Polícia Civil terá o Dr. Gaetano Vergine como diretor do DEINTER-6 17

Polícia Civil terá novo diretor na região e ‘efeito dominó’ é esperado

Por Santa Portal em 18/05/2022 às 21:31

Foto por: Reprodução/Santa Cecília TV e Reprodução/Polícia Civil

A Polícia Civil na região terá novo comando. O delegado Gaetano Vergine assumirá a direção do Departamento de Polícia Judiciária do Interior-6 no lugar de Manoel Gatto Neto. A troca ainda não foi oficializada, porque depende de publicação no Diário Oficial, o que já pode ocorrer nesta quinta-feira (19). Porém, nos bastidores da instituição a mudança é tida como certa e irreversível.

Atual diretor do Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap), Vergine comandará agora a Polícia Civil em 24 municípios, de Bertioga a Barra do Turvo, na divisa com o Paraná. Essas cidades da Baixada Santista, do Litoral Sul e do Vale do Ribeira integram as cinco delegacias seccionais do Deinter-6 (Santos, Praia Grande, Itanhaém, Jacupiranga e Registro), cujos titulares também deverão ser trocados.

O chamado “efeito dominó”, também conhecido por “dança das cadeiras”, é comum quando ocorre a substituição de algum diretor e sempre cria um clima de expectativa e apreensão. O primeiro sentimento é compartilhado entre aqueles que não se sentiam prestigiados pela antiga gestão, mas com a nova chefia têm a esperança de ocupar um posto de destaque.

O sentimento de apreensão passa a ser o daqueles satisfeitos com os atuais locais de lotação, mas que passam a se preocupar com possível troca. A mudança na cúpula do Deinter-6 e o consequente efeito dominó passaram a ser cogitados com mais força desde o último dia 25 de abril, quando o governador Rodrigo Garcia (PSDB) anunciou o delegado Osvaldo Nico Gonçalves para comandar a Delegacia Geral de Polícia.

Nico assumiu a chefia da Polícia Civil no Estado no lugar do colega Ruy Ferraz Fontes, que foi ser diretor do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope), antes comandado pelo novo delegado geral. O Santa Portal não apurou para qual unidade Gatto será designado, mas ela não será o Decap. Vergine já chefiou o Deinter-6, sendo substituído justamente por quem agora substitui. (EF)

Fonte: SANTA PORTAL

Conteúdo protegido. Leia mais em http://santaportal.com.br/policia/policia-civil-tera-novo-diretor-na-regiao-e-efeito-domino-e-esperado/

  1. Essa “dança de cadeiras” na Polícia Civil de SP, na prática normalmente não traz efeitos benéficos significativos. Aliás, deveria até envolver atos simples. O delegado-geral designar, à sua escolha, os delegados para os cargos mais importantes abaixo dele, tipo, diretores de departamentos, e estes, à sua livre escolha, designar os delegados cargos abaixo, tipo seccionais etc. Mas não é isto o que se ve! Há diretores de departamento que não conseguem “emplacar” nenhum de seus subordinados diretos e imediatos, da mesma forma forma que há seccionais que não conseguem “emplacar” titulares de delegacias e de distritos. E por que isso? Simplesmente, porque, não raramente, aquele que detém o poder lá em cima, objetivando agradar seus amigos, ou faturar de cima a baixo, “atropela” seus subordinados e chama para si a designação dos subordinados dos subordinados e assim por diante. E a “dança de cadeiras”, assim, se estende por meses, enquanto a Polícia pára num todo, aguardando as novidades. O “bolo” é grande, mas a “família” é muito maior, e sempre há o gordo da ponta que quer diversos pedaços. Até na “bandidagem” deveria haver ética! Mas não há.

    Curtir

    • Falou tudo! Não precisa falar mais nada! Resumido!
      Não teve um sequer que fizesse uma mudança significativa como valorização dos policiais civis.

      Curtir

      • Há tantos Projetos na Alesp que chegam a se perder nos projetos.
        Pô! Se não sabem fazer copia a Polícia Federal ou de outros estados.
        Mas o que prevalece aqui é desmerecer uns aos outros e o políticos adoram essa guerra interna.

        Curtir

        • Até agora. Até hoje.

          O único reconhecimento de valorização ou tentativa de reestruturação que vi foi o reenquadramento do Extinto Cargo de Carcereiro em Agente.

          Assim que deveria ser como na é na Polícia Federal: Agente, Delegado e Escrivão.

          Curtir

          • O Excelentíssimo Senhor Doutor Ruy Fontes não pensou duas vezes em emitir e reconhecer com Agentes que são, liberando funcionais e documentos

            Curtir

    • Para ter valorização dos policiais, tem que ter a verdadeira mudanças a primeiras é acabar com “o preço” da cadeira! Acho que conseguiram entender, né kkk

      Curtir

  2. Substituição aos 48 minutos do segundo tempo não ajuda em nada porque as chances de melhor resultado são ínfimas. Os departamentos do interior estão realmente no interior do caos. Não conheço um que se salve.

    Curtir

  3. Agora mudou tudo!!!! Agora tudo vai p frente!!! Agora teremos infraestrutura, servidores o suficiente e alguém que lute pela valorização da PC… plauuuuuuuu!!!!! Onde eu estou? Cai da cama de novo…

    Curtir

  4. No popular mudam as moscas a m… é a mesma! Enquanto manter a sina que a Polícia Servil ter que ser dirigida por delegados de polícia, escrevo isso sabendo o nível dos delegados de estado de São Paulo, será essa m…. eternamente! Daqui a menos de 8 (oito) meses nova dança das cadeiras, com os mesmos de sempre! Os mesmos de sempre, quero dizer delegados(as) nascidos de 1970, para baixo. Só velharia, recalcados, ultrapassados, tudo o que de pior em termos de atraso, gente deste naipe que vão participar da próxima das cadeiras! Minha sugestão que se faça uma corrida com cadeiras de rodas ou andador tamanha a quantidade de velho e velhaco que estarão na disputa do ou a disposição para sentar no trono!

    Curtir

    • Concordo plenamente. Só velhos caquéticos interessados no progresso da polícia civil. Sem qualquer interesse pessoal a parte.

      Curtir

  5. Barulho não muda números das pesquisas

    Fernando Brito 2022 4:06 pm

    Mais uma pesquisa XP/Ipespe, mais um resultado que não se altera.

    Lula segue com 44%, a dois pontos de liquidar a eleição no primeiro turno; Bolsonaro, depois dos pontinhos que ganhou com o falecimento da candidatura Moro, fica estacionado em 32%; Ciro também fica parado e. lá embaixo, curiosamente, a melhor variação é a de João Doria, que ganha 2 pontos em um mês, passado de 2 a 4% das intenções de votos.

    Ou ex-votos, porque só um milagre salva a sua candidatura.

    Simone Tebet oscila entre 1 e 2%, o mesmo que o desconhecido André Janones e o resto é traço.

    O rumo da economia segue errado para quase dois terços dos eleitores (62%), e os preços vão seguir aumentando para 64% dos mil entrevistados, por telefone.

    E gente da imprensa ainda insistindo que há “muita gente” avessa à polarização Lula x Bolsonaro.

    Claro que qualquer um de nós pode não gostar de eleição polarizada, mas é o que há para 2022 e, se continuarem no “muro”, nem polarização tenhamos para adiante disso.

    Três em quatro brasileiros sabem que esta é a escolha, sin más.

    Num possível 2° turno, a soma dos 53% de Lula e dos 34% de Bolsonaro deixa apenas 13% como nem-nem.

    Sabe qual é o único efeito da pesquisa? É dar algum conforto político a Doria, que ganha gás para dizer que está sendo trocado por uma candidata com ainda menos apoio que ele.

    Velório demorado, mas divertido este da 3ª via.

    PS O Ipespe ouviu por telefone com 1.000 pessoas, de 16 anos ou mais, entre os dias 16 e 18 de maio. O nível de confiança é de 95,5% e margem de erro de 3,2%. Registro no TSE de número BR-08011/2022.

    Curtir

    • Gostaria de saber o local das ligações, do interlocutor, sobre intenção de votos?

      Curtir

  6. Tô torcendo para esquerda ganhar em São Paulo para que este bando de velhas raposas do Conselho seja chutado para fora. E um povo nojento que judia de quem trabalha e só faz lerda.

    Curtir

  7. Sabemos que esse ano irá até outubro, quando ocorrerá as eleições. Como é habitual, a polícia para daí em diante! Ninguém quer se queimar. Puxam o freio de mão. Grandes departamentos estão praticamente parados! Só não vê, quem não quer! A bem da verdade, estão todos aguardando ansiosamente os resultados das eleições pra se alinharem politicamente, aí sim, garantirem quatro anos de cadeira!!!, sem contar que no mês de novembro vem a copa do mundo!! Boa sorte ao Novo Diretor!!

    Curtir

Os comentários estão desativados.