Nascimento Nunca serão!
    Bando de comédias

    Curtir

  7. Tem entrevista que alguns delegados dão que dá vontade que dar chinelada na cara.

    Desprestigia a Instituição, graças a deus que a maioria da população e ze povinho”, então acha aquilo sensacional.

    Sem falar um delegado que esta sempre na mídia que fala cuspindo, sempre há a nana esbranquiçada no canto da boca.

    Basta o Dope rechaçar a atuação das putas, porta, e Dope Doce ou nao e?

    Vê se tem atuação assim ao lado de Cia de Pm.

    Policia civil tem que parar de ser embusteir, corrupta e começar a trabalhar pra ficar como a PF.

    Curtir

  8. tem nego preocupado com cu de puta e viado! Enquanto isso nossa aposentadoria indo pro brejo junto com a estabilidade. salario nem comento mais! mas o que ta valendo é puta e viado fazendo programa na rua! e nos sonhando em receber salarios compativeis com os federais! Jamais seremos!

    Curtir

  9. Só faltou questionar o porque da base ser em um local tão ruim, que alaga e tem prostituição, sem estacionamento para as viaturas. Seria porque esta providencialmente próxima a duas transportadoras de valores (prossegur e protege) usando a estrutura pública pra prestar segurança a empresas privadas? Quem ta ganhando com isso? E esse aluguel desse prédio ta indo pra algum amigo?

    Curtir

  10. Parabéns ao autor pelo ótimo comentário. Retrata com fidelidade o estado falimentar da Polícia Civil Ltda, que tem entre seus sócios proprietários, o protagonista principal desse descalabro em que nos encontramos. Sempre “gozou com o pau dos outros”.
    Os operacionais vão pra cima, dão as canas, as vezes em exaustivas jornadas de serviço, mas, na hora do holofote, ele aparece na fita só para se promover pessoalmente na mídia, nos programas policiais que repercutem o trabalho da polícia.
    Somos propriedade desses empresários que se apossaram da polícia para dela se utilizarem com vistas á promoção pessoal e dos negócios de suas empresas particulares.
    Você não trabalha para promover a segurança pública da sociedade que paga o seu salário, mas sim para a promoção pessoal e empresarial dessas pessoas.
    Cadê a Dra Ivalda que tanto se dedicou, juntamente com seus policiais, para levantar o nome desse departamento?
    O pizzaiolo poderia ao menos informar se houve melhoras em seu estado de saúde.

    Curtido por 1 pessoa

  11. Um absurdo mesmo! Departamento criado que não apoia nenhuma operação! Pelo contrário, os departamentos E delegacias quando tem que dar uma cana pedem apoio para outras delegacias, que tem que parar tudo que estão fazendo para apoiar as equipes das outras delegacias! resumindo um grupo operacional que não apoia nada!!! Usa as melhores viaturas tem os melhores recursos! Mas a essência para que foi criado não funciona

    Curtir

  12. PU**que pariu, literalmente., hehehehehehe
    Que triste nossa situação, mas creio que o caminho é o que foi feito em operação na cidade de Monte Mor, denominada Operação Contact:

    Dois promotores,
    Uma dezena de viaturas do BAEP, apoiados pela Força Tática…

    Polícia Civil!? ZERO!
    Capital ainda tá light, tá de boa, ainda…
    Venham pro interior e avaliem por si mesmos…

    Curtir

  13. Essa de pagarem aluguel prá por prédio da polícia não para aí não………há N predios que pagam aluguel!!! Simples: extingue-se DEFINITIVAMENTE alguns DPs do Decap, utiliza-se tais prédios para abrigar aqueles que pagam aluguel e reloca os policiais de todas as carreiras existentes nos DPs extintos em outras delegacias, defasadas de viaturas, mão de obra e outros!!! É só quererem!!!!!

    Curtir

  14. RECEITA PARA FICAR MILIONÁRIO:

    Massa de pizza simples
    Nem toda receita de massa de pizza precisa ser complicada. Esta versão fica bem lisinha e crocante. É fácil de preparar, leva poucos ingredientes e fica pronta em poucos minutos.

    Ingredientes
    2 ½ xícaras (chá) de farinha de trigo
    ¼ de xícara (chá) de água morna
    2 colheres (sopa) de manteiga derretida
    1 colher (chá) de fermento químico em pó
    1 colher (chá) de sal
    1 colher (chá) de açúcar
    1 ovo
    Modo de preparo
    Em uma tigela, misture todos os ingredientes secos, a manteiga e o ovo. Quando formar uma farofinha, acrescente a água aos pouquinhos e vá mexendo até que a massa fique lisa e homogênea. Deixe descansar por 10 a 15 minutos.

    O próximo passo é abrir a massa. Polvilhe um pouco de farinha na bancada e vá passando o rolo até que fique do tamanho de sua assadeira. Faça uns furinhos com um garfo e leve ao forno pré-aquecido a 200 graus por 10 minutos, para que ela fique levemente dourada.

    Em seguida, recheie com molho de tomate, queijo e outros ingredientes de sua preferência e volte ao forno por mais 10 minutos, ou até que o queijo derreta.

    Curtir

  15. Sindpesp 90% matérias de Lei Maria da Penha lembrando que o Sindicato foi contra a criação do plantão de 24 horas nas DDM’s do Estado.
    Adpesp entrevistas pró governo, os entrevistados dizendo que vão contratar, vai melhorar, melhores condições de trabalho….

    Enquanto isso prédios caindo aos pedaços vide o DP de Santos e 1• DP da Capital.

    Hora do Sindpesp e Adpesp solicitarem os laudos de vistoria do Corpo de Bombeiros para todas as unidades. Certo que recebemos insalubridade mas não podemos admitir trabalhar em condições insalubres proporcionadas pelo Estado.

    Curtir

  16. Quer dizer que tem que tomar banho após o plantão? 16 anos de polícia e nunca vi plantão do DECAP ter chuveiro e nunca ninguém reclamou

    Curtir

  17. O pizzaiolo está providenciando botes e lanchas caracterizadas para o próximo verão. disse:

    Se o cidadão precisar ir ao DPOE em noite de lua cheia, vai chegar lá de pau duro. Se for em dia de chuva, só chega com bote salva vidas do Corpo de Bombeiros. Que bom hein!
    Bom mesmo é quando o cidadão sabe que o aluguel do prédio vem de parte dos tributos que ele paga.
    Vale lembrar que foi na inauguração disso, com a presença do governador, que o Senador Olímpio teve cerceado o direito de se manifestar democraticamente contra a precária situação salarial dos policiais deste Estado.
    E dá-lhe pizza.
    Ninguém merece!

    Curtir

  18. Toda uma estrutura pra pegar tatu, apreender carro velho, prender vendedor de Gás…que vergonha.

    Curtir

    • Ridículas as canas!!!

      3,4 vtrs top..6 de polícias para prender perna de rato do OLX vendendo lambreta dublê.

      Mas da ibope e voto né !?

      Curtir

    • E o desenho que fizeram na parede com a cara dos delegados e do chefe japones p se promoverem? Q comedia, vergonha… tomaram conta do garra

      Curtir

  19. Ze pilantravi, há alguns meses, uma “cana” que pareceu monstruosa: 5 viaturas, sendo uma descaracterizada, delegado, e operacionais armados até os dentes, até com bomba nuclear!

    Quando vi a ocorrência, só reforcei o que penso do grupo: toda essa firula pra apresentar um carro envolvido em estelionato, coisa simples, nada de complexo ou caminho pra rachar outros crimes.

    Não é por menos que muitos policiais ridicularizam e veem com chacota operações como a caça tatu.

    Esse departamento era pra rachar paiol de fura, casa bomba, etc, operações de vulto a modo de significar a Instituição, e não ao contrário.

    Curtir

  20. ESQUECERAM DE FALAR DO PELICANO, PARAÍSO DOS DELEGADOS , CHEIO DELES, PILOTANDO HELICÓPTERO, QUEM DISSE QUE PRECISA SER DELEGADO PARA SER PILOTO, E OS DPS NECESSITANDO, TEM UNS 5 LA

    Curtir

  21. Em relação ao Delta Palumbo e entre outros que usam a instituição como trampolim político nas redes sociais, estes deveriam sofrer uma quarentena para concorrerem aos cargos públicos políticos. Assim como é feito na Magistratura para realizar advocacia, o inverso deveria ocorrer em relação àqueles que usam da Máquina Estatal para alçarem voos políticos.

    Violam frontalmente e ABERTAMENTE o §1º, do Art. 37, da CF. E violam sob vista grossa das Corregedorias. É um problema gigantesco esse pessoal que não sabe se portar com discrição, mas fica eufóricos para ganhar likes e viewers do povo leigo que pensa que ser policial é vivenciar o filme Tropa de Elite.

    Eu ainda concordo que deve haver sim uma resolução interna proibindo SIM manifestação pública dos agentes ENQUANTO representantes do Estado.

    Quer dar pitaco sobre algo? que faça sem uso de viatura, distintivo, arma e muito menos dentro de operação.

    Simples assim.

    Curtir

  22. Quanto ao DOPE, o que esperavam? É apenas um brinquedo.

    Qual é a utilidade real para as distritais e departamentos? mínima pra não dizer nenhum.

    Qual é a utilidade para população que custeia através de tributos este departamento? nenhum, pois mínima não é.

    Eu tenho uma concepção simples em relação a toda essa estrutura policial que se cria de tempos em tempos: Polícia Civil é inteligência. Discrição. Trabalho intelectual.

    Quer aparecer? quer andar de óculos escuro e braço pra fora da viatura? uniformizado?

    Preste concurso para Polícia Militar e saia da Polícia Civil.

    É um bem a instituição e, em última instância, para população que não merece pagar CARO para um servidor de fachada que não tem coragem de entrar em Carapicuíba, mas vende imagem de supercop no instagram.

    Curtir

Os comentários estão desativados.