POLÍCIA CIVIL NO FUNDO DA COVA CAVADA COM AS PRÓPRIAS MÃOS 13

Com tristeza acabo de saber por amigos de dois fatos lamentáveis que , no momento, não posso publicar uma postagem com maiores informações , mas em linhas gerais , demonstram a deterioração MORAL do órgão. Digo moral , pois a material não justifica tais fatos:

1) Escrivão de polícia do interior , acompanhado da esposa, teve o seu automóvel crivado de balas em área do DECAP. Escaparam e compareceram ao 33 DP , salvo engano. Na unidade a escrivã nada fez, alegando que não era sua atribuição atender ocorrências. Que lá estava cumprindo escala no lugar de um investigador. E fim de papo. Nada de delegado , nada de buscar quaisquer providências. As vítimas lavraram o boletim de ocorrência em Delegacia do DEINTER. Mas, por medo de retaliações, não mencionaram o eventual crime de prevaricação. Evidentemente, nada foi feito por negligência dolosa , popularmente chamada: VAGABUNDAGEM.

2) E por conta da VAGABUNDAGEM na Polícia Civil, a cúpula, distorcendo a legislação, encaminha ao Governo uma solução ainda mais vadia: a contratação temporária de policiais civis que se aposentaram voluntariamente. Quem será que , arrependido , quer voltar? Vai ganhar em dobro? Jamais! Vai roubar em triplo.

Diga-se , não há lei impedindo a abertura de concurso para preenchimento dos claros decorrentes de aposentadoria , exoneração ou demissão. Logo , salvo melhores e abalizadas opiniões, essa iniciativa atende a interesses pessoais de quem se aposentou , mas ainda gostaria de um carguinho estratégico na Administração. Espero que a edificante iniciativa evolua e contratem os que sofreram demissão simples. Desde já me ofereço para uma função administrativa na DGP ou na Secretaria.
Desculpem-me, liguem 190!
A PC perdeu a alma, não passa de um morto-vivo. ​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​
316e222a2cfc6ba7e5c968dc234edd545e8e57d0

  1. Tá uma sacanagem geral isso ! Acredite já está sendo previsto a dança das cadeiras… Mas quero dizer que as cadeiras já estão com seus nomes escritos em papéis e colados no encosto.

    Curtir

  2. Dr. Roberto Conde Guerra Bom dia: Concordo litralmente com os dois itens.

    Curtir

  3. Triste fim! Se a instituição está tratando com descaso seus funcionários, imagina o restante da população, que raras exceções, digo raras porque ainda temos profissionais competentes e comprometidos com o trabalhos, chutam as ocorrências como se fosse bola!

    Curtido por 1 pessoa

  4. Se verdade for o que restou relatado. Apesar de todo o seu valor e a indiferença da Administração, polícia civil está próxima do fim do poço.

    Curtir

  5. Esse negócio de Cargo só é uma Desculpa pra Camuflar e Esconder-se da vagabundagem de alguns Acomodados da Polícia civil.
    Vejo Agentes Investigando mais que Investigadores.
    Depois que passou no concurso já era… Não precisa fazer mais nada.
    Agente de Polícia Judiciária igual na Polícia Federal, não terão mais desculpa pra se encostar.
    Agente faz tudo e.

    Curtir

  6. NADA, absolutamente, NADA, muda o cenário atual da policia judiciaria bandeirante! estamos fadados a extinção! muitos que prestam concurso, ao entrar e constatar a situação em que os governos deixaram a outrora melhor policia investigativa nacional, nem perdem tempo e já prestam concursos mais atraentes, como oficial de justiça, escrevente do judiciário, até o mais alto cargo, de delegado, muitos desistem e voltam a advogar, somente restando aqueles policiais que já eram de outras carreiras e estudaram para melhorar sua função e aposentadoria. Infelizmente, o que ocorreu com o colega, e a sociedade em geral sofre também, é por culpa exclusiva dos governantes que elegeram no passado e na atualidade. E tem policia que vem com jargão que não vota no PT, como se a quadrilha desse partido governasse são Paulo há mais de 25 anos! Se a propaganda engana aqueles que deveriam estar no ápice da malandragem, imagina o Zé povinho? A Pm não está diferente não! chama 190 e veja como é o atendimento. puro chute de um lado pro outro. exceto se você der um tiro no vagabundo, dai comparece CGP, oficial, promotor, corregedoria, tudo pra achar um pelo pra fuder com o policial mas eles estão certos! sabe por que? pagam 25 mil pra juiz julgar as provas que operacionais colheram e ganham 4 conto! pagam 25 mil a promotores para denunciar e dar entrevista em cana de operacional( tanto civil quanto PM) que se arriscaram e ganham 4 cruzeiro e precisam se matar em bico ou fazer corre na rua! pagam 14 merreis para oficial de promotoria ficar pendurado em telefone de policia, para GAECO vir posar de combatentes do mal e corrupção, enquanto pra vc ter um mandado ou interceptação de ladrão através de investigação, quase que a mesma sorte de acertar na loteria! e não adianta falar em reformulação de cargo, aglutinar funções, etcetcetc. nem de fazer concurso interno pra delegado no plantão! vai continuar a mesma merda. saudades da época em que delegado ganhava igual juiz! que tira ganhava igual oficial PM e era respeitado! Hoje ninguém respeita policia! è FATO! melhor é ficar encostado no plantão, sem ser polo de atendimento, ou de garagista ou segurança do prédio da alfredo issa! Ainda existem alguns herois que labutam profissionalmente! poucos, mas ainda existem! Vai saber ate quando. eu ja entreguei os pontos faz tempo…. sem piça, sem forum, sem operação segura cadeira, sem dirigir pra titular! pastelaria DECAP, e sem dor de cabeça! contando meses pra aposentar….

    Curtir

  7. Essa PC não tem mais jeito não, acabou, já era, faliu de vez….etc. Agora os “iluminados’ se intitulam policia judiciária, com suas CPJ e o caraleo a quatro. Fica quem quer, entra quem quer, melhorar nunca, para mim já deu, fui. Aos que ficarem, continuem assim, estão fazendo um otimo serviço, bem ao estilo da merecida população.

    Curtir

  8. Delegado e agentes são suspeitos de falsificar ocorrências de furtos e roubos de cargas para ficar com dinheiro de seguros, em Goiás
    Corregedoria da Polícia Civil cumpriu mandados cumpriu mandados de busca e apreensão nas casas dos investigados. Eles teriam falsificado mais de 70 ocorrências em vários municípios.
    Por Gabriel Garcia e Guilherme Rodrigues, TV Anhanguera e g1 Goiás

    22/12/2021 21h49 Atualizado há 11 horas

    Um delegado e seis agentes são suspeitos de falsificar boletins de ocorrências de furtos e roubos de cargas para ficar com o dinheiro de seguros, em Goiás. Uma operação da Corregedoria da Polícia Civil cumpriu mandados cumpriu mandados de busca e apreensão nas casas dos investigados. Eles teriam falsificado mais de 70 ocorrências em vários municípios.

    Compartilhe esta notícia no WhatsApp
    Compartilhe esta notícia no Telegram
    O g1 entrou em contato com a Polícia Civil e com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás solicitando um posicionamento a cerca da investigação por e-mail enviado às 21h10, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

    Os mandados foram cumpridos nesta quarta-feira (22). De acordo com a polícia, o delegado de Nerópolis, André Fernandes é um dos investigados. Ele também já foi Delegado-Geral da corporação.

    O g1 entrou em contato com o delegado investigado solicitando um posicionamento por meio de mensagem enviada às 21h05, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

    Delegado André Fernandes — Foto: Vanessa Martins/G1
    Delegado André Fernandes — Foto: Vanessa Martins/G1

    Curtir

  9. É daí para a pior. Por isso incrementaram a Delegacia Eletrônica(máquina de b.o. quadrado), em breve tudo será via internet; os Deltas já são Whatsapp. Para fechar o caixão com prego de ouro, só falta a designação de aposentados se tornar uma convocação/reintegração…

    Boa passagem de ano a todos!

    Curtir

  10. Um dos mal da Polícia Civil é que, geralmente, na maioria das vezes, os Delegados escolhemos Chefes de Polícia puxa saco ou por motivos sei lá eu, raras as vezes os Chefes são escolhidos por serem qualificados.

    Curtir

Os comentários estão desativados.